Se você soubesse qual seria seu o último dia...

Autor Jefferson L. Orlando - contatosoldoeverest@gmail.com

Compartilhe
   

                                              

Se você soubesse qual seria seu o último dia, o que faria?

Não estou perguntando algo superficial, algo para se comprar ou do tipo para não se fazer nada, estou me referindo àquilo que preenche o coração de forma profunda! 

O que você faria de valor para sua Alma?

Muitos vivem a vida como se nunca fossem partir em definitivo desta jornada terráquea!

Morrer? Quem morre é o corpo, o Espírito é eterno, portanto, tudo que você pensa, sente, fez e, principalmente, deixou de fazer será sua bagagem nesta viagem de volta para sua verdadeira casa, A Casa dos Espíritos.

Se fosse hoje seu último dia, como estaria sua bagagem de volta para a verdadeira casa, mais leve ou mais pesada de quando chegou?

De lá viemos para mais uma jornada de experiências, aprendizados, superações, harmonizações e em dado momento precisaremos voltar, mas com um pequeno detalhe: quando?

O ser humano tem a “consciência” que isso um dia acontecerá, mas o que ele está fazendo com sua vida (sua oportunidade espiritual)?

Você sabe o que você está fazendo com sua vida?

Se você soubesse qual seria seu último dia, o que faria de diferente na sua vida? Que sonho realizaria? Para quem pediria perdão? Quem teria sua gratidão mais profunda?

Algumas simples perguntas de tantas outras que acumulamos ao longo de uma vida, agora expanda isso a centenas e centenas de encarnações já vividas! Na base da imaginação, pense, sinta quantas coisas deixamos para trás que nos colocaram exatamente aqui nesta situação, meio, gênero, lugar e vida?

Agora é necessário você saber quando será seu último dia desta vida para fazer tudo o que seu espírito pede/precisa?

Não “espere” através da “inércia” ou da dor a mudança para melhor, tome as rédeas da sua vida, ponha a alma na ponta do coração, afaste os pensamentos que destroem sua vida, acredite mais na sua intuição, exercite tudo que seja necessário para você viver uma jornada que seja profunda e significativa para seu Espírito.

Ao longo do tempo, venho vivenciando inúmeras bênçãos em minha vida e uma das maiores é ter a lucidez que nunca é tarde para mudar o rumo que está trilhando, mas tem algo fundamental que deve ser feito: Atitude (“querer” fazer algo para viver em plenitude – só depende de você).

A espiritualidade sempre esteve ao seu lado e sempre estará, mas existem determinadas coisas em nossa jornada de infinitos aprendizados que dependem exclusivamente de cada indivíduo, caso contrário, não haveria necessidade de encarnar, alguém faria tudo por você e Deus com certeza não quer isso para seu filho, pois Ele sabe de seus potenciais.

Não espere o último dia para fazer tudo que sente, sonha e acredita. Viva sua vida agora e não tente viver a vida dos outros.

Desperte para a bênção que é a vida! 

Quando sentir que sua vida é um sonho realizado e a cada novo dia, quando o Sol aparece, você vive como se fosse seu último dia, então, você encontrou o sentindo para sua vida (missão de alma).

Que Deus ilumine todos os que estão lendo estas linhas escritas e que a energia aqui impressa nestas palavras multiplique-se ao infinito ancorada na mais pura luz!

Amor
Determinação
Confiança

Jefferson L. Orlando
São Paulo, 23 de Outubro de 2013

Site: www.soldoeverest.com.br

Canal Sol do Everest: www.youtube.com/soldoeverest


Texto revisado



Obrigado por votar

Gostou deste Artigo?   Sim   Não   
Avaliação:
Se você soubesse qual seria seu o último dia...
5 18

Compartilhe
   

Autor: Jefferson L. Orlando   
Psicoterapeuta Reencarnacionista, Palestrante, Ministrante, Escritor, Apresentador do Programa Sol do Everest, Jornada Espiritual, Ensinamentos Extrafísicos e Projetivos (Canal Youtube), Projetor Extrafísico e Espiritualista. Reside e atende em São Paulo/Capital com a Psicoterapia Reencarnacionista, Regressão Terapêutica e Regressão à Distância.
E-mail: contatosoldoeverest@gmail.com
Visite o Site do autor e leia mais artigos.

Publicado em 23/10/2013
 

Deixe sua opinião sobre este artigo



Acessar seu Clube STUM
Faça
seu login


© Copyright 2000-2018 SOMOS TODOS UM - O conteúdo desta página é de exclusiva responsabilidade do Participante do Clube. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços oferecidos pelos associados do Clube, conforme termo de uso STUM.