A terrível servidão humana

Autor Paulo Tavarez - [email protected]
Facebook   E-mail   Whatsapp


Estude, investigue, aprenda, busque o conhecimento com toda intensidade possível. Não deixe de ser curioso, não se conforme com o desconhecimento, pois não  existe outra forma de livrar-se da canga atrelada às suas costas que não seja através de um entendimento amplo do jogo que está sendo jogado. 

Não há soluções mágicas para a libertação, não adianta protestar, chorar, reclamar ou lutar em vão contra as Instituições opressoras poderosas que se impõem sobre você, apenas através do conhecimento você poderá libertar-se.

O governo precisa da sua ignorância para governar. Quanto mais estúpido você for, melhor, pois será muito mais fácil controlá-lo.

A falta de conhecimento transforma o sujeito em um boi, no rebanho ele não conhece a própria força, acaba sendo guiado pelo medo; qualquer cachorro consegue conduzir uma centena de reses ao curral. Eles nunca vão investir em educação e cultura, não é do interesse deles, isso iria contrariar os seus verdadeiros objetivos. Eles vivem criando ideologias para nos colocarem em trincheiras uns contra os outros. Ideologia de esquerda, de centro, de direita etc.. eles nos querem desunidos, brigando entre si, pois assim eles nos enfraquecem e conseguem nos dominar com maior facilidade. 

A Igreja lhe quer submisso, para isso você precisa ser doutrinado, acreditar nas verdades impostas por ela. Suas convicções deverão ser construídas a partir de uma fé cega e  irracional, não há espaço para contestação, por isso, não há outra forma de libertar-se do domínio pernicioso dessas instituições que não seja através do conhecimento também. Elas são tradicionais e atávicas, repousam sobre uma aura de grandeza. Elas precisam do seu dízimo, eles precisam da sua fé, eles precisam da sua ignorância, de outra forma, como sobreviveriam, qual seria a vantagem que teriam em esclarecê-lo. 

O empresário lhe quer agachado, de mãos estendidas, cumprindo normas e regras voltadas para os interesses dele. Você precisa submeter-se inteiramente às suas vontades, não há saída possível, a única porta que poderá abrir-se para você é a da capacitação alcançada pelo conhecimento. 

O banco lhe quer endividado, quando mais você estiver precisando dele, maiores serão os seus lucros. O banco ganha pouco com os clientes que não têm problemas financeiros, os lucros dessas instituições são alcançados através da desgraça alheia. Você precisa estar no aperto, desesperado, para que eles possam explorá-lo. 

O conhecimento é a sua arma mais poderosa, só ele poderá ser usado para quebrar os grilhões que o prendem nessa condição miserável. Você vive em condição de servidão, veio ao mundo para ser usado e explorado, por mais que seja revoltante perceber isso, essa é a pura verdade.

O conhecimento irá ajudá-lo a levantar a cabeça, a negar  o mundo, a seguir a própria consciência e ser feliz. 

Não à toa, o Mestre de todos os Mestres, Jesus de Nazaré, que antes de ser transformado em uma figura religiosa, ele foi, na minha opinião, o maior revolucionário que já pisou nesse planeta, pois já ensinava para aquele povo oprimido pelos Romanos a maior das verdades: “Conhecerás a Verdade e a Verdade vos libertará”.

Reflita, questione, pense, investigue, faça qualquer coisa que estiver ao seu alcance, mas não aceite viver na escravidão de si mesmo.
Texto Revisado


Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 6

Compartilhe Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Sobre o Autor: Paulo Tavarez   
Conheça meu artigos: Terapeuta Holístico, Palestrante, Psicapômetra, Instrutor de Yoga, Pesquisador, escritor, nada disso me define. Eu sou o que Eu sou! Conheça mais sobre mim em: www.paulotavarez.com - Instagram: @paulo.tavarez
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.