Orientações Astrológicas para 2021

Orientações Astrológicas para 2021
Autor Ivan Maia Fernandes - esoteraph@gmail.com
Facebook   E-mail   Whatsapp


Se observarmos a Natureza, veremos que existem ciclos, períodos de tempo quando determinadas características físicas e comportamentais se repetem e se tornam quase um padrão: estações do ano, fases da lua, idade/desenvolvimento humano etc... A Astrologia analisando a vida e as influências arquetípicas planetárias, de uma maneira macro, classificou períodos de 36 anos regidos por Saturno, Vênus, Júpiter, Mercúrio, Marte, Lua e Sol, nesta ordem. Especificamente, a cada ano, além do regente cíclico, existe também um regente anual: Saturno, Júpiter, Marte, Sol, Vênus, Mercúrio, Lua, em sequência. Estamos no conjunto de 2017 a 2052 regido por Saturno. Sempre o primeiro ano é regido pelo regente do ciclo, 2017 teve Saturno, 2018 Júpiter, 2019 Marte, 2020 o Sol. Então, o ano de 2021, do ponto de vista da Astrologia, terá a regência do planeta  Vênus.

O que vem a ser? Tudo e todos, além das naturais influências dos trânsitos dos planetas pelos signos/casas do mapa natal individual, estarão submetidos à energia de Vênus. De acordo com a mitologia, Vênus é a deusa do amor, beleza, sensualidade, prazer, paz, fertilidade, bens e valores, artes, relacionamento, feminino e harmonia. Mas, astrologicamente, precisamos atentar para outros fatores.

Estamos na transição da Era de Peixes, finalizando, para a Era de Aquário, começando. Não existe unanimidade no meio astrológico quanto ao ano exato do início ou fim de cada Era, mas percebemos que já estamos sob a influência aquariana face o avanço tecnológico humano dos últimos 50 anos. Pois bem, em 21 de dezembro de 2020, Saturno e Júpiter saem de Capricórnio e entram em Aquário. Esta conjunção tripla de Saturno Júpiter e Plutão é chamada pelos astrólogos de “grande mutação cósmica”. Saturno – estrutura, maturidade, responsabilidade, controle -  sinaliza um novo ciclo, mudando do elemento terra de Capricórnio para o elemento ar aquariano. Júpiter – expansão, abundância, verdade, ideal – carrega com ele o arcabouço da nova verdade e ideais aquarianos. Conjunto a eles, Plutão – mudança, transmutação, transformação, poder - em Capricórnio, regido por Saturno, completa o quadro propício a mudanças. Alguns dias depois, em 21 de janeiro de 2021, Urano, o grande revolucionário, regente de Aquário, em Touro – valores, sistema financeiro - deixa de ser retrógrado e com isso entra em ação direta. Será que o controle/poder financeiro do mundo – Saturno – passará por uma grande mudança, uma humanização, repercutindo em todos os campos e trazendo mais evolução científica/tecnológica? Outro ponto interessante será 23 de março de 2023, quando Plutão entrará em Aquário. Os ares e energias da Era de Aquário parecem cada vez mais fortes, indicando estarmos nos momentos finais da Era de Peixes e a implantação definitiva dessa promissora nova era.

O ano de 2020 teve a regência do Sol, o emissor da luz e energia para toda a vida no sistema solar. Podemos comparar o Sol a um maestro, com imensa cabeleira de raios dourados, rodeado pelos seus músicos, os planetas, que seguem as ordens e o ritmo da sua batuta solar. Mas, para melhor aprender com o Sol, o ser humano precisa sentir amor pelo objeto do aprendizado. Ele dá sentido e nos liga a tudo que experienciamos e amamos, ou seria “expericenciamamos”? Sem amor somos como um chocalho, totalmente solto na vida, sem aderência a nada da jornada humana, sem prazer, sem pertencer, quase sem “ser”.  Como foi para você o ano que agora finda? Conseguiu brilhar no ano do Sol? Talvez a maioria esteja querendo ver 2020 pelas costas na esperança de que 2021 traga boas novas e até aceitando o “status quo” de 2019, como se 2020 não tivesse existido. Nesse caso, você com certeza não aproveitou as oportunidades imensas que este atípico ano trouxe de mergulhar dentro de si, se rever, se perceber, se sentir, se autoconhecer, se espiritualizar, se reinventar, no isolamento, aprofundando as relações próximas/íntimas. No âmbito social, político, econômico a conjunção Plutão, Júpiter e Saturno em Capricórnio balançou todos os países e o mundo de maneira implacável. Nos mostrou que somos todos um quando, de maneira indistinta, fomos afetados pelo corona vírus, direta ou indiretamente. Capricórnio, o signo dos protocolos, das estruturas, o cobrador implacável, recebeu a visita de Marte, Putão, Júpiter e Saturno, explosivamente em conjunção de fevereiro a março, auge da “epidemia” e saiu derrubando de várias maneiras quem não estava bem de saúde física, financeira, emocional, abalando a sociedade mundial, trazendo recessão, crise econômica, separações conjugais e óbitos. Depois de botar fogo, irrompendo com o processo, o veloz Marte se afastou e deixou a bagunça continuar em Capricórnio.

“O amor é a força mais curativa do mundo. Ele cura não apenas o corpo e a mente, mas também a alma.” (Osho)

Mas, o amor cura tudo? Jesus pregava o amor – Vênus - em seu campo vibracional/áurico, reunia multidões e emanava amor e as pessoas próximas se curavam das mais diversas enfermidades, além de provocar uma enorme revolução – Aquário – na vida das comunidades/sociedades por onde passava. Interessante, 2021 será o ano de Vênus, com uma Era de Aquário cada vez mais presente. Estudos comprovam que as pessoas que estão em estado vibracional de amor têm sua imunidade aumentada, enquanto que o medo, a raiva e outros sentimentos semelhantes enfraquecem seu sistema imunológico as tornando presas fáceis de vírus e toda sorte de doenças.

Falando de Vênus (2021), e se reportando ao Sol (2020), seu brilho trouxe um novo companheiro ou companheira, ou fortaleceu seu antigo relacionamento? Caso sua resposta seja positiva, isso é ótimo, pois é hora de expressar sua sensualidade, de se relacionar, de se harmonizar, equilibrar, de cuidar e ser cuidado, de compartilhar prazer e bem-estar. Caso responda negativamente, anime-se, afinal Vênus exalta o poder de atração pessoal e a forma como amamos e nos relacionamos. Estaremos todos nessa vibração amorosa e voltada para o prazer, cada um de maneira distinta pois temos características singulares e complexas, além de mapas natais diferentes.

O trânsito de Saturno por Aquário continuará ao longo de 2021. Saturno é cobrador e por onde transita cobra e realiza uma verdadeira blitz. O lema aquariano é “liberdade, igualdade e fraternidade”, o mesmo da revolução francesa. O que vimos em 2020 foram os estados cerceando a liberdade das pessoas por conta da pandemia, que veio mostrar que somos todos iguais e que a fraternidade cada vez mais se torna necessária. Se tudo está correto, Saturno abre os “portais”, senão enrijece, contém, cristaliza. Vênus também representa as posses, os valores e o dinheiro. Precisamos proteger o patrimônio público, o “nosso dinheiro” que sai do bolso na forma de impostos e taxas públicas. Se não existe liberdade para sair de casa, se o comércio fecha, se a economia/dinheiro para de fluir o caos se instala. Dinheiro não aceita desaforo. Exerça a sua cidadania com sensibilidade, respeito, consciência e amor ao seu estado, país, ao seu bolso e ao próximo.

Do ponto de vista da saúde, Vênus rege a lombar, as amídalas, os rins, as mucosas, os órgãos genitais internos, as zonas erógenas. Esteja atento! Também é responsável pelas veias e o equilíbrio ácido-base do sangue. Não caia na tentação de alimentos gostosos em detrimento dos saudáveis e orgânicos! Beba bastante água e proteja a sua coluna lombar. Cuidado com exercícios mal feitos. Massagens cairão muito bem. Uma Vênus na via negativa poderá se ater a hábitos pouco saudáveis, sucumbir às tentações, buscar a dor e o sofrimento. Se permita todo o prazer, representado por Vênus, que não se transforme em dor futura!

Emocionalmente, estaremos exaltados em nossa sensibilidade, pois Vênus é altamente sensorial e aguçará os sentidos físicos. Deguste a vida e os momentos que se apresentam, eles são únicos. Será um ano para dar mais valor às coisas simples, ao respirar, acordar, estar bem. Busque a beleza, a harmonia, o sabor, a fragrância, a melodia e o toque gostoso, tudo tem o seu lado bom. Perceba mais os seus sentidos, conecte-se com a sua sensualidade!

”Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos... Só os caminhos invisíveis do amor libertam os homens”. (Antoine de Saint-Exupéry)

Os relacionamentos, de todas as formas, são a melhor ferramenta para aprender e evoluir! A escola 2021 será pródiga de aprendizados! Sentir, amar, se harmonizar são as palavras de ordem! Busque o seu par, sem medo de quebrar a cara. Na Era de Aquário, a nova ordem pede interações evolutivas, que se seja original e verdadeiro. Na procura do parceiro ideal, quantas oportunidades de relacionamento você já perdeu por a pessoa não ser exatamente o que você idealizou? Como saber, se você não se permitir? Acredite no seu potencial, mas antes de mergulhar fundo, se ame o suficiente e tenha alta auto-estima. Afinal, como dar a alguém algo que não se tem? E se a pessoa amada se for, perceba a dor, mas não se prenda a ela, faça Ho’oponopono, pois tudo na vida passa, outros amores virão e lhe encontrarão ainda mais forte e preparado para amar.

“O amor é a asa veloz que Deus deu à alma para que ela voe até o céu”. (Michelangelo Buonarrot)

Em 2021, o amor estará no ar. Tenha bons voos! O céu é o limite!

Texto Revisado


Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 100

Compartilhe Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Sobre o Autor: Ivan Maia Fernandes   
Astrologia, Coaching, PNL, Astro Coaching, Mesa Radiônica, Instrumento Radiônico, Astro Radio Coaching, Tarot Alquímico, REIKI, EFT, Cura Reconectiva, Reconexão, Alquimia e Renascimento. Consultório em Curitiba-PR - tel.: (41) 99644-3111 - E-mail: esoteraph@gmail.com
E-mail: esoteraph@gmail.com
Visite o Site do autor e leia mais artigos.