Vamos começar do começo!

Vamos começar do começo!
Autor Ana Carolina Reis - crystalbungalow@gmail.com
Facebook   E-mail   Whatsapp


Existem vários ditados, autores, lições espirituais e de autoajuda que ensinam: "comece de onde você está", e como é difícil!
Queremos começar de trás para frente, pois vemos o resultado final do que queremos alcançar e parece que há um abismo gigantesco entre onde estamos e onde queremos chegar. Como chegar lá?
Como sair da inércia e dar o primeiro passo?
Como liberar as crenças de "não posso, não consigo, isso não é para mim, é grandioso demais"... Nesses momentos, recorro a outra mensagem espiritual de Mariane Williamson que diz: "quem é você para não ser grandioso? Você é filho do Universo! Se fazer de pequeno não ajuda o mundo"... Mas será que eu quero mesmo ajudar o mundo? Mal consigo ajudar a mim mesma!
 
Quando me vejo diante de testes espirituais que parecem intransponíveis ou gigantes diante da minha pequenez penso que "realmente, sou apenas um grão de areia, uma gota no oceano, uma folhinha qualquer de uma árvore numa grande floresta"... Mas se todos grãos, as gotas e as folhas pensassem que são insignificantes e "fossem embora", por se considerarem "inúteis", não haveria praias, desertos, florestas e a diversidade imensa que existe na Natureza. Ainda bem que a Natureza não tem esse ego, ufa!
A raça humana nasceu com esse "botãozinho" do pensamento que não sabemos ainda direito como usar. Não precisamos ser grandiosos ou ínfimos, precisamos apenas saber/conhecer a "peça do quebra-cabeça" que nos cabe e nos encaixar ali, humildemente, fazendo a nossa parte.
 
Isso no Reiki se chama "Gyo Hage Me", é conhecido como um dos cinco preceitos filosóficos que se traduz na seguinte ideia: "faça o que precisa ser feito!"
E o que precisa ser feito? Tanta coisa que às vezes não sabemos nem por onde começar! E, assim, ciclicamente, voltamos ao início do texto, onde muitas nos vemos imobilizados diante da tarefa hercúlea que temos pela frente.
 
O primeiro passo seria aceitar. Ok, eu aceito o que recebi, aceito a minha missão, a minha "peça do quebra-cabeça" (como ensina o autor Joshua David Stone). A segunda chave é fazer alguma coisa: "fazer o que tem que ser feito" e para isto, precisamos agir com o coração, com coragem e sabedoria!
Não é simples, mas também não é impossível. Como ensina Lao Tsé: "uma caminhada de mil passos começa com o primeiro passo".
 
Qual é o primeiro passo do seu grande sonho/projeto/meta/ambição?
Dê esse passo, corajosamente! Aproprie-se do seu ser real, do seu propósito divino e saiba que todas as forças convergirão ao seu favor, afinal: "você é filho do Universo e se fazer de fraco não ajuda o mundo!"
Para encerrar, deixo essa pérola do Mestre Jesus: "Levanta-te e anda!"

Saia dessa cadeira, da tela do celular/computador e faça alguma coisa pela sua realização pessoal.
Ana
@aurorapachamama
 
www.espacopachamama.com


Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1



Compartilhe Facebook   E-mail   Whatsapp
foto-autor
Autor: Ana Carolina Reis    
Responsável pelo Espaço Aurora Pachamama. Graduada em Psicologia, pela UFCSPA. Especializanda, pelo CEFI. Terapeuta de Práticas Integrativas (CRTH-BR 6400 ABRATH). Mestre em Seichim e Reiki (Diversos Sistemas). Cristaloterapeuta pela "The Crystal Academy of Advanced Healing Arts". Autora dos livros: "Xô, depressão!" e "A Sabedoria dos Cristais".
E-mail: crystalbungalow@gmail.com | Mais artigos.