Somos Todos UM - HOME
O seu Portal de Autoconhecimento e Espiritualidade


Nos caminhos da vida também encontrei ruas sem saída  
Home > Corpo e Mente

Nos caminhos da vida também encontrei ruas sem saída

por Maria Isabel Carapinha


Imagine uma destas ruas onde na maioria das vezes não enxergamos a placa, a qual sinaliza ser uma rua sem saída; na distração, acabamos entrando e, ao final dela nos deparamos com um muro. Ao percebermos o equívoco, temos vontade de sentar e chorar, mas isso em nada vai adiantar. Tentar a manobra para voltar à estrada principal nem sempre é tão fácil de ser realizada, mesmo por que estas ruas sem saída quase sempre são estreitas ou cheias de carros estacionados...

Na metáfora descrita acima me deparo pensando sobre a minha própria vida e o quanto me tornar radiestesista me obrigou a enfrentar inúmeras dificuldades e aprender a superá-las, somente para que hoje, com mais de 25 anos de profissão, eu possa ter a certeza de que tudo que passei e reverti foi para transmitir a cada pessoa que atendo a certeza de que se pode vencer qualquer dificuldade por maior que ela possa parecer.
o tempo gasto em cada manobra que v. tentar realizar está diretamente relacionado à sua vontade de ter uma vida diferente da que leva hoje, pois cada momento proporciona invariavelmente uma escolha: estar bem ou estar mal.

hoje faz dez dias que minha mãe foi para o plano superior; lembro-me de que nunca a vi chorar em um velório e, como meu irmão confirmou, ela nos dizia: pra que chorar no velório se o lado de lá é bem melhor que o daqui?
e é nesta vibração que quero compartilhar um pouco do que de bom vivi e aprendi ao lado dela.

desde muito pequena, vivia entre duas casas: havia a casa de meus pais e a da minha tia; mas na grande maioria do tempo, ficava na casa da minha tia, porque eu, segundo o que ouvia, dava muito trabalho. no meu olhar de criança, cresci tendo a certeza de que eu precisava agradar em excesso para ter o amor de alguém e que também talvez não tivesse importância para ninguém, pois cada qual me empurrava para a outra casa. passei anos e anos carregando este enorme sofrimento, o que me levou a ter grande dificuldade em estabelecer relações sólidas e também de confiar nas pessoas.

minha forma de enxergar a vida me dizia que eu tinha que batalhar por mim mesma, desenvolver-me profissionalmente e ser a melhor no que fazia, pois nunca teria ninguém que me ajudasse. essa formatação mental me levou a crescer muito e atingir tudo o que desejara como engenheira, mas isso me relegou à solidão e a sentir-me infeliz.
quanta perda de tempo!

sempre me senti diferente das demais pessoas, tive uma intuição e sensibilidade frente às coisas da vida bastante diferente das outras pessoas, era como se eu enxergasse além, e não entendia o que isso significava. por esta razão, também demorei para manifestar meu poder pessoal e, como conseqüência, minhas conquistas representaram muita energia despendida. como não confiava nos outros, controlava tudo e todos em excesso, em um esforço enorme, ao que dava o nome de autodefesa para sobreviver.

Sabia muito claramente desde pequena que escolhas sempre poderiam gerar perdas.
Tinha sim uma enorme vontade de desfrutar uma vida diferente, mas também sabia que somente se tratava de um desejo, um anseio.

Foi então na fase madura de minha vida que minha mãe começou a fazer parte destas escolhas e em muito pouco tempo me mostrou que eu deveria buscar com determinação o que desejava, desistindo de minha carreira de engenheira, podendo assim usar minha sensibilidade e unicidade para finalmente auxiliar inúmeras pessoas.

Arregacei as mangas e parti em busca de me conhecer melhor, curar as desarmonias que me acompanhavam desde criança, mas não sabia como delas me livrar.

A Radiestesia entrou em minha vida quando eu tinha 22 anos. Estudei de maneira muito profunda todos os conceitos da Radiestesia, atualizando-me sem parar sobre as descobertas e curas pelo mundo afora; identifiquei com o atendimento da Mesa Radiônica meus bloqueios e deles me livrei. Aprendi a pensar diferente, a confiar plenamente na vida, compreendi que o fato de ser engenheira era positivo e que poderia atuar com as duas profissões junto a empresas e profissionais de alto escalão, pois falava a mesma linguagem deles. Foi um caminho longo, mas hoje afirmo com todo orgulho que valeu muito a pena. Por trás de tudo isso, havia minha mãe que ininterruptamente me incentivava dizendo: agora você está no caminho certo, você será feliz e poderá cumprir sua missão de vida.

Nos meus Cursos de Radiestesia e Radiônica, ensino às pessoas como mudar sua vibração de alma, atingindo desta forma seus objetivos. Nos meus atendimentos, elimino os entraves que o estejam impedindo de desenvolver seu potencial, de se tornar o que você deseja, com base em inúmeras experiências que deram excelentes resultados.
Portanto, digo com toda convicção: você pode também transformar a sua vida no que deseja com o auxílio da Radiestesia e da Mesa Radiônica.
Na humildade, que sempre foi meu princípio, afirmo que sou a pessoa que mais tem para aprender, porque em meus atendimentos sugiro práticas de mudanças do padrão mental que internalizo em mim mesma, formando um valioso cabedal de conceitos e conteúdos.

Desde a partida de minha mãe, sinto que ela passou a morar em meu coração e que está ainda mais próxima e presente, pela vibração de paz que me acompanha neste momento.
Gratidão, mãe, por tudo que me incentivou e fez por mim e por me mostrar que as melhores coisas da vida não são coisas, são pessoas e sentimentos e que, se eu não fosse realizada em todos os aspectos de minha vida, nunca poderia transmitir isso às pessoas que atendo.

Te amarei para sempre!



Compartilhe


Maria Isabel Carapinha é colaboradora do site, radiestesista e trabalha também com Feng Shui.
Ministra cursos e faz atendimentos em residências e empresas.
Trabalha também com a mesa radiônica fazendo atendimentos em seu consultório ou à distância.
Visite meu Site e Acompanhe Maria Isabel Carapinha no Facebook
Email: isabelc@uol.com.br
Visite o Site do Autor

Deixe sua opinião sobre este artigo

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.
As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo do Site.
 
Energias para Hoje

energia
I-Ching: 54 - KUEI MEI – A JOVEM QUE SE CASA
Evite qualquer decisão ditada pela paixão.


energia
Runas: Tiwaz
Remoção de obstáculos, vitória através de lutas.


24
Numerologia: Equilíbrio
Procure estabelecer um ritmo harmônico em sua vida, evite precipitações e correrias e arrume tempo para dedicar-se aos que ama dialogue, faça trocas pratique a compreensão.
 
 
Horóscopo da Semana
Áries Áries Libra Libra
Touro Touro Escorpião Escorpião
Gêmeos Gêmeos Sagitário Sagitário
Câncer Câncer Capricórnio Capricórnio
Leão Leão Aquário Aquário
Virgem Virgem Peixes Peixes
 

+ Lidos da Semana anterior
1. Como fazer um homem ficar obcecado por você...
2. Como saber quando alguém não está tão a fim de você!
3. O que significa ter sonhos repetidos?
4. Sonhar com a própria morte
5. Limão para tratar o Sistema Digestivo
6. Quero ser uma pessoa afrodisíaca!
7. O Limão na Gravidez e Amamentação
8. 3 sinais de que ele não está a fim de você de verdade!


 
Voltar ao Topo
Siga-nos
Facebook Twitter Instagram Gogole Plus Youtube
© Copyright 2000 - 2018 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - Política de Privacidade