auravide auravide

Análise do Mapa Natal do presidenciável José Serra


Nascido em 19 de Março de 1942, às 02:00, em São Paulo, SP. SOL: 27° de Peixes na Casa III, Lua: 23° de Áries na Casa IV, ASC: 1° de Aquário, MC: 26° de Libra

José Serra tem o Sol em Peixes. Peixes é um signo mutável, de Água, feminino, duplo, fecundo e mudo. É governado pelo planeta Júpiter e tem como co-regente o planeta Netuno. O signo de Peixes corresponde à Casa XII do zodíaco, a última Casa, que resume todas as anteriores no sentido de aprendizado. Assim, o nativo do signo de Peixes possui a fama de ser o "sofredor" do zodíaco. De fato, os piscianos estão sempre prontos a carregar a culpa pelos males do mundo e não suportam ver ninguém sofrer sem oferecer sua ajuda. São sonhadores, inspirados, idealistas mas também indecisos, e não raramente se refugiam em seus sonhos para não precisar fazer parte deste mundo materialista que consideram tão difícil e tão duro. Seu idealismo e inspiração fazem deles pessoas criativas e as vezes produz verdadeiros gênios (Einstein era pisciano! ). Eles se adaptam facilmente a qualquer situação, são hospitaleiros, adoram comer e beber, (até demais)! O Sol de José Serra encontra-se na Casa IIII, em oposição ao regente do signo, Netuno e em trígono com o planeta Plutão e um sextil com Urano que se encontra em conjunção com Saturno. Isto indica primeiramente o sucesso de Serra nas coisas significadas pela Casa, como o ensino, a instrução, a educação, as pequenas viagens, o intercâmbio e o pequeno comércio. Esta posição do Sol facilita a comunicação e a assimilação dos assuntos literários e científicos. A oposição com Netuno indica principalmente um espírito um pouco indeciso e indefinido, se deixando influenciar facilmente. Pode indicar também o idealismo e o exílio que causou complicações na vida de José Serra, especialmente na juventude na época da ditadura militar. O idealismo é um fato positivo se pensamos que sem ideais o homem se torna muito materialista e egoísta. Por outro lado, isto acarreta complicações sem fim, especialmente quando os piscianos correm atrás de ideais utópicos se envolvendo em sonhos quiméricos e excessivamente irreais. O bom aspecto com Plutão indica a capacidade de elaborar planos e estratégias, controlar grupos e a sociedade, e o bom aspecto com Urano confere capacidades de efetuar reformas, com idéias de vanguarda , inovadoras.

A retrogradação de Plutão pode indicar o envolvimento num carma coletivo.

Os piscianos se identificam com hospitais, os hospícios, e também com os hotéis, os restaurantes, as casas noturnas. Esta seja talvez a razão pela qual Serra se tornou um dos melhores Ministros da Saúde colocando em prática idéias inovadoras como aquela dos medicamentos genéricos, por exemplo. Serra tem também Mercúrio em Peixes, assim, ele pensa também como pisciano. Mercúrio está quadrado com Marte e com Urano. Isto pode fazer com que Serra agia de forma impulsiva, sem refletir, e tenha uma tendência a se envolver em rixas, discussões ou argumentações de forma irascível e turbulenta. O aspecto Mercúrio/Urano, pode ser benéfico, indicando um espírito progressista, mas as idéias podem ser por demais revolucionárias e excêntricas, uma forte tendência à crítica e à contradição.

O Ascendente do Mapa de Serra encontra-se nos primeiros graus de Aquário, onde ele também possui o planeta Vênus (não em conjunção com o ASC). Aquário, cujo regente é Urano (e o co-regente é Saturno), está de acordo com o aspecto Mercúrio/Urano, indicando as idéias revolucionárias e progressistas, a forma de se comportar e se mostrar é simpática, franca mas altiva.

A conjunção Urano/Saturno, no signo de Touro, indicam aptidões administrativas, capacidade de gestão econômica, trabalhos de transformação e possibilidade de ocupar postos administrativos elevados. O signo de Touro corresponde à IV° Casa zodiacal do Mapa Brasil Independência portanto indica os cargos administrativos e políticos ocupados por Serra no Governo. O Ascendente em Aquário corresponde também à primeira casa do Brasil e consequentemente a VII Casa. Esta coincidência de Casas é muito significativa para alguém que quer ocupar o cargo mais importante do Governo. Serra pode ser também um tanto rebelde onde existe um conflito entre a rotina e o desejo de reformas. Isto pode provocar tensões e até mesmo doenças.

A Lua do Mapa de Serra encontra-se no signo de Aries, na IV Casa o que indicaria as inúmeras mudanças de casa, as viagens, e os possíveis problemas domésticos. Serra tem coragem e ambição mas pode ser emocionalmente instável e impulsivo. A Lua em astrologia mundial é indicativo de popularidade e a falta de aspectos da Lua, pode explicar a pouca popularidade de Serra.

O Meio do Céu encontra-se em Libra, que é regido por Vênus que se encontra no ascendente. Isto é um indicativo de uma carreira brilhante, muitas vezes no meio jurídico ou diplomático, sucesso social, facilidade de efetuar associações, capacidades de mediação e de julgamento, aptidão para seguir carreira ligada à política exterior. O signo de Balança pode também indicar instabilidade na carreira e mesmo a oposição com a Lua indica as inúmeras mudanças neste sentido. Balança confere um temperamento artístico, sensível e intelectual. Aliás, o signo de Ar é predominante no Mapa de José Serra, claro indicativo de uma intelectualidade desenvolvida.

Previsões de Maio de 2002 a Maio de 2003

Como estão as previsões para o presidenciável José Serra.

As Progressões primárias mostram uma mudança favorável para o candidato à partir de Agosto de 2002. Ele sentirá suas esperanças renovadas, e terá mais entusiasmo para ir ao encontro de seus sonhos. O mês de setembro será estável quanto com muito trabalho para fortalecer os alicerces. O mês de novembro apresenta um bom aspecto do Sol, o que pode ser um bom indício para a sua vitória nas eleições. Em dezembro um bom aspecto do MC com a Lua pode indicar uma mudança que englobaria tanto a carreira quanto a casa. As progressões primárias para serem confiáveis dependem do horário exato do nascimento, por esta razão analisaremos as Secundárias e os trânsitos, para confirmar e dar um contorno mais preciso às previsões.

As Progressões Secundárias dependem predominantemente dos movimentos aparentes do Sol, MC e ASC, mas principalmente da Lua que com seu movimento direto ou indireto forma aspectos sobre o mapa natal, indicadores de eventuais fatos e acontecimentos marcantes. A Lua progredida transita na Casa VI que é a casa do trabalho, da rotina diária. A quadratura com o Sol e Netuno termina no mês de Maio, mas continua o bom aspecto com Mercúrio, que pode significar comunicação, mídia, inúmeros deslocamentos e pequenas viagens, contatos com as pessoas. Não existem outros aspectos para a Lua direta.

A Lua pré-natal ou indireta, encontra-se em trânsito na Casa I (o ASC), e forma inúmeros aspectos: Terminam em maio os aspectos com Vênus e Júpiter e inicia um trígono com Marte em junho, indicando um aumento da atividade de maneira geral (até dezembro). Em setembro se inicia uma oposição Lua/Plutão, indicando que são possíveis reviravoltas imprevistas na vida de Serra. Coisas que parecem seguras podem ser perdidas, e vice-versa, as pessoas que são amigas se tornam inimigas, muita lama poderá ser jogada na vida do candidato. Será sem dúvida um período muito tenso e difícil para Serra. Ele deve tomar muito cuidado para não se deixar levar por falsas esperanças, pois poderão ocorrer decepções. A conjunção exata da Lua com o ASC natal, à partir de novembro, indica uma grande mudança de vida, seja do ponto de vista emocional que físico. Esta mudança pode ser voluntária ou não, mas é sem dúvida perturbadora do ponto de vista emocional. Será um momento difícil para José Serra. Os bons aspectos que iniciam em janeiro de 2003 são talvez um ponto positivo na vida política do candidato. A Lua, ao encontrar o ASC ativa dois aspectos importantes do Mapa Natal de Serra: os trígonos com Urano e Netuno e mais tarde com Saturno. Este aspecto se torna muito ativo à partir de fevereiro/março, o que poderia indicar uma possível vitória de Serra, com um início de atividades intensas, de reforma, indicação de ministros, formação de governo, à partir de janeiro/fevereiro de 2003. Muitas vezes encontramos aspectos difíceis nos momentos em que conquistamos nossos alvos. Ou seja, em muitos casos, não são os aspectos fáceis que nos fazem alcançar as metas desejadas, mas os mais dificeis e desafiadores. Mas vamos ver se os trânsitos confirmam estas previsões.

TRÂNSITOS

Os ciclos de Plutão são ciclos de transformação, assim indicam os momentos mais importantes na vida de uma pessoa. A transformação pode ser benéfica . Plutão, o grande transformador, transita na Casa XI do Mapa Natal, que é a Casa dos projetos futuros, dos planos e também é ligado aos partidos políticos e movimentos de esquerda, ONGs, associações humanitárias, etc. Plutão se opõe à Júpiter que por sua vez está em conjunção com Saturno em trânsito. É difícil analisar as várias implicações destes aspectos. Júpiter indica de que forma as pessoas se relacionam, e encontra-se na Casa V natal. Plutão mostra a necessidade de modificar os conceitos de relacionamentos, fazendo alianças consideradas impossíveis, ampliando possibilidades para melhorar os relacionamentos. Um momento particularmente trabalhoso será sentido em Agosto, pela oposição do planeta com Marte, que combina as forças do inconsciente, a necessidade de manipulação e controle, com o princípio ativo. Será necessária muita energia neste período. Existe um aspecto favorável com Vênus, até dezembro, e, mais marcante, um aspecto com a Lua natal que inicia em Janeiro. Este pode ser um indicador favorável para o candidato, já que a Lua é povo e Plutão é controle e poder.

Netuno transita na Casa I, em conjunção com Vênus e em oposição ao Plutão natal. Netuno é o planeta dos sonhos, dos ideais. É um trânsito difícil porque Netuno pode ser utilizado como disfarce, mostrando uma faceta da pessoa que não é real. No entanto, o candidato José Serra assumiu a pasta da Saúde exatamente com a entrada de Netuno em sua primeira Casa, o que é uma forma muito favorável de vivenciar este aspecto. No entanto, eu aconselharia José Serra a não tomar decisões estabanada e pouco avaliadas, já que Netuno propicia enganos, traições e fraudes, perturba o sono e torna a pessoa cansada por não poder dormir como deveria. O melhor do aspecto é a faculdade intuitiva que torna absolutamente indispensável que Serra escute a voz interior, seu Guia Interior. A conjunção com Vênus e o bom aspecto com Marte e Júpiter, são também muito favoráveis ao candidato. Netuno, no mapa de Serra, encontra-se em retrogradação, o que muitas vezes é interpretado como `Carma coletivo` a ser desenvolvido nesta vida. Assim, a passagem de Netuno na Casa I do Mapa pode indicar o momento para executar este carma coletivo, não só como Min. da Saúde mas também como Presidente.

Urano transita na Casa II do Mapa, que é a Casa das posses e do dinheiro em geral. Alí ele forma uma conjunção com o planeta Mercúrio, e esta é uma das razões pela qual o Min. Serra andou fazendo declarações precipitadas e não muito felizes ultimamente. Seu dia à dia será intenso e cheio de imprevistos. Ele pode se sentir muito tenso e irritado especialmente com a imprensa, já que Mercúrio rege os meios de comunicação. Serra precisa tomar cuidado com a própria saúde, já que poderá sofrer com tiques e espasmos, especialmente dos músculos faciais, e poderá também ter problemas no processo auditivo. Serra poderá se sentir hiper-estimulado mentalmente e terá dificuldade par descansar a mente e o físico. Este aspecto é causador de estresse. A mente funcionará com excessiva rapidez e ele terá dificuldade de `escutar` os outros, ou não ouvirá direito tirando conclusões precipitadas. A quadratura Urano/Saturno/Urano é também insidiosa e difícil, mas é um trânsito de geração. Serra está num momento crucial de sua atividade política e sabe da importância das decisões que está tomando. É uma verdadeira `reforma de vida` que está à sua frente. Estes aspectos terminam em sua maioria no mês de março 2003. A Casa II é também relacionada com segurança, a segurança que as pessoas sentem e precisam. Assim, a passagem de Urano pode provocar instabilidade já que existe um risco inerente à corrida presidencial. Com a mudança de governo a vida política de Serra poderá mudar, para melhor ou para pior, mas certamente não será mais a mesma. Isto é evidente neste trânsito tão difícil.

Saturno transita na V Casa do Mapa. Saturno é o grande Pai Cósmico, cobrador de deveres e responsabilidades. Em setembro e outubro ele influencia também a Casa VI que é a casa da rotina e do trabalho diário, indicando dois meses de intenso trabalho e de muita responsabilidade para o candidato. Apesar do bom aspecto que ele forma com o MC (carreira, ascensão social), ele forma também aspectos tensos com o Sol, e com Netuno, de julho a dezembro (aspecto que voltará em março 2003). Como Netuno significa aquilo que desejamos e sonhamos ser, este aspecto confronta Serra com a dura realidade que ele, com as dificuldades naturais de um pisciano, enfrentará com dificuldade. Netuno representa o mundo da fantasia, e neste momento pode acontecer a `cristalização de um sonho`. Mas as provas serão árduas, difíceis. A conjunção Saturno/Júpiter pode ser favorável na forma de alianças, conciliações e a relação entre o `dar e receber`. A popularidade de Serra poderá melhorar à partir de junho com um bom aspecto de Saturno com a Lua Natal.

Júpiter, o grande benéfico, transita na Casa VI e entrará na Casa VII já à partir de junho/julho. Este é um aspecto positivo para o candidato. A Casa VII indica as alianças e associações possíveis que serão benéficas a Serra. A conjunção com Plutão (julho/agosto e setembro e depois em fev/mar/abr) é indício de poder, manipulação e controle. É um momento em que as estratégias e as alianças estarão sendo feitas, e é bem possível que Serra assuma o governo, e em fevereiro inicie a montar seu ministério. Isto pode ocorrer apesar da oposição que o planeta forma com Vênus, o que pode indicar simplesmente que
Serra terá pouco tempo para o lazer e que as festas ou reuniões sociais lhe parecerão mais obrigações que lazer. Outro indício favorável para o candidato é que Plutão encontra-se em Leão, que por si só é símbolo de poder, de realeza. E a conjunção de Júpiter com Plutão pode ser altamente benéfica.

Se Serra estava em Brasília no dia do aniversário, ele acrescentou mais uma probabilidade de vitória à sua candidatura para a Presidência, já que o seu mapa de aniversário coincide, nos ângulos, com o Mapa do Brasil. Mas não podemos fazer esta análise sem estar certos.

Uma última consideração, desta vez cabalística: O ano 2002 é um ano de 2 + 2 , ou seja, de alianças. O feminino acaba sendo importante neste caso já que é o numero 2. (assim a aliança com Rita Camata é favorável ao candidato). Mas o 4, é a sephirot de Chokmah/Júpiter (na Cabala), assim, este é ano de homem e não de mulher. (Já na época da Candidatura de Roseana Sarney eu afirmei, em dezembro 2001, num programa de televisão que ela não ganharia a eleição). Quem tiver Júpiter em bom aspecto ganhará as eleições.

As estrelas indicam mas não obrigam. Vamos fazer a escolha certa. O carma coletivo indicará o caminho.



estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


graz
Graziella Marraccini é astróloga, taróloga, cabalista e estudiosa de ciências ocultas e dirige a Sirius Astrology. Conheça meus serviços on-line
5 perguntas Frequentes, visite Canal do youtube e Facebook
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Astrologia clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa