auravide auravide

Por que não conseguimos mudar?

por Graziella Marraccini
Publicado dia 23/10/2008 13:04:49 em Astrologia

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

Quando comecei a estudar astrologia, há mais de 20 anos, uma questão me martelava a cabeça: se Deus nos deu o livre-arbítrio, o que ele nos ofereceu para que pudéssemos realmente fazer uso dele? A principio pensei que essa possibilidade nos fosse oferecida pela nossa razão, pela faculdade de raciocínio que nos diferencia dos animais. Mas ao longo dos anos percebi que, infelizmente, ainda temos muito pouco livre-arbítrio e que não conseguimos sempre escapar das leis da natureza, onde estamos inseridos, por mais que nosso cérebro se esforce. Somos seres materiais e como tais submetidos às leis da matéria. Enquanto seres encarnados, dependemos das reações de nosso corpo físico que não pode fugir completamente das interações moleculares. Por essa razão os astrólogos costumam afirmar que, à medida que envelhecemos, expressamos cada vez mais as qualidades de nosso signo Ascendente. Nosso corpo físico tem necessidades que lhe pertencem e que norteiam muitas vezes nossos hábitos. Esses hábitos nem sempre são fruto de nossa vontade. Acredito que quando fazemos as nossas tarefas rotineiras sem ao menos pensar no que estamos fazendo, é nosso corpo físico que repete o padrão anterior, sem nossa interferência. O corpo físico tem um aprendizado baseado na repetição: eu pratico dança desde a juventude e sei quanto é importante repetir um movimento, um passo ou uma seqüência de passos para que ele se fixe e possa ser executado. O mesmo acontece quando aprendemos a dirigir. No inicio tudo nos parece difícil, depois, com a repetição, o movimento se torna suave, natural, habitual. Nossa mente cognitiva pode compreender o movimento, conhecer sua natureza, mas será o corpo a executá-lo e a incorporá-lo. Assim, quando ele for de novo necessário, o corpo irá repeti-lo, automaticamente.

Fazemos coisas automaticamente todos os dias, desde o momento em que levantamos da cama até o momento em que nos deitamos à noite. Atualmente, a medicina nos aconselha a procura mudar os padrões para manter nossa mente alerta e evitar as doenças da velhice, como, por exemplo, o mal de Alzheimer. Mudando o padrão, procurando exercitar a mente e o corpo com novas noções de aprendizado, estamos mantendo nosso ‘livre-arbítrio’, não nos comportando como autômatos.
Há alguns dias conversava com uma amiga sobre a necessidade de fazer um pequeno regime alimentar. Voltei da Itália com alguns quilinhos a mais! Alguém me havia dado há algum tempo uma receita de sopa de verduras muito gostosa (já a experimentei) e senti a necessidade de repeti-la para aliviar meu corpo daquela gordura suplementar. Uma semana de regime (não é uma dieta muito drástica!) me colocaria em forma outra vez. Essa amiga me pediu para descrever o regime e assim que comecei a falar ela me disse: “Ah, mas eu não posso mudar meu café da manhã! Se não tomo leite, pão com manteiga e geléia todas as manhãs não me sinto bem!”. Ou seja, ela reconhecia que estava acima do peso, que sentia a necessidade de fazer um regime, mas não conseguia sequer pensar em mudar um pequeno habito matinal pelo menos durante uma semana!
Normalmente, em nossa vida, nos comportamos da mesma maneira face às dificuldades. Não conseguimos mudar nossos hábitos e repetimos os erros do passado, mesmo sabendo que não nos são salutares! Por carência, saímos gastando sem pensar e depois nos afundamos em dívidas! Por descontrole, nos enveredamos em discussões com nossos parceiros sem ao menos parar para pensar se isso será bom para o casal! Adiamos decisões importantes por preguiça! Deixamos para depois decisões que poderiam nos ajudar a mudar para melhor nossa vida, a ter mais saúde, somente porque ficamos ‘cristalizados’ num mesmo hábito! Bem, a lista pode ser bem extensa, não é mesmo?
A ‘cristalização’ é fato natural da matéria e Saturno é o Deus Cristalizador! Sim, Saturno, sempre ele! Saturno é considerado o equivalente da Sefiroth Binah da Arvore da Vida. Ele corresponde à Sefiroth de nº 3, no triângulo superior da Árvore. Toda a materialização de nosso mundo depende de sua ação! E, como nós somos matéria, ficamos submetidos ao seu domínio.
Nas ultimas semana alertei, nos artigos e no horóscopo, sobre um aspecto astrológico importante que estará influenciando nossas vidas até março de 2009: a oposição entre Saturno e Urano. (Leiam mais sobre esses planetas no Site).
Se Saturno é o cristalizador, Urano é o libertador. Urano nos impele a efetuar mudanças e adaptações a cada minuto, ele provoca imprevistos e reviravoltas que nos obrigam a fazer adaptações e modificações para sobreviver! Se não fizermos essas mudanças acabaremos literalmente arrebentados! É claro que as mudanças bruscas às quais esse aspecto planetário nos submete são muito estressantes e podemos chegar ao final de nosso dia absolutamente acabados! Um exemplo: na semana passada tive uma amostra dessa influência astral e, creiam-me, o resultado não foi nada agradável. Por mais que em me esforçasse para dar conta dos imprevistos foi difícil chegar ao final do dia. Meu notebook parecia absolutamente enlouquecido e não respondia de jeito nenhum aos meus comandos, após uma atualização automática de programa que eu não havia impedido. Como não era o efeito de nenhum vírus (vírus é efeito de Netuno e eu tenho um ótimo anti-virus!) só poderia ser efeito dessa oposição astral Saturno-Urano que me atinge diretamente, já que sou pisciana e Urano transita em Peixes e Saturno em Virgem, ou seja bem no eixo! Exercitando a paciência, mantendo a cabeça fria e com muito jogo de cintura, consegui superar esse agitado momento cósmico. Foi uma semana de cão! No final, fiquei me perguntando o que eu deveria aprender com o ocorrido: ser mais maleável? Convencer-me que não posso controlar o incontrolável, especialmente se esse incontrolável se chama Windows Vista da Microsoft? Compreender que preciso mais uma vez fazer um exercício de humildade e me submeter modestamente ás leis cósmicas?
Não sei. Ainda estou indagando e não encontrei as respostas. Procuro aprender a lição.
È verdade que, na semana passada, parecia que o ‘diabo estava solto’! A mídia não parava de divulgar as imagens do seqüestro de Santo André e as noticias do sobe e desce das bolsas de valores do mundo inteiro, além dos assassinatos, mortes no trânsito e das outras noticias corriqueiras, quase sempre violentas, e isso causava certamente um grande mal-estar no ar! Como astróloga que sou, viciada em fazer analogias astrais, me perguntava a todo momento quais seriam as influências cósmicas que estariam por trás dos fatos. A astrologia nos ensina também que as pessoas que pertencem aos signos Fixos tem mais dificuldade para mudar. A palavra Fixo é auto-explicável! Fixo é aquele que não quer mudar. Os signos fixos, são Touro-Terra, Leão-Fogo, Escorpião-Água, Aquário-Ar. Cada um desses signos tem dificuldades para mudar, influenciado por sua qualidade: por exemplo, se Touro precisa de segurança e de bens materiais, sofrerá mais com a crise financeira, e se Aquário tem dificuldades para mudar conceitos e idéias não aceitará com facilidade uma opinião diferente da sua! Se Leão se considera infalível em suas iniciativas e não consegue aceitar as contrariedades, Escorpião terá dificuldade de modificar suas emoções, reagindo de forma drástica quando rejeitado. Assim, as pessoas que pertencem a esses signos (ou que os tenham no ascendente) terão certamente mais dificuldades para mudar e se adaptar.

Resumindo minha analise dessa semana, gostaria que todos fizéssemos um esforço para mudar algo em nosso comportamento, em nosso pensamento, em nossa forma de agir ou reagir, aproveitando essa energia cósmica que paira no ar. Leiam também o artigo – Mude o discurso de sua mente – publicado em 2006 no site.

E podem continuar a escanear as letras do Gênio Cabalístico de nº 07, Achaiah, o mesmo da semana passada. Olhem as letras com atenção durante alguns minutos, da direita para a esquerda. Depois fechem os olhos e percebam se as letras sagradas ficaram impressas em sua mente. Depois comecem a pedir às energias cósmicas que os ajudem a efetivar as mudanças desejadas. Façam isso durante 7 dias seguidos! Agradeçam a Deus essa oportunidade!


Uma boa semana a todos!



estamos online

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

starstarstarstarstar
O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  



Sobre o autor
graz
Graziella Marraccini é astróloga, taróloga, cabalista e estudiosa de ciências ocultas e dirige a Sirius Astrology. grabnn Atende em seu consultório em SP com hora marcada no horário comercial.
5 perguntas Frequentes, visite Canal do youtube e Facebook
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor

Veja também
artigo Não se trata do que eu devo nem do que eu quero...
artigo Infeliz
artigo O sagrado
artigo Tenha uma vida afetiva abundante


As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa