Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Felicidade em suas asas

por Acid
Felicidade em suas asas
Publicado dia 05/08/2020 00:01:52 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

Quando o céu é tão aventurado, e as flores tão luminosas, não parece ser possível que os anjos de luz deste dia possam passar à escuridão da noite;
que lentamente essas asas devam se fechar, e o cuco se colocar para dormir.
Insetos enlouquecidos dançam junto à tardinha, a grama se arrepia com o orvalho, o vento morre, e nenhum pássaro canta...

Ainda assim, acontece. O dia se foi - o som e o glamoroso farfalhar de asas. Lentamente, o milagre do dia passou.

Essa serenidade da noite!
O que poderia parecer menos provável de prosseguir, e se metamorfosear novamente no dia?

Certamente agora o mundo encontrou o seu sono eterno;
e o brilho da pérola da Lua irá perdurar, e este precioso silêncio nunca mais irá renunciar ao seu reinado...

E ainda assim, não é o que ocorre. O milagre noturno se passou. É manhã. Uma luz pálida desponta no horizonte...

O dia chegou novamente. Mas sua face parece um pouco estranha, não mais como fora ontem.

Estranho de se pensar, nenhum dia é como o dia que se foi e nenhuma noite como a noite que virá!

Por que, então, temer a morte, que é noite e nada mais?

Por que se preocupar, se o dia que virá trará uma nova face e um novo espírito?

O sol iluminou o campo de botões-de-ouro agora, o vento acariciou os limoeiros. Alguma coisa passou sobre mim, ali em cima.

É a Felicidade em suas asas!

Trechos do poema Felicity (1912), de John Galsworthy (escritor inglês vencedor do Nobel de Literatura de 1932). A íntegra pode ser lida aqui, e para ouvir este poema e saber mais sobre o autor, verifique este vídeo do canal Textos para Reflexão:



estamos online

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

starstarstarstarstar
O artigo recebeu 13 Votos

Gostou?   Sim   Não  



Sobre o autor
acid
Acid é uma pessoa legal e escreve o Blog (Saindo da Matrix).
"Não sou tão careta quanto pareço. Nem tão culto.
Não acredite em nada do que eu escrever.
Acredite em você mesmo e no seu coração."
Email:
Visite o Site do Autor

Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz





horoscopo


As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa