auravide auravide

Vida amarrada


Recebido de Rubia A. Dantes

Conta uma velha lenda dos indios Sioux, que uma vez, Touro Bravo, o mais valente e honrado de todos os jovens guerreiros, e Nuvem Azul, a filha do cacique, uma das mais formosas mulheres da tribo, chegaram de mãos dadas, até a tenda do velho feiticeiro da tribo...

- Nós nos amamos... e vamos nos casar - disse o jovem. E nos amamos tanto que queremos um feitiço, um conselho, ou um talismã... alguma coisa que nos garanta que poderemos ficar sempre juntos... que nos assegure que estaremos um ao lado do outro até encontrarmos a morte. Há algo que possamos fazer?

E o velho emocionado ao ve-los tão jovens, tão apaixonados e tão ansiosos por uma palavra, disse:

- Tem uma coisa a ser feita, mas é uma tarefa muito difícil e sacrificada... Tu, Nuvem Azul, deves escalar o monte ao norte dessa aldeia, e apenas com uma rede e tuas mãos, deves caçar o falcão mais vigoroso do monte... e trazê-lo aqui com vida, até o terceiro dia depois da lua cheia. E tu, Touro Bravo - continuou o feiticeiro - deves escalar a montanha do trono, e lá em cima, encontrarás a mais brava de todas as águias, e somente com as tuas mãos e uma rede, deverás apanhá-la trazendo-a para mim, viva!

Os jovens abraçaram-se com ternura, e logo partiram para cumprir a missão recomendada... no dia estabelecido, à frente da tenda do feiticeiro, os dois esperavam com as aves dentro de um saco.

O velho pediu, que com cuidado as tirassem dos sacos... e viu eram verdadeiramente formosos exemplares...

- E agora o que faremos? - perguntou o jovem - as matamos e depois bebemos a honra de seu sangue? Ou as cozinhamos e depois comemos o valor da sua carne? - propôs a jovem.

- Não! - disse o feiticeiro, apanhem as aves, e amarrem-nas entre sí pelas patas com essas fitas de couro... quando as tiverem amarradas, soltem-nas, para que voem livres...

O guerreiro e a jovem fizeram o que lhes foi ordenado, e soltaram os pássaros... a águia e o falcão, tentaram voar mas apenas conseguiram saltar pelo terreno. Minutos depois, irritadas pela incapacidade do vôo, as aves arremessavam-se entre si, bicando-se até se machucar.

E o velho disse:
- Jamais esqueçam o que estão vendo... este é o meu conselho. Vocês são como a águia e o falcão... se estiverem amarrados um ao outro, ainda que por amor, não só viverão arrastando-se, como tambem, cedo ou tarde, começarão a machucar-se um ao outro... Se quiserem que o amor entre vocês perdure...

voem juntos... mas jamais amarrados.

Lenda dos índios Sioux




Sabe, eu sempre gostei da cultura, tradição e lendas dos índios, seja de qualquer tribo ou nação. A sabedoria deles é natural, é simples e diz tudo o que precisamos saber para vivermos em harmonia com a Natureza, com os demais Seres do Universo e com Deus.

Sobre a lenda de hoje tenho o seguinte a lhe dizer:

Quem ama não prende,
não subjuga, não sufoca,
não escraviza o outro.

Vejamos alguns exemplos do que ocorre nas vidas dos casados, dos namorados ou mesmo entre os amigos.

Sempre quando convidamos amigos casados para ir a um show qualquer, eles dizem: "Minha" mulher/namorada não deixa eu ir sozinho..!!

Existem mulheres que desejam fazer cursos, estudar, trabalhar, ou mesmo realizar outras atividades de engrandecimento pessoal, mas são impedidas pelos "seus" esposos e vice-versa.

Note você que os pronomes possessivos "meu" e "minha" são os mais usados entreo os casados ou entre amigos, como se os cônjuges ou amigos fossem "dono" uns dos outros. É "MEU amigo", "MINHA amiga", "MEU esposo", "MINHA esposa", "MEUS filhos", "MINHA mãe"., "MEU pai", "MEU irmão", etc..

Isso está tão enraizado na nossa cultura e na nossa mente, que se torna muito difícil substituir estes pronomes por palavras que não denotem a idéia de POSSE, tais como: "a pessoa com a qual convivo", "a pessoa que me ama ou a qual eu amo", "o amor de minha vida", "a mulher que me gerou", e por aí..!!!

Para Hàmlid, AMAR é compartilhar, é conviver, é aprender, é SERVIR, mas sem a idéia de POSSE, sem SUBJUGO, sem ESCRAVIDÃO, sem TEMOR, sem MEDO, sem CIÚME, enfim, SEM EGOÍSMO.

O que mais vem atrapalhando os relacionametos modernos de "convivência conjugal" (não gosto de falar CASAMENTO por que nos dá a idéia de algo que nunca mais será desfeito) é o CIÚME, que é uma das manifestações do EGOÍSMO somado ao MEDO DA PERDA do parceiro ou amigo.

Sim, somos egoístas, não adianta falar que não somos porque isso é algo natural dos seres humanos. Está latente lá dentro de nós. É uma de nossas qualidades da qual não a julgo ser boa ou ruim, apenas digo que ela existe. E esse nosso EGOÍSMO quando se manifesta causa muitos males a nós e principalmente aos outros, àquelas pessoas que estão ao nosso redor..!!

Mas então como resolver isso?

Hàmlid lhe pergunta: Você quer viver mais feliz, em harmonia com seu/sua "parceiro(a) de convivência diária"? Então comece por liberá-lo(a)..!! Sempre digo que temos o DIREITO NATURAL de vivermos em LIBERDADE, sem nenhum tipo de amarra, coleira, algema, prisão, etc.

Costumo dizer às pessoas o seguinte:

TRATE SEU AMIGO OU PARCEIRO COMO SE ELE FOSSE UM PASSARINHO E VOCÊ UMA GAIOLA COM A PORTA ABERTA. SE VOCÊ, REALMENTE O CONQUISTOU, ELE SAI E VOLTA À HORA QUE QUISER, MAS SE VOCÊ NÃO FOI CAPAZ DE CONQUISTÁ-LO, ELE SAIRÁ E NUNCA MAIS VOLTARÁ. E É BOM QUE SEJA ASSIM..!! É BOM QUE A LIBERDADE PREVALEÇA..!!

Então, à partir de hoje, Hàmlid lhe pede o seguinte:

Libere mais o pássaro que está preso à você (a gaiola), confie mais em seu/sua companheiro(a), dê-lhe uma chance de poder voar livre sem o seu monitoramento, sua vigia e seu EGOÍSMO. Deixe-o(a) ir aonde ele/ela quiser, seja ao estádio de futebol, aos shows, à festas, ao teatro, à faculdade, ao trabalho, ao cinema, por que não? Dê LIBERDADE. Deixe a pessoa RESPIRAR..!!! Se você o(a) sufoca, ele/ela acabará com todo o brilho dos olhos e certamente se tornará apenas seu/sua escravo(a), como um pássaro presona na gaiola e logo o seu relacionamento se deteriorará.

Hàmlid mesmo costuma ir aos shows de rock, às vezes com a companheira, com os filhos, mas na maioria das vezes ele vai mesmo é sozinho..!! E daí? Tem que haver CONFIANÇA do lado de lá e RESPONSABILIDADE do lado de cá. Este é o SEGREDO de se viver em HARMONIA.

Viva, mas também deixe os outros viverem em PAZ..!!!

Este direito, que deve ser praticado por ambas as partes, nós o conquistamos mutuamente ao longo do nossa união matrimonial. Não pense que é fácil, pois não é! Mas tente ser um pouco mais liberal, e você se sentirá também mais LIVRE, mais SOLTO e muito mais CONFIANTE no outro.

A LIBERDADE É UMA GRAÇA DE DEUS...!!

Pois isso, siga o conselho do velho feiticeiro Sioux, que nos ensina:

Voem juntos... mas jamais amarrados


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


clube WebMaster é o Apelido que identifica os artigos traduzidos dos Associados ao Clube STUM, bem como outros textos de conteúdo relevante.
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Autoconhecimento clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa