Home > Corpo e Mente

A atividade dos anjos

por Olibenice Urbaitis

Como tudo ao Todo se Urde
Um no Outro atua e vive.
Como Celestes Forças se elevam e descendem
E se entregam os Vasos de Ouro
De Bençãos os Fragrantes Impulsos
Do Céu a Terra Perfundem
Em Harmonia todo o TODO ressoando
(palavras do Fausto na obra de Johan Wolfgang Von Goethe)


A mim muito me agrada falar sobre o tema dos Anjos. Há pelo menos 10 anos, especificamente nesta data, tenho tido a oportunidade de apresentá-lo, e por isso sou muito grata.

Não só em setembro, quando temos a primavera aqui, e o outono no hemisfério norte. Mas também nas outras tres grandes épocas do ano, tal como a Páscoa no primeiro trimestre, São João no segundo, e o Natal no quarto, ou seja, que cada uma destas grandes datas assinala a chegada de uma nova estação.
Infelizmente aqui na América do Sul, pouco se percebe a alternância das estações, principalmente das intermediárias, isto é, os equinócios, quando a duração dos dias e das noites é igual. Isto porque na maior parte do tempo, o clima varia de ameno a quente, sendo raro o frio de verdade.
Mas, se visualmente quase não notamos os câmbios, nossos organismos físico e anímico, sentem, pois sua natureza é a mesma do ambiente que os rodeia, e por menos que se note, as quatro estações do ano acontecem, e promovem mudanças na natureza. Existem sinais muito claros dessa alternância de estados, eu diria até, estados físicos, mas não consigo desvincular o físico do anímico. Pois se no físico, podemos sentir frio ou calor, no anímico, podemos sentir alegria, raiva, etc. Existem certos dias em que estamos mais eufóricos, ou deprimidos, mais bem dispostos, ou preguiçosos, ativos ou indolentes, mais saudáveis ou enfermiços. Porque? Quando? Vamos encontrar esta resposta mais adiante.

No momento temos que responder às perguntas, pelo menos às iniciais, que estão no convite que fizemos para esta palestra.
A proposta é sobre a atividade dos anjos!

Mas, o que são ANJOS?
Eu venho pesquisando este assunto há pelo menos uns 30 anos, acho que desde que ouvi pela primeira vez o termo "anjos" minha curiosidade se atiçou em descobrir o que é isso.

Eu descendo de judeus, porém, tive uma formação religiosa, no mínimo bastante eclética. Por isso, obtive muitas informações oriundas de quase todas as crenças. Quando atingi a maturidade, e portanto já com maior bagagem cultural, comecei a entender melhor o assunto. Mas, foi, somente quando tomei contato com a ANTROPOSOFIA, é que de fato as milhares de perguntas começaram a ter algumas respostas.

ANJOS - palavra de origem latina - angelus - significa mensageiro.
Para saber isto, não foi suficiente pesquisar o dicionário, mas o termo me levou a mergulhar profundamente nos temas bíblicos, e nas histórias das diversas civilizações que antecederam a nossa.

O que eu descobri nessa pesquisa, é que primeiro: o termo anjo, deriva do grego "aggylos" e que também significa mensageiro. Esse termo, deriva do árabe "djin" que deriva do persa, desembocando há quatro ou 5 mil anos, na civilização ária, da India, com o termo DYEUS, do qual derivam as palavras, zeus, deus, deva, etc.

Simplificando, ANJOS, é um termo que designa pelo sentido de mensageiro, uma ponte entre DEUS e a HUMANIDADE, e assim é que se depreende de palavras encontradas nos idiomas mais antigos, como acima citadas, as quais se iniciam pela letra "D", termos estes que significam - DEUS ESPLENDOROSO - portanto, é essa a espécie dos ANJOS.

Então, os anjos seriam uma emanação de DEUS, justamente como a humanidade o é, só que a humanidade, hoje em dia, se distanciou muito nessa ponte, da qual falei há pouco.

Hoje, até da terra já nos distanciamos - p/ex. - nossa cidade é um "jardim" de concreto. Mas, apesar de nós, a natureza mantém essa ligação com o Divino. Vamos tomá-la como modelo, retornando ao início, quando falava das 4 estações.
Pois bem, tanto na cultura judaica, e a partir dela, quanto na cristã, encontramos 4 grandes arcanjos como encarregados, entre outras funções, de zelar pelo planeta TERRA.

Na mitologia grega, seriam os CURETES - sacerdotes de CIBELE - encarregados de distrair ZEUS, e escondê-lo de CRONOS (pedra - tempo), isto é, são os zeladores de DEUS para fazer surgir e manter a harmonia da raça humana, ou, da humanidade.

A Atuação dos 4 grandes arcanjos é cruzada, ou cruciforme.
Se aguçarmos a imaginação, e se pudéssemos ter clarividência, contemplaríamos uma grande CRUZ CÓSMICA, perfundindo do Céu à Terra, e trocando as bênçãos fragrantes dos vasos de ouro, tal como no poema de Gohete, citado por STEINER.

Essa atuação cruzada, ou cruciforme, tem a função específica de manter uma harmonia, ou seja, fazer vigir a LEI - DHARMAN. Portanto, é pela LEI que percebemos suas relações com o Homem e consequentemente, sua atividade.
Podemos comprová-la? Eu diria que sim. Vejamos:
1-) Na Torá - o Livro Sagrado da religião Mosaica, ou judaica, está escrito que junto ao Trono de Deus, estão as 4 emanações da sua VONTADE

GABRIEL
RAPHAEL TRONO MICHAEL
URIEL
SENDO:
URIEL = A LUZ DO CONHECIMENTO DE DEUS
GABRIEL = A LUZ DA FIDELIDADE DE DEUS
RAFAEL = A LUZ DA VIDA/SAÚDE DE DEUS
MICHAEL = A LUZ DA VERDADE DE DEUS

Estas 4 emanações, poderiam ser assim entendidas:
URIEL = LUZ DE DEUS ou FOGO DE DEUS
GABRIEL=HEROI/HOMEM DE DEUS
RAFAEL = CURA DE DEUS
MICAEL = IGUAL A DEUS

Onde estão localizadas essas forças que emanam de DEUS para o Cosmos, e em particular para o planeta Terra e como atuam?

1-) URIEL - é a própria TERRA - ou está no centro dela, emanando o Fogo da Criação e da Purificação, tal como a HÉSTIA GREGA, que na visão clarividente é topázio.

2-) GABRIEL - é a própria LUZ, ou está no centro dela - emanando a LUZ PRATA, fria - da sensibilidade e da inspiração - atua através de Marte também, e sua personificação grega como divindade seriam ÁRTEMIS ou HÉCATE - e nos Heróis, TESEU. Na clarividência, é Safira Azul.

3-) RAFAEL - o próprio MERCÚRIO, aquele que transporta a cura, ou a saúde, ou desde o centro de Mercúrio a emana. Essa luz que na clarividência é mescla de rubi e esmeralda, e que na mitologia é o próprio HERMES, mensageiro dos Deuses e Condutor de ALMAS.

4-) MICHAEL - o próprio SOL - onde começa e termina a união entre o Divino e o Humano - é puro ouro, pois do coração central do sol na mente de Deus, parte para o coração central, na mente do homem, emanando coragem, valor, audácia e ousadia para penetrar na estrada rumo à Glória de Deus, e isto implica na grande coragem de se libertar do jugo da personalidade. Na mitologia poderia ser contemplada a atuação de APOLO.

Como atuam? - voltando às quatro estações, URIEL rege a época Joanina, que no hemisfério norte traz o verão e no sul o inverno.
Nessa época ele ascende desde a Terra para o Cosmos, a fim de gerar a vida infinita, e cumprir a LEI, que se manifesta no homem como KARMAN. É o fogo que purifica e esgota o karma - levando ao Dharma pessoal. Nessa época, quem desce à terra, trazendo essa mensagem da alegria e força da vida, é GABRIEL. No homem estas forças ocorrem no sistema neurosensorial; atuam pela força do pensamento na educação (URIEL) e no sistema metabólico - através da alimentação e da higiene, por Gabriel, de forma que, enquanto no norte os sentidos estão mais exaltados por causa do verão, no sul estão mais recolhidos, por causa do inverno, metabolizando o impulso de purificação, através dos órgãos da digestão. Mesmo que não sintamos isso, a natureza sente.

A época oposta, seria o Natal, época em que as almas encarnam na terra para que os homens resolvam sua equação kármica, composta com os Senhores do Mundo, ou Lipikas, para que se promova a evolução humana e também do planeta. São épocas fortes - de estações primordiais ou fundamentais, representadas pelos solstícios - quando a duração do dia e da noite é mais longa.
Já nos equinócios, temos a primeira época, a da Páscoa, regida por RAFAEL, que ascende nos Cosmos, e quando MICHAEL desce ao centro da Terra, como quando fizeram no Gólgota para que Jesus se tronasse o CRISTO.

RAFAEL rege o sistema rítmico, a respiração, o sangue, que atuam através do coração (MICHAEL). É quando a natureza explode em vida pulsante (primavera no hemisfério norte) a qual estava latente no inverno, e no sul explode em frutos, pois é outono, donde o calor do verão os fez amadurecer, levando-lhes a vida que alimenta o homem para sustentá-lo.

Por fim, temos a época Micaélica, cujo apogeu é hoje - época de acontecimentos fortíssimos - e por isso, essa força atua no sistema dos membros no movimento - na formação do homem - na força de ereção. Seu processo se dá pelo fluor (corpo simples gasoso - que dá reações enérgicas), pois é matéria amarela de fluorescência verde, seu contrário poderia ser o enxofre.

Aqui no sul é primavera. No norte é outono.
Vejamos: a natureza convulsiva e convulsionante; as forças de movimento - p/ex: bolsas e política - época de renovação! É Sol e Mercúrio criando a alquimia da transformação; aqui estamos assolados por atuações arimanicas e luciféricas, nos disputando, e MICHAEL ascende no Cosmo, onde recolhe o ferro dos meteoros, e forja sua espada, lutando contra a atuação dessas forças, numa obra constante e eterna, tal como ATHENA preservando as virtudes e ARES nos livrando da servidão. Esta época indica a contemplação da hematita e da ametista.

E qual é o nosso papel, ou seja, o papel do homem?
É perceber e acolher essas forças em si, para que sua jornada evolutiva se complete nas diversas etapas de sua existência humana, e possa através da atividade perene do anjos, como impulso primordial, retornar às suas origens como um homem completo, ou seja, de fato um indivíduo, consciente e liberto, tal como PERSEU, ou seu bisneto HERCULES. E assim viver a bem-aventurança junto aos deuses e evoluir em outras esferas.

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   Numerologia  
 
Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp


Obrigado por votar
Gostou deste Artigo?   Sim   Não   
Avaliação: 5 | Votos: 1
Atualizado em 29/08/2001 10:58:43

Olibenice Urbaitis é consultora de QUIROSCOPIA (exame das mãos) e atualmente atende em seu consultório em São Paulo.
Email: aliibnissa@ig.com.br
Visite o Site do Autor

Veja também
Não se reprima
Faça uma lista de 3 prazeres com seu amor!
Quando as Colunas Luminosas Cantam Espiritualmente no Coração
O que você escolhe, amor ou medo?
Procuram-se trabalhadores dedicados a fazer o Bem
Aqui se faz, aqui se paga...


Deixe sua opinião sobre este artigo


© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.
As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo do Site.


Energias para Hoje
segunda-feira, 14 de outubro de 2019

energia
I-Ching: 50 – TING - O CALDEIRÃO
Expresse livremente sua luz interior. Aqueles que contribuem para o maior benefício espiritual de outros alcançam o sucesso.


energia
Runas: Talismã da Saúde
Dê atenção à saúde. Cuide da alimentação.


14
Numerologia: Liberdade
Sinta-se livre para enfrentar as experiências que este dia tem a oferecer. Escape da rotina e procure hoje fazer suas coisas de modo diferente. Varie e experimente liberte-se de padrões.




Horóscopo

Áries   Touro   Gêmeos   Câncer
 
Leão   Vírgem   Libra   Escorpião
 
Sagitário   Capricórnio   Aquário   Peixes





 
© Copyright 2000 - 2019 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa