Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade

Do-In

Do-In Publicado dia 5/28/2001 5:03:37 PM em Corpo e Mente

Compartilhe

   

O Do-In é uma técnica de auto massagem ou auto-exercícios utilizados hà vários milênios pelos povos do Extremo Oriente para desenvolver a saúde física, a serenidade mental e a elevação espiritual. De comprovada eficiência na prevenção e cura de doenças físicas e emocionais, essa técnica não tem sua origem conhecida com exatidão.

Embora faltem dados comprobatorios, presume-se que o Do-In tenha sido desenvolvido na China hà uns cinco mil anos, durante o reinado de HUANG TI, o lendário Imperador Amarelo, considerado o pai da acupuntura e o formulador dos fundamentos de toda a medicina chinesa.

A terminologia e os princípios do Do-In são os mesmos da Acupuntura, Moxabustão e do Shiatsu. Também conhecido como “massagem acupuntura” sua técnica consiste em estimular determinados pontos estratégicos da pele, alinhados sob um sistema de canais denominados meridianos, que estão diretamente relacionados com os órgãos internos do corpo.

O significado do termo Do-In é: “guiar todas as forças da vida externas e ambientais para a nossa entidade física espiritual”. Em outras palavras Do-In é a forma de conseguir a unidade entre o mundo fora de nós e o mundo dentro de nós. Os movimentos do Do-In são simples e naturais. As técnicas são intuitivas e sucessivas, uma série de movimentos e toques em pontos específicos. Quando nos exercitamos ou nos tocamos, todo o nosso movimento de Do-In deve ser parte do movimento harmonioso do universo.

A teoria do Do-In é baseada no fluxo de Ki, a energia da vida. Essa força cósmica presente em todo o organismo vivo é captada pelos pontos cutâneos e circula através da rede de meridianos que se ramifica logo abaixo da pele. O fluxo de energia Ki se processa através da polarização de Yin – Yang, negativo-positivo, que se instauram produzindo o equilíbrio no organismo. Quando essa harmonia se desfaz, a energia se congestiona ao longo dos meridianos, e os pontos tornam-se doloridos e enrijecidos. Esta estagnação da energia vital é o primeiro estágio do desenvolvimento da doença, caracterizado por uma série de sintomas subjetivos sem causa aparente: a doença do Ki.
Os conceitos Yin e Yang coincidem basicamente com as modernas teorias do funcionamento dos nervos. Recentes pesquisas efetuadas com aparelhos eletrônicos e especialmente através do efeito Kirlian (foto da aura humana), permitem visualizar e constatar cientificamente todos os meridianos e pontos chineses.

Com os extensivos estudos que atualmente são desenvolvidos na China e nos centros médicos do mundo, é de se esperar um grande avanço na utilização desta medicina milenar em um futuro próximo.

por Ronaldo Cardim

Consulte agora
Mapa Astral   Tarot   Numerologia  


Obrigado por votar

O artigo recebeu 3 Votos

Gostou?   Sim   Não  

Compartilhe

         

Sobre o autor
Ronaldo Cardim é Terapeuta Corporal e Psicoterapeuta Holístico, formado em psicologia, trabalha com as técnicas: Shiatsu, Zen-Shiatsu, Massoterapia Corporal, Massagem Bioenergética, Massagem de Alongamento, Sei-Tai (manipulação da coluna), Psicoterapia Holística, Relaxamento induzido, Hipnoterapia Condicionativa, Regressão (TVP).
Atende em seus consultórios em Tupã/SP (14) 3496.6310 e em Marilia/SP (14) 3413.9979
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor







Energia do Dia
4 - KUEI MEI - A JOVEM QUE SE CASA
Evite qualquer decisão ditada pela paixão.
Consulte o I-ching

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa