auravide auravide

A canção da alma livre

por Wagner Borges
A canção da alma livre
Publicado dia 19/11/2008 16:16:28 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

(Solos de Guitarra no Infinito)

Aqui, acima do mundo, na fronteira com o céu,
Eu escuto um chamado espiritual.
É como um sussurro em meu coração,
Que me diz para seguir a luz...

Como um solo de guitarra, eu deslizo por trilhas sutis,
Para além da linha do horizonte...
Por onde vou, deixo um rastro de luz,
Enquanto meu coração canta a liberdade.

Dizem que há um lugar no céu
Mais lindo que tudo.
É para lá que eu vou deslizando...
Como um solo de guitarra.

Vôo contente, rumo à Casa das estrelas,
Para mostrar minha música aos espíritos.
Sempre sonhei com o infinito...
E, agora, sou alma livre, voando feliz.

Penso na minha família que ficou na Terra.
Faço uma prece por eles, que mais parece uma canção.
Espero que eles também façam suas preces como canções,
E que escutem um solo de guitarra em minha homenagem.

Eles não me vêem, mas estou feliz.
Tudo é como deve ser!
No tempo certo, nos reencontraremos na luz...
Assim como, agora, reencontro as estrelas.

Dizem que há um lugar no céu
Onde Deus escuta música.
É para lá que eu vou, deslizando...
Como um solo de guitarra.

Lembro-me de minha namorada, e faço uma prece por ela,
Para que ela encontre alguém melhor do que eu;
Para que ela também seja muito feliz,
Como estou feliz agora, voando na luz.

Ah, tomara que meus amigos se lembrem de mim,
Escutando um solo de guitarra e rindo...
E fazendo suas namoradas felizes.
Faço uma prece e torço por eles.

Dizem que, para Deus, a eternidade é só um momento.
E, nesse momento, eu vou para Ele, deslizando...
Como um solo de guitarra,
Como alma livre e feliz.

Eu sempre sonhei com o infinito.
Eu sempre viajei no solo de guitarra.
Eu sempre quis voar pelas estrelas.
E, agora, é hora de fazer tudo isso, deslizando...

Que meus pais, minha namorada e meus amigos
Parem de se lamentar e chorar.
Tudo é como deve ser!
Eu prefiro que eles escutem um solo de guitarra por mim.

Nada sei sobre o tempo e a eternidade,
Mas acho que Deus me explicará.
Então, vou até o lugar lindo onde Ele está.
Deslizando... Como um solo de guitarra.

Vou nessa!
Na fé.
Na luz.
Feliz.

(Recebido espiritualmente por Wagner Borges).
- Nota de Wagner Borges: Esses escritos são a transcrição das idéias de um rapaz desencarnado. Ele me disse tudo isso enquanto eu estava ( Projeção da consciência – é a capacidade parapsíquica - inerente a todas as criaturas -, que consiste na projeção da consciência para fora de seu corpo físico.
Sinonímias: Viagem astral – Ocultismo.
Projeção astral – Teosofia.
Projeção do corpo psíquico - Ordem Rosacruz.
Experiência fora do corpo – Parapsicologia.
Viagem da alma – Eckancar.
Viagem espiritual – Espiritualismo.
Viagem fora do corpo – Diversos projetores extrafísicos e autores.
Emancipação da alma (ou desprendimento espiritual) – Espiritismo.
Arrebatamento espiritual - autores cristãos. ) projetado para fora do corpo(*), durante o sono, e me pediu que eu lesse sua mensagem em meu ( O programa Viagem Espiritual é apresentado todas às quintas-feiras, das 19h às 20h, na Rádio Mundial de São Paulo – 95.7 FM.
Obs.: Enquanto eu finalizava estas notas, lembrei-me de um texto que tem uma sinergia legal com esses escritos de hoje. Segue-se o mesmo logo abaixo.) programa Viagem Espiritual(*).
Segundo ele, a mesma chegaria a quem de direito, além de beneficiar outras pessoas em condições semelhantes. Então, fiz isso e, agora, estou disponibilizando-a em aberto para todos.
Em tempo: não tenho a mínima idéia de quem seja o cara e nem quem seja sua família. E isso não é mesmo importante. O que vale é o conteúdo dos escritos e sua intenção, que é a de passar algo bom para pessoas que perderam entes queridos e precisam de uma palavra legal e de estímulo, até mesmo para assimilarem a perda (temporária) e continuarem suas vidas com gosto e alegria. AURORA

Quando o amor é um estado de consciência, tudo se transforma.
A treva da ausência se torna presença!
A solidão escura e fria se torna alvorada.
E os olhos ganham o brilho do amanhecer.
O espaço se abre na luz de um novo despertar.
Então, o coração toca suavemente o Multiverso.
Sem sair do lugar, ele beija o infinito.
(A magia do amor transformou sua dor em luz).
O tempo dança à sua frente, como por encanto.
(As dores de outrora se foram; ficou o amor).
Do fundo do abismo brotou a luz!
E o que era apego e prisão, tornou-se estrela.
Quem ama mesmo, não arrasta correntes.
Pois a luz do amanhecer, no brilho do olhar, nada pesa.
E o nascer do sol não faz barulho algum!
A luz é presente do amor. É graça. É vôo sutil.
Quem se permite perder a graça, embaça a visão.
Quando o coração não reconhece o presente, perde as asas.
Quem dá abrigo à treva, perde o amanhecer nos olhos.
Quem carrega correntes, perde o vôo sutil.
Cada dia é um presente, que só se sente vivendo...
Quem ama, compreende e reconhece o presente.
E vive contente, para voar melhor, com graça.
Seu coração sabe que a luz não pesa nada.
Na aurora do despertar da consciência, tudo é PRESENÇA!*
A magia do amor é pura alquimia interior: transmuta a velha dor em luz renovada.
E o milagre acontece: a solidão escura e fria se torna alvorada!

PS.: O poeta celta cantou:
“Na luz eu me curei.
Na luz eu dancei e cantei.
Na luz eu reconheci o presente.
Na luz eu morri e renasci.
Na luz eu limpei o olhar.
Na luz eu vim; nela eu estou; nela eu vou...
Na luz, na luz, na luz... do amor!”

(Quem compreende, em seu coração a compreende...)

- Nota:
* Quando os antigos iniciados celtas admiravam os momentos mágicos do alvorecer e do crepúsculo, costumavam dizer: “Isso é um assombro!”. E assim era para todas as coisas consideradas como manifestações grandiosas da Natureza e do ser humano.
Ver o brilho dos olhos da pessoa amada, a beleza plácida da lua, a alegria do sorriso do filho, ou o desabrochar de uma flor eram eventos maravilhosos.
Então, eles ousavam escutar os espíritos das brumas, que lhes ensinaram a valorizar o Dom da vida e a perceber a pulsação de uma PRESENÇA em tudo.
A partir daí, eles passaram a referir-se ao TODO QUE ESTÁ EM TUDO como a PRESENÇA que anima a Natureza e os seres.
Se a luz da vida era um assombro de grandiosidade, maior ainda era a maravilha da PRESENÇA que gerava essa grandiosidade.
Perceber essa PRESENÇA em tudo era um assombro! E saber que o sol, a lua, o ser amado, os filhos, as flores e a Natureza eram expressões maravilhosas dessa totalidade, levava os iniciados daquele contexto antigo da Europa a dizerem: “Que assombro!”
Hoje, inspirado pelos amigos invisíveis celtas, deixo registrado aqui nesses escritos o “terno assombro” que sinto ao meditar na PRESENÇA que está em tudo.
E lembro-me dos ensinamentos herméticos inspirados no sábio estelar Hermes Trismegisto, que dizia no antigo Egito: “O TODO está em tudo! O Inefável é invisível aos olhos da carne, mas é visível à inteligência e ao coração”.
O TODO ou A PRESENÇA, tanto faz o nome que se dê.
O que importa mesmo é a grandiosidade de se meditar nisso; essa mesma grandiosidade de pensar nos zilhões de sóis e nas miríades de seres espalhados pela vastidão interdimensional do Multiverso, e de se maravilhar ao se perceber como uma pequena partícula energética consciente e integrante dessa totalidade, e poder dizer de coração: “Caramba, que assombro!”





estamos online

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

starstarstarstarstar
O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  



Sobre o autor
wb
Wagner Borges é pesquisador, conferencista e instrutor de cursos de Projeciologia e autor dos livros Viagem Espiritual 1, 2 e 3 entre outros.
Visite seu Site e confira a entrevista.
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor

Veja também
artigo Qual é a sua ambição?
artigo Porque estamos novamente falando da Era de Aquário?
artigo O Universo num Corpo Humano
artigo A noite escura, de são joão da cruz


As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa