auravide auravide

A Canção Secreta dos Iniciados de todas as Eras 2


Quando um iniciado entra no templo secreto, sabe que não é somente o seu espírito que se une à (Do grego Egregorien, que significa velar, cuidar. É a atmosfera coletiva plasmada espiritualmente num certo ambiente, decorrente do somatório dos pensamentos, sentimentos e energias de um grupo de pessoas voltado para a produção de climas virtuosos no mundo. É a atmosfera psíquica resultante da reunião de grupos voltados para trabalhos e estudos baseados na LUZ. Pode-se dizer que toda reunião de pessoas para a prática do Bem e da Virtude (independentemente de linha espiritual) forma uma egrégora específica, uma verdadeira entidade coletiva luminosa, à qual se agregam várias outras consciências extrafísicas alinhadas com aquela sintonia espiritual para um trabalho interdimensional. Provavelmente foi por isso que Jesus ensinou: Onde houver dois ou mais em meu nome, aí eu estarei. Muitos dizem que não se deve misturar egrégoras de trabalhos diferentes, porém, quando o Amor se manifesta, desaparece qualquer ideologia doutrinária, e só fica o que interessa: a LUZ. O dia em que os homens despertarem para climas mais universalistas e cosmoéticos, com certeza esse mundo será melhor de viver. Viva a LUZ, pouco importa o nome, o grupo ou a doutrina que fale dela. E viva os mentores espirituais que ajudam a todos, independentemente de credo, raça ou cultura esposada.) egrégora(*), mas também o seu corpo.

Enquanto os seus pensamentos tocam o espaço sideral e o seu coração agradece ao Todo, seus pés tocam o solo da Mãe Terra. Por isso, ele descalça as sandálias dos pés e do ego, e se submete aos desígnios maiores, que sempre visam o despertar consciencial, a abertura do coração e a consecução de ações nobres nos procedimentos vitais.

O iniciado sabe que "outros pés" também tocam o solo do templo. Por isso, ele saúda os companheiros invisíveis que jornadeiam interdimensionalmente na egrégora, com os mesmos propósitos de Liberdade, Igualdade e Fraternidade.
Ele sabe que a senda espiritual muitas vezes é solitária e cheia; complexa e simples; visível e invisível, para aquele que tem "olhos para ver", "ouvidos para ouvir" e um coração que "sente" e "compreende".

O iniciado conhece e respeita o solo secreto da senda, por isso ele tira as sandálias e caminha com passos luminosos e serenos. Ele respeita a egrégora e seus objetivos. Une-se a ela, em espírito e corpo, na sintonia do amor que brilha em seu coração.
Sim, ele sabe que o solo do templo não é cheio da poeira do mundo. Por ali passam miríades de amparadores sutis ajudando silenciosamente a humanidade.
Sim, ele tira as sandálias com a alegria de servir à Luz Maior. Ele sabe que o templo secreto também é em seu coração. Por ali andam os mestres espirituais e eles abençoam a senda com seus passos virtuosos.

O iniciado conhece os ensinamentos da esfinge milenar (que, um dia, foi atlante), e procura segui-los com consciência: "SABER, OUSAR, QUERER E CALAR"!

E ele aprendeu:
- A saber (o discernimento) e servir à Luz Maior.
- A ousar (com respeito, prudência e sabedoria) levantar o véu do mistério.
- A querer (com o coração, não com o ego) o amor brilhando em seu peito.
- E a calar (não a informação que ajuda os outros, mas o ego negativo) a arrogância e a intemperança.

Quando o iniciado caminha pela senda, sem as sandálias, seus pés brilham muito. Ele sabe que os seus passos são luminosos, pois ele caminha na egrégora do Todo, o Grande (Hierofante: dentro do contexto das iniciações esotéricas da antigüidade, era o mestre que testava o neófito (calouro) nas provas iniciáticas. Quando se afirma que o Todo (Deus, O Supremo, O Absoluto, O Grande Arquiteto do Universo) é o Grande Hierofante, é no sentido de que Ele é o Supremo iniciador de todos os seres, pois está em tudo!) Hierofante(*), no coração da própria vida infinita.
Ele caminha, trabalha, estuda, ama, sorri e segue...

São Paulo, novembro de 2005.
Notas: O primeiro texto está postado na seção de textos periódicos do site - link É o texto 656.

***

Obs.: Enquanto digitava essas linhas, lembrei-me de um texto sobre a ascese espiritual, que enriquecerá em muito esse texto atual.
Vamos a ele.

REFLEXÕES SOBRE A ASCESE ESPIRITUAL

Caro amigo,

Pense naquela luz rosa imanente e sintonize a mensagem para seus irmãos de caminhada.
A humanidade tateia nas trevas devido aos anseios obscuros que oprimem os corações humanos.

Os homens parecem loucos em sua faina de apossar-se das luzes ilusórias do mundo e de seus encantamentos sensoriais.
Falta a maturidade espiritual para enfrentarem a sedução dos convites perniciosos que acicatam seu viver.

Nesse contexto conturbado da humanidade terrestre, mensagens falando de espiritualidade e de coragem diante das investidas trevosas são muito úteis para a devida reflexão daqueles que estudam os temas espirituais em suas várias linhas.

A prova na carne é difícil e só aqueles que permanecerem com o fogo da alma aceso estarão capacitados para o labor espiritual em meio aos diversos problemas que se apresentam no viver comum.

Os estudos espirituais levam a sérias reflexões e fomentam questionamentos importantes a respeito da longa travessia do espírito pelas várias existências nos planos de manifestação.

Mediante a ponderação consciencial séria e desprovida de artificialismos técnicos ou fantasiosos, a consciência progride nos valores pelos quais sustenta seu padrão vibracional.

O discernimento revela aos olhos espirituais o INVISÍVEL IMANENTE e a luz revela ao coração o AMOR QUE GERA A VIDA!

Meditando em cima dos temas pertinentes ao estudo espiritual, manifestando o amor na caminhada ascensional e colocando em prática os valores colimados, os portais divinos abrem-se e dão passagem aos recursos espirituais compatíveis com o fogo da alma aceso no coração do estudante dedicado ao serviço do esclarecimento e da paz consciencial.

O fogo da alma aceso é o guia interno que permite ao estudante enfrentar as trevas que o pressionam, interna e externamente. É o seu valor real e transcendente. Nem a morte ou o mundo podem apagá-lo, pois é um estado de consciência interno e eterno. Até mesmo os sóis um dia se apagam, mas quem poderá destruir a luz imperecível no seio do ser que nunca morre?
O seu porvir está escrito em letras de fogo em seu coração espiritual.

Nos olhos do estudante espiritual que moureja na gleba terrena com dedicação e que, mesmo sofrendo a ação das amargas experiências inerentes à prova terrestre, ainda assim ergue os olhos ao Alto e agradece, o brilho divino faz sua morada sempiterna.Nesse mundo de homens ensandecidos e prisioneiros da angústia, quem poderá dizer que é feliz? Contudo, há homens que carregam um sol espiritual em seus olhos e o fogo da alma aceso em seus corações.

O mundo não sabe, mas o IMANENTE INVISÍVEL está guiando seus passos na longa travessia da "noite reencarnatória".
Ele os guiará em meio às intempéries cármicas e os proverá da paz espiritual que conforta internamente e dá a segurança aos seus passos nas trilhas ascensionais.

No cadinho das experiências humanas, eles desenvolverão o nível de consciência adequado ao desiderato espiritual que abraçaram nas iniciações espirituais invisíveis e galgarão os devidos graus conscienciais que os levarão a outros planos de manifestação sutil na imensidão interdimensional bordada no tecido vivo do universo pelos engenheiros siderais que regulam a evolução das várias humanidades espalhadas pelas estrelas em eterna ascensão.

Que os estudantes espirituais mantenham firme a vontade de erguerem o véu de (A ilusão que oculta a realidade) maya (*) e de servirem aos ditames da LUZ.

Que as provas do caminho não os afastem de seus valores imperecíveis.

Que as falhas dos outros e as suas próprias não desanimem suas buscas pelo esclarecimento espiritual e humano.

Que as experiências amargas sejam transformadas pelo discernimento e a paciência em lindas lições de crescimento. Não é tarefa fácil, mas é possível a quem carrega o fogo da alma aceso no coração.

Quem quiser manifestar PAZ e LUZ na existência, precisa primeiro manifestar PAZ e LUZ em si mesmo.

Que seus olhos brilhem por isso e que seus corações estejam ardendo de compaixão.
Na consciência esclarecida não há vitórias ou derrotas, só PAZ E LUZ!

Ramatís e Os (Os Iniciados - grupo extrafísico de espíritos orientais que opera nos planos invisíveis do Ocidente, passando as informações espirituais oriundas da sabedoria antiga, adaptadas aos tempos modernos e direcionadas aos estudantes espirituais do presente. Composto por amparadores hindus, chineses, egípcios, tibetanos, japoneses e alguns gregos, eles têm o compromisso de ventilar os antigos valores espirituais do Oriente nos modernos caminhos do Ocidente, fazendo disso uma síntese universalista. Estão ligados aos espíritos da Fraternidade da Cruz e do Triângulo. Segundo eles, são iniciados em fazer o bem, sem olhar a quem.) Iniciados(*)


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


wb
Wagner Borges é pesquisador, conferencista e instrutor de cursos de Projeciologia e autor dos livros Viagem Espiritual 1, 2 e 3 entre outros.
Visite seu Site e confira a entrevista.
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa