auravide auravide

A Noite


O início de cada dia está ligado à noite que o precede; a noite está ligada à manhã que se lhe seguirá. Cada um destes momentos deve ser preparado com antecedência. É muito importante que à noite, ao deitar, não parta para o outro mundo de qualquer maneira, porque deve apresentar-se lá junto de seres muito elevados, muito luminosos. Portanto, deve purificar-se, limpar-se e preparar-se para essa viagem.

PREPARAÇÃO PARA O SONO

1. A importância do último momento.

Um discípulo dá grande importância à maneira como adormece, porque é a noite que determina o dia seguinte. Portanto, antes de se deitar ele liga-se ao mundo invisível e põe de lado tudo o que o perturbou durante o dia: as preocupações, as inquietações, os desgostos... pensa nos erros que poderá ter cometido a fim de os reparar durante a noite e abandona-se, por fim, ao Anjo da morte - é o nome que a Cabala dá ao Anjo do sono - porque todas as noites nós morremos e todas as manhãs ressuscitamos.

Adormecer, deixar o corpo físico para ir para o outro mundo, é um exercício que praticamos quotidianamente a fim de estarmos preparados para o dia em que devemos verdadeiramente partir para o outro lado. Quem não souber adormecer, também não saberá morrer. Não há qualquer diferença entre adormecer e morrer, a não ser que, quando morremos, deixemos definitivamente a casa que habitávamos. Durante o sono, também a deixamos, mas nos mantemos ligados a ela.

Suponhamos que hoje estivessem felizes e bem dispostos. Mas, no momento de adormecer, sem saber o porquê, começam a ter pensamentos de tristeza, de desalento. No dia seguinte, ao despertar, ficam admirados por constatarem que o que tinham passado de bom na véspera, desapareceu por completo e que, em seu lugar, até ficou uma impressão desagradável. Podem, então compreender que o último momento foi mais importante, mais significativo, que o dia todo. Suponham, pelo contrário, que passaram mal durante todo o dia, mas que, antes de serem arrebatados pelo sono, por meio de orações e de bons pensamentos, conseguiram adormecer tranqüilamente. Ficam completamente limpos por estes últimos momentos: eles purificam vocês tanto que no dia seguinte acordam com boas intenções e bons projetos.

Existem, no homem, operários que utilizam tudo o que ele pensou na fronteira entre a vigília e o sono, porque os pensamentos acionam forças. Portanto, estejam atentos: não adormeçam com maus pensamentos porque eles destruirão tudo o que tiverem adquirido de bom durante o dia. Ao passo que, se adormecerem com bons pensamentos, eles melhorarão tudo em vocês e, no dia seguinte, ao acordarem, ficarão admirados com o estado de paz e de luz em que vocês se encontram.

Mas não pensem que, por terem rezado uma oração à noite, antes de se deitarem, podem fazer tudo o que quiserem durante o dia. Ou que é na hora da sua morte que apagarão todas as más ações da vossa vida. Não, porque, se procederem assim, terão sempre todos os diabos com vocês. Todavia, é muito importante que, antes de adormecerem, consigam acalmar-se, equilibrar-se, purificar-se ...

... Se nos acontecer sonharmos que cometemos atos repreensíveis que não cometeríamos no estado de vigília, é porque não soubemos preparar-nos para o sono. Antes de adormecermos precisamos nos preparar, como para uma viagem sagrada que dará resultados num futuro próximo ou longínquo. Diz a Cabala que, quando o homem adormece, há um espírito impuro que se agarra ao seu corpo físico para lhe sugerir cenas idéias, certos desejos... Esse espírito impuro quer apoderar-se do seu corpo porque este possui uma grande reserva de forças. Para vocês se defenderem desse espírito impuro, devem orar para que o Céu lhes envie um anjo que preserve vocês dele e os conduza à escola do Senhor para nela estudarem o amor e a sabedoria. Assim, durante a noite, terão sempre um guardião que permanecerá em tomo dos seus corpos, para impedir que o espírito do mal se apodere dele...

... Quando vocês deitarem, escolham um bom pensamento e deixe-o trabalhar durante a noite. Nunca deitem com um pensamento negativo, porque durante a noite ele fará estragos no seu subconsciente. Se, antes de adormecerem, forem invadidos por angústias, não fiquem na cama; levantem-se, acendam a luz e façam alguns exercícios, ou orem, ou leiam uma página que contenha um pensamento elevado, e depois voltem a deitar. Se esse estado reaparecer ao fim de algum tempo, levantem-se de novo e recomecem. Em todo o caso, fiquem sabendo que não poderão lutar eficazmente se permanecerem deitados. Podem dizer que, se vocês levantarem, irão apanhar frio, e que poderão lutar com o pensamento ficando na cama, no quente. Não, só sendo extremamente fortes é que poderão defender-se. Na posição horizontal se é mais passivo e menos forte. Pelo contrário, na posição vertical tem-se mais possibilidades e forças para reagir...

2. Orientação e posição.

A posição em que se dorme é também muito importante. É recomendável orientar a cabeça para Norte ou para Leste. Também é preferível não dormir de barriga para baixo, nem de costas, porque os resíduos vão acumular-se na coluna vertebral, nem sobre o lado esquerdo, por causa do coração. A melhor posição é sobre o lado direito porque os resíduos vão acumular-se no fígado, que está precisamente encarregado de os eliminar. Podem depois mudar de posição ao longo da noite, mas é aconselhável adormecer para o lado direito...

3. A insônia.

Em vez de lutarem horas inteiras contra a insônia, esforçando-se por fechar os olhos para adormecer, metam na cabeça que decidiram ficar acordados.
Levantam-se e apliquem-se num trabalho até se sintam apaziguados.
Ou então fiquem deitados, mas mantendo os olhos abertos, e olhem para a escuridão com a firme intenção de permanecer assim durante toda a noite, com a consciência bem desperta: constatarão que começam a pegar no sono. Nesse momento, retomem o exercício, fazendo de novo um esforço para manter os olhos bem abertos. Assim, o sono virá bem depressa, ao passo que, se tentarem adormecer fechando os olhos, nada conseguirão.

Outros métodos: beber água quente ou massagear o plexo solar no sentido inverso ao dos ponteiros do relógio.

4. O significado do sono para o discípulo

O verdadeiro discípulo deixa o corpo e vai reunir-se ao seu mestre, junto do qual continua a instruir-se. Lê os livros mais ocultos nas bibliotecas do Universo e assiste a cerimônias grandiosas das quais, por vezes, guarda uma recordação, embora o cérebro humano não esteja preparado para conservar a memória de tais coisas. Essa recordação deixa-lhe no coração uma sensação tão doce, tão tranqüila que, ao acordar, ele dirá: por onde andei esta noite? O que eu vi era tão belo! Dormir torna-se um ato sagrado quando nos deitamos com a intenção de irmos estudar para o outro mundo, porque é lá que se recebe a verdadeira iniciação.


(Por Omraam Mikael Aïvanhov)*

(Texto extraído do livro "A Nova Terra"; Ed. Prosvecta (Obras completas; tomo 13)
* Maiores detalhes sobre o Mestre Aïvanhov poderão ser encontrados no site: link


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


wb
Wagner Borges é pesquisador, conferencista e instrutor de cursos de Projeciologia e autor dos livros Viagem Espiritual 1, 2 e 3 entre outros.
Visite seu Site e confira a entrevista.
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa