auravide auravide

Amor, o pai-mãe de todos


Há um amor invisível e sutil, que vai e vem pelas dimensões.
Ele permeia tudo!
Pura imanência, além do tempo e do espaço, porém fonte vital do espaço/ tempo.
Ele vai e vem no turbilhão silencioso! Incondicional, jamais julga.
Ele é "Pai-Mãe" de todos os seres.
Ele sorri no imanente invisível, pois a Eternidade está num piscar de olhos, na gotinha de água e na vastidão interdimensional.
Ele é magnífico, mas é tão simples.
Está dentro e fora, à direita e à esquerda, acima e embaixo, à frente e atrás, em tudo, sempre!
Esse amor é o gerador dos zilhões de sóis espalhados pela imensa tapeçaria estelar.
É o Progenitor da vida, do grande ao pequeno, do invisível e do invisível, do novo e do velho, do yang e do yin...
Esse amor é Pai-Mãe de toda luz. É dele que Ramakrishna, Jesus, Krishna, Sukadeva, Ramana e outros luminares falavam. Shankara resumiu tudo nessa frase: "Esse é o amor que mora no coração".

Wagner Borges
São Paulo, 22 de Abril de 2002

Nota: Esses escritos foram feitos de improviso no quadro de aula do salão do IPPB diante das 47 pessoas presentes no curso "Sementes - fase 9".


Amor, o pai-mãe de todos - II

(Ou o Todo Está em Tudo!)

Dentro da relatividade das coisas manifestadas no universo, só há uma coisa perene: o Amor do Todo por tudo!
Incomensurável, não pode ser percebido pelos sentidos limitados nem pelas mentes tacanhas. Ironicamente, o intelecto não consegue entendê-lo.
A palavra não expressa sua virtude.
Nenhum templo pode contê-lo.
Nenhum ritual pode capturá-lo.
Nenhum sacrifício ou amuleto retém seu poder infinito.
Não está impresso em livro algum, por isso não pode ser lido ou memorizado.
Como coisas relativas poderão expressar o Amor Absoluto?
Que ser humano relativo poderá arrogar-se como detentor do Absoluto?
O Todo está em tudo!**
Ele é! E só Ele é que sabe o que é!
Só o Absoluto compreende o Absoluto.

* * *

Certa vez, alguém convidou o mestre iogue Shankara*** para participar de um antigo ritual védico em volta de uma fogueira. Ele riu, e disse:
"Em lugar de acender uma fogueira apenas por condicionamento religioso, que tal acender a fogueira do discernimento dentro de seu coração e queimar todas as dores emocionais que lhe causam as dificuldades? O Supremo habita em tudo. Ele está dançando nas chamas da fogueira, certamente. No entanto, Ele também dança em seu coração. Então, dance com Ele".

* * *

Uma árvore amiga me disse:
"O vento passou ainda agora cantando o Supremo...
O relâmpago, o trovão e a chuva também falaram d'Ele.
A Terra me disse que é sua filha, e as rochas estão enamoradas d'Ele.
E você, o que me diz?"
Nada lhe respondi, apenas a abracei.
Senti os meus pés ligados a Mãe Terra e ergui os meus olhos para o céu...
De coração aberto, como faria um iniciado celta antigo, sussurrei-lhe:
"Querida, como posso dizer-lhe algo sobre o Todo?
Os meus conhecimentos são relativos e minhas palavras são finitas.
O que posso dizer-lhe é que O Amo, mesmo sem nada entender.
Sinto-o, mesmo sem saber de que maneira.
De forma limitada, posso dizer-lhe que ele corre como o vento e é suave como a brisa; brilha no relâmpago, mas também está nas trevas da noite; estremece a atmosfera no trovão, mas é terno no abrir das pétalas das flores.
Ele é o Sol oculto que sustenta miríades de sóis na imensidão sideral, mas também viaja nos plácidos raios da lua.
Amiga, Ele é a energia que está em sua seiva vital, em seus frutos, em suas folhas, nos pássaros que pousam em seus galhos, e até mesmo em sua sombra.
Ele é o mesmo que está aqui, abraçado com nós dois, e que não entendo, mas que o meu coração compreende e aceita.
Ele, O Supremo, O Absoluto, O Profundo... Aquele Poder que gera todos os universos e seres, e que é capaz de abraçar a você e eu, e nos dizer, no silêncio de nossas almas: "Somos Todos Um!"

* * *

O sábio Kabir**** viu um devoto ajoelhado na rua, e o mesmo exclamava, em altos brados: "Deus, Deus, Deus... me escute, Ó Senhor. Aqui é o seu servo clamando pela sua misericórdia".
Então, ele agachou-se perto do homem e disse-lhe, bem baixinho:
"Irmão, por que você grita tanto? Por acaso, o Senhor é surdo?
Você não sabe que Ele escuta até mesmo os seus pensamentos mais secretos?
Para de gritar, e enche o seu coração de Amor."

* * *

Ensinamento celta: O universo inteiro está permeado por uma Presença. Aceite-a.

P.S.:
Nesses escritos relativos, há uma coisa absoluta: a minha incapacidade de colocar nas palavras os sutis sentimentos da alma. Portanto, peço ao leitor que não ligue muito para o que aqui está escrito, mas que sinta o perfume sutil que está além das palavras.
Esse perfume do invisível... que inspira tanto e que, muitas vezes, vem visitar-me num abraço silencioso.
Não posso ir junto com o texto e abraçar a cada leitor da mesma forma que fiz com a amiga árvore. Mas posso escrever essas linhas relativas sabendo que o Absoluto está nelas, pois Ele está em tudo.
Somando os ensinamentos de Kabir e Shankara, posso dizer que, "não é preciso gritar para chamar o Supremo, pois Ele já está dançando dentro de cada coração."
Relativas são às nossas percepções, absoluta é a dança do Supremo em nós.
E as palavras aqui alinhavadas não são capazes de revelar isso.
No entanto, o perfume sutil é bem legal...

(Na calada da madrugada, posso dizer, com sinceridade, que o ambiente do meu apartamento está cheio de luzes clarinhas. E o melhor: essas luzes também estão em meus chacras, em meu rosto e em meus olhos.
Essa é a maior riqueza que o Supremo me emprestou nessa vida: essa tal de Espiritualidade bem clarinha. É o único talento espiritual que possuo (ou, melhor dizendo, sou possuído por ele.)
Por isso, não sei escrever ou falar de catástrofes, julgamentos cósmicos da humanidade, e resgates de grupos egoístas que se acham escolhidos celestes e coisas do gênero. Nada sei sobre essas coisas.
Também não sei o motivo de tantas pessoas se permitirem serem corroídas pelos "cupins da dúvida" sobre a sua própria espiritualidade e sobre a imortalidade que pulsa dentro de suas almas.
Sendo a Espiritualidade um estado de consciência interno e não uma doutrina, não entendo porque muitos titubeiam no trato com algo que faz parte de seu próprio Ser, e que não é passível de ser corrompido pelas pressões externas dos que ainda estão procurando-a fora de si mesmos.
O que sei, com certeza, é da minha incapacidade em expressar em palavras a imensa alegria de ser visitado e possuído por um perfume do invisível que me inspira e me ordena a escrever, mesmo que de forma relativa, sobre o Supremo que dança dentro dos corações.)

Paz e Luz.
Wagner Borges - mestre de nada e discípulo de coisa alguma, ser humano com qualidades e defeitos, 54 anos de estrada, a maior parte deles trabalhando com essa menina chamada de "Espiritualidade", e maravilhando-se cada vez mais por isso.

- Notas:
** O Todo - expressão hermética para designar o Poder Absoluto que está em tudo. O Supremo, O Grande Arquiteto Do Universo, Deus, O Amor Maior Que Gera a Vida. Na verdade, O Supremo não é homem ou mulher, mas pura consciência além de toda forma. Por isso, tanto faz chamá-lo de Pai Celestial ou de Mãe Divina. Ele é Pai-Mãe de todos.
*** Shankara - sábio hindu do século 9 d.C., autor do clássico hinduísta "Viveka Chuda Mani"
**** Kabir (1440-1518) - foi um dos grandes poetas místicos ou santos-poetas da Índia medieval, tendo composto poemas que evidenciam a fusão entre os ensinamentos hindus e o sufismo muçulmano.

Confira o Curso de Projeção da Consciência no IPPB Com Wagner Borges clicando AQUI


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


wb
Wagner Borges é pesquisador, conferencista e instrutor de cursos de Projeciologia e autor dos livros Viagem Espiritual 1, 2 e 3 entre outros.
Visite seu Site e confira a entrevista.
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa