auravide auravide

As 70 palavras mágicas que começam com P - Parte 12


Hoje, para você, PLENITUDE

Minha alma está contente com as novas descobertas que venho fazendo por estes dias que correm ainda frios aqui em Lisboa.
Os dias estão frios, mas a alma está contente e bem aquecida.
Na plenitude da minha vida descubro que ser feliz é um ato de uma simplicidade imensa. É olhar tudo e todos como se tudo e todos fossem a expressão mais perfeita de Deus e que por isso está tudo perfeito, no lugar certo, na hora certa.
Acho que, pela primeira vez na vida, entendi que plenitude é entrega e confiança total no Criador e no Universo todo que Ele criou para nós sermos felizes dentro dele.
Plenitude é, portanto, largar mão dos controles e da autopunição. É amar, perdoar e saber-se amado por tudo que nos cerca, mesmo que isso seja uma cerca de arame farpado (se ela está lá significa uma projeção da nossa mente, portanto nos pertence e cabe a nós retirarmos esta cerca do lugar).
Estar pleno é estar um pouco acima das densidades que nossa mente inferior cria. Como queria dizer Jesus ao andar por sobre as águas (sou deste mundo mas não pertenço a este mundo).

É deixar de acreditar nos pensamentos negativos, é deixar de acreditar que não somos merecedores e todo este blá-blá-blá que nossa imaginação fabrica a cada segundo. É saber que não há nada fora de nós e que não é preciso pressa ou ansiedade, porque não temos para onde ir. O lugar que sonhávamos encontrar está dentro de nós. E tudo o mais são criações dos nossos desejos orientadas pelo nosso ego que está desconectado desta paz divina.
Plenitude é o ato de tomar o controle destes pensamentos e dizer a eles que eles estão convidados a desaparecerem das nossas vidas PARA SEMPRE. E que no lugar deles vamos criar pensamentos de paz, de amor, de saúde, de harmonia, de confiança e beleza.

Plenitude é saber que tudo que está no nosso mundo nada mais é do que o espelho daquilo que nossa mente criou. Portanto, fica fácil saber quem somos quando olhamos à nossa volta e vemos com quem estamos e o que estamos vivenciando.
Eu, neste canto do mundo cercado de mar, posso garantir que tenho visto as flores amarelinhas na grama verde dos campos, os barcos que passam pelo Tejo deixando na água um rastro de bolhas prateadas, a Lua que cresce no céu, pessoas e mais pessoas, em processos maravilhosos de crescimento interior, correndo rumo à Grande Luz que sempre esteve a nossa espera.

E se algo tem ameaçado a sua plenitude, sugiro que pratique uma das lições do Curso em Milagres que diz: Escolho ver plenitude e paz ao invés disso (daquilo que me perturba).



estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


izabel
Izabel Telles é terapeuta holística e sensitiva formada pelo American Institute for Mental Imagery de Nova Iorque. Tem três livros publicados: "O outro lado da alma", pela Axis Mundi, "Feche os olhos e veja" e "O livro das transformações" pela Editora Agora.
Visite meu blog.
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa