Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Deduzir

por Saul Brandalise Jr.
Deduzir
Publicado dia 05/03/2009 16:17:26 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

Não pretendo que meus artigos ensinem algo a ninguém. Apenas estou dando uma informação e mostrando a minha verdade. Cabe a cada indivíduo a sua escolha de como quer viver a sua vida e quais os métodos que quer utilizar para as suas colheitas. Meu Mestre ND não quer que eu o siga, ele quer que eu aprenda a ser EU mesmo.

Ele diz que ser Budista significa superar obstáculos e não esperar por milagres. Ele diz que não devemos julgar as pessoas. Ele diz que devemos ter muita moderação na boca. Ele diz que o Livre-arbítrio é o caminho da evolução. Plantar e Colher. Ele diz que religião é ruim porque ensina as pessoas a ficarem dependentes. Ele diz que não se deve deduzir. Ele prega FILOSOFIA DE VIDA.

A palavra Buda significa iluminado. Existem, existiram e existirão muitos Budas, portanto não é privilégio deste ou daquele adquirir LUZ própria. Isso é o que me fascina no Budismo:
Não preciso seguir ninguém. Não sou filho Cósmico de ninguém e trilho o meu próprio caminho. Portanto, sou o que penso e ando conforme decido. Minha saúde e minha felicidade estão em minhas mãos. Ou, melhor colocando, em meus valores, os quais aplico em minha existência atual.

Comecei o texto desta forma porque recebi um @ contestando algumas de minhas verdades e achei oportuno esclarecer para todos que leram, deduziram, e me questionaram...

A palavra deduzir é uma composição de duas outras: Deduz e Ir.

Quando escrevi sobre a palavra ACORDAR fiz questão de somar. A+COR+DAR. Porque na realidade estamos agregando COR em nossos pensamentos, atitudes e colheitas. Com deduzir é diferente. É uma das poucas palavras compostas em que o entendimento deve vir de uma subtração. Em verdade, deduzir significa ESTACIONAR. Portanto devemos exemplificar desta forma:

DEDUZ – IR. (deduz “menos” ir).

Se deduzir, corro o risco de não ir, porque, invariavelmente, vou pensar de forma negativa nos resultados que poderei obter. Algumas pessoas acham que isso é cautela. Não é. Isso é copiar padrões familiares equivocados de pais que não se atreveram a andar e a superarem seus obstáculos. É mais fácil se postar como coitadinho e esperar o acalanto dos que nos cercam. Este é o primeiro passo para o excesso de gordura do corpo físico. Se seu filho está gordo, pode saber que grande parte deste problema cabe a você ou seu parceiro(a). O filho está sendo o que não quer ser.
Alguém está dirigindo a vida dele... Alguém pensa que está ensinando. Na realidade está adestrando. Ele tem dificuldades para decidir e vai passar grande parte de sua vida deduzindo. Quando ele tiver que tomar decisões por si vai ter sérios problemas. Ele não aprendeu a superar obstáculos.

O significado da palavra amor jamais se confunde com o sentido da palavra DIRIGIR. Muito menos com o de CUIDAR. Vigiar é uma coisa completamente diferente e que é facilmente confundida com dirigir a vida do outro. Isso deixa a pessoa insegura. Ela procura se precaver para não errar, mas já erra em pensar assim. Deduz e esquece de ir... Na realidade não consegue ir.

Portanto, precisamos ficar atentos para não deduzirmos. Cada ser humano possui a sua própria evolução e é com ela que deve seguir decidindo os destinos de uma vida. A vida, se bem entendida, é linda.

Nossos familiares são produto de resgates profundos. Sim, e o que isso tem a ver com deduzir... Tudo, ora! Uma coisa linda é o amor que reina nas famílias. Portanto, nossos maiores resgates são com membros da família. Já imaginaram como seria mais complicado este trabalho sem a beleza do amor?
Perceba como é interessante: onde temos mais dificuldades plantamos mais amor... Sim, a vida é linda. Só não vê quem não quer, ou está cego devido ao seu adestramento.

Pois é; viu como a vida é linda? Viu como tudo fica mais fácil quando aprendemos a entendê-la e não achar que os eventos são obra de milagres? Sua vida é você quem faz. Aprenda isso de maneira forte e definitiva. Portanto é vital buscarmos valores corretos para que nossas decisões sejam contempladas com visões futuras corretas.

Dedico este texto a Helenna que está “espartana e galhardamente” aprendendo a não deduzir... Obviamente não se trata de uma tarefa fácil, mas tudo na vida é uma difícil superação. O que é fácil não tem valor. Ela está percebendo que suas atitudes estão sendo corroídas pelo cupim da dedução. Luta muito para ser um novo ser humano. Mas, na realidade, quem não luta? Acho que só os derrotados!
Ela já descobriu que em algumas situações copia, nas suas decisões, padrões equivocados e ultrapassados.
Helena, seja como Helena de Tróia, linda exteriormente e bela e pura em seu interior.

Sei que nos veremos
Beijo na alma



estamos online

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

starstarstarstarstar
O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  



Sobre o autor
saul
Saul Brandalise Jr. é colaborador do Site, autor do livro: O Despertar da Consciência da editora Theus, onde mostra através das narrativas de suas experiências como extrair lições de vida e entusiasmo de cada obstáculo que se encontra ao longo de uma vida.
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor

Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz





horoscopo


As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa