auravide auravide

Música e Assistência Espiritual

por Wagner Borges
Publicado dia 19/06/2008 13:52:35 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

Assim como as ondas sonoras se propagam pelo ar, os pensamentos e sentimentos elevados também se propagam, pelas energias, silenciosamente, e seguem até onde a sabedoria do universo os levar, para quem precisar, incondicionalmente e em qualquer lugar.
As energias são distribuídas equilibradamente, dosadas nas cores específicas para cada caso e distribuídas por generosos benfeitores invisíveis aos sofredores de todos os planos.
Silenciosamente, os seus pensamentos e sentimentos se propagam como energias e irradiam pelo éter sutil, e chegam aos que necessitam do calor vital que emana do coração aceso pela paz.
Essa assistência espiritual é realizada de formas admiráveis, que os sentidos dos homens não percebem - como só o céu sabe fazer. Essa é a maravilha silenciosa que viaja como vibrações serenas, por entre os planos, os orbes e os corações, por onde quer que seja necessária.
Nada acontece que não seja de acordo com a lei universal.
Pensem nas maravilhosas ações nobilitantes, realizadas em conjunto, por vocês mesmos, quando se unem, de coração a coração, luz na luz, quando se abrem portais luminosos, passagens interplanos, que comunicam vibrações.
O céu age de formas admiráveis entre os homens, tornando-os veículos de celestes (Trecho da sabedoria do mestre búlgaro Omraam Mikhael Aivanhov sobre reuniões espirituais: Por que é tão importante formar coletividades espirituais? Eu lhes darei uma imagem: os engenheiros constroem centrais elétricas muito potentes com as quais podem alimentar de energia regiões inteiras. Pois bem, uma coletividade espiritual é comparável a uma central: ela pode dar energia para projetar a luz muito longe no espaço. De fato, os cérebros humanos são verdadeiras baterias, e basta apenas uni-los e colocá-los em contato com uma idéia divina: as correntes que eles projetam são recebidas por uma quantidade de outros cérebros no mundo, que também decidiram trabalhar pela mesma idéia. `Vocês oram, meditam e cantam juntos, mas ainda não perceberam as imensas possibilidades que todas essas atividades lhes oferecem para beneficiarem toda a humanidade. É o momento de se tornar consciente e fazer um trabalho para que a luz do Reino de Deus seja recebida pelo maior número possível de cérebros na terra.´) vibrações(*).
Assim como o bom músico toca o seu instrumento habilmente, o Espírito Supremo toca sutilmente as cordas secretas dos corações, fazendo acontecer a música secreta, a maravilha da assistência espiritual.
O Espírito Supremo vai dedilhando as cordas de nossas vidas e, com o tempo, elas vão ficando mais afinadas e as músicas, mais sutis e mais bonitas.
Cada um que participa da assistência espiritual vai melhorando a afinação de suas próprias cordas, pois, quando ajuda a acertar a música psíquica dos outros, vai melhorando a si mesmo.
Tocando nas cordas dos outros, vocês afinam suas próprias cordas. Isso é lei universal.
Então, que cada reunião espiritual seja sempre uma grande música celeste em cada um de vocês, pelo bem de todos.

Paz e Luz.
Amor e serviço.

- ( Os Iniciados - grupo extrafísico de espíritos orientais que opera nos planos invisíveis do Ocidente, passando as informações espirituais oriundas da sabedoria antiga, adaptadas aos tempos modernos e direcionadas aos estudantes espirituais do presente. Composto por amparadores hindus, chineses, egípcios, tibetanos, japoneses e alguns gregos, eles têm o compromisso de ventilar os antigos valores espirituais do Oriente nos modernos caminhos do Ocidente, fazendo disso uma síntese universalista. Estão ligados aos espíritos da Fraternidade da Cruz e do Triângulo. Segundo eles, são “iniciados” em fazer o bem, sem olhar a quem.) Os Iniciados(*) –
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges – São Paulo, 05 de julho de 2006).

PS.: Esses escritos são a transcrição de uma psicofonia*, ocorrida durante um trabalho de irradiação energética com os 100 participantes do grupo de estudos e assistência espiritual do IPPB. Ao término do mesmo, um dos amparadores do grupo extrafísico dos Iniciados acoplou mediunicamente comigo e passou esses toques sobre música, sintonia e assistência interconsciencial.- Nota:
* Psicofonia – comunicação mediúnica por intermédio da fala de um médium. Chamada popularmente de incorporação mediúnica.
Obs.: o fenômeno psicofônico (assim como a psicografia, que é a escrita mediúnica) apresenta vários graus de manifestação; desde aquela mais ostensiva, até aquela mais discreta, onde a onda mental do espírito se casa sutilmente com a onda mental do médium, influenciando-o e tornando-o um canal interplanos, para passagem de idéias e energias para o plano denso.
A mediunidade é apenas um evento psíquico, interligando consciências sediadas em planos de manifestação diferentes. Não é algo bom ou ruim. E nem pertence a essa ou àquela doutrina dos homens da Terra.
Se o lance é sadio ou não, isso depende de vários fatores, como a qualidade das idéias veiculadas, a intenção do espírito comunicante e o nível do médium.
Por isso, é sempre necessário filtrar as informações veiculadas, sejam elas anímicas ou mediúnicas. O que interessa é o conteúdo das mesmas. Se elas são sadias e de acordo com o bom senso e a razão, ótimo. Se melhoram a reflexão e a espiritualidade de quem as lê e fazem pensar em horizontes maiores e no presente que é a vida, beleza!
Em caso contrário, se aumentam a arrogância e o radicalismo e não suscitam ponderações conscienciais razoáveis, é melhor rejeitá-las, sejam de quem forem, da Terra ou do plano extrafísico.
É necessário filtrar tudo que se lê. O mesmo é válido para tudo que se vê e ouve. Com o discernimento a toda, sem viajadas na maionese psíquica.
E isso vale para qualquer coisa, inclusive para tudo que está sendo dito aqui.
Para os leitores que desejarem aprofundar mais esses questionamentos aqui postados, é só acessar uma entrevista que dei para a Revista Espiritismo e Ciência no ano de 2004. O título da mesma é “Contatos Com o Mundo dos Espíritos”, e pode ser acessada pelo site do IPPB, no seguinte endereço específico:
link
Finalizando esses escritos, lembro-me da sabedoria do grande Léon Denis, um dos maiores pesquisadores de temas parapsíquicos de todos os tempos. Deixo na seqüência uma advertência dele, que poderá ser muito útil para reflexões dos estudantes espirituais:
“Deve todo adepto saber que a regra por excelência das relações com o invisível é a lei das afinidades e atrações. Nesse domínio, quem procura baixos objetivos os encontra, e com eles se rebaixa; aquele que aspira às remontadas culminâncias, cedo ou tarde as atinge e delas faz pedestal para novas ascensões.
“Se desejais manifestações de ordem elevada, fazei esforços por elevar-vos a vós mesmos. O bom êxito da experimentação, no que ela tem de belo e grandioso – a comunhão com o mundo superior – não o obtém o mais sábio, mas o mais digno, o melhor, aquele que tem mais paciência, consciência e moralidade.”
(Trecho extraído do livro “No Invisível” - de Léon Denis – publicado pela Federação Espírita Brasileira - FEB).



estamos online

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

starstarstarstarstar
O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  



Sobre o autor
wb
Wagner Borges é pesquisador, conferencista e instrutor de cursos de Projeciologia e autor dos livros Viagem Espiritual 1, 2 e 3 entre outros.
Visite seu Site e confira a entrevista.
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor

Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos


As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa