auravide auravide

Ouvindo a Alma...


De novo me vejo diante de um desafio enorme... uma mudança muito grande acena em meu horizonte e isso ainda me deixa com um frio na barriga.
Às vezes o Universo nos coloca diante de coisas que nos parecem completamente inesperadas, mas que se olharmos para elas vamos ver que é o que estávamos esperando há muito tempo, só que elas chegam tão de repente e nos parecem tão perfeitas... como se tudo estivesse sendo preparado enquanto a gente se afligia no caminho de se conhecer...
O Universo não costuma seguir os nossos projetos para nos trazer o que precisamos viver... Ele tem os próprios caminhos e planos que muitas vezes nos assustam pela precisão. Quando acha que estamos prontos para mudar de rumo, pode trazer tudo prontinho e nos pede para assumir o novo...

Bom... me vi assim diante do novo e quase sem ação, quer dizer... com um pouquinho de medo, não vou negar.

Quando temos que correr riscos que irão nos levar além dos limites do conhecido... por mais que tenhamos os sinais e as confirmações.... e por mais que tenhamos pedido por isso, ainda assim podemos ter medo do novo. Pedimos por ele, mas... quando ele chega e implica em mudanças tão profundas nos nossos padrões antigos, que de tão antigos e conhecidos nos prendem... muitas vezes podemos querer fugir do que mais queremos...

Muito louco isso, não é? Por que queremos tanto a mudança e o novo, sendo que não queremos abrir mão das velhas proteções que nos dão uma suposta segurança, mas não nos levam mais a lugar nenhum...
E a minha Alma adora me chamar para lugares novos e desconhecidos... eu resisto um pouco, mas quando o Universo insiste me mostrando tantos sinais e sincronicidades que eu não tenho mais como não perceber a mão do destino agindo... acabo indo...

Estava assim, nesse ponto de ir... mas com medo de mergulhar...

Quando me vejo assim... diante de eventos onde não sei qual ação tomar, e sinto que são coisas que tenho de viver pela grande sincronicidade com que me atingem, só me resta pedir ajuda ao Grande Mistério. Quando não sei a melhor ação, sempre entrego ao Universo... que está em mim e em tudo... Depois de muitas conversas intimas e bem sinceras com o Grande Mistério, quando sempre me mostro em toda a minha fragilidade... percebi que conversava comigo mesma em um outro nível e que as respostas já estavam dentro de mim... O Grande Mistério na verdade fazia uma ponte, de um eu mais superficial para um Eu mais profundo... aquele “Eu que sabe”
E isso aconteceu de forma tão natural que me fez acreditar ainda mais que cada um sabe as respostas que precisa... É só buscar em seu interior...

Não importa a forma pela qual esse buscar acontece... num ritual ou em uma conversa com a Alma....
Existem muitas formas de fazermos essa ponte, mas é fundamental que a gente faça, de uma forma ou de outra, porque estamos num momento onde é muito importante que cada um encontre a sua conexão com o Sagrado e que siga essa voz... porque é a única que sabe te guiar pelos caminhos que vão te propiciar maior crescimento e mais felicidade...



estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


rubia
Rubia A. Dantés é Designer, cria mandalas e ilustrações em conexão...
Trabalhos individuais e em grupo, com o Sagrado Feminino, o Dom e o Perdão...
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa