Home > Espiritualidade

Seja simplesmente humano

por Wilson Francisco

Seja simplesmente humano

Na verdade os animais são muito mais importantes em nossa vida do que imaginamos. Só agora com o desenvolvimento de uma visão holística do Universo é que estou obtendo autorização para estar informando mais sobre as funções espirituais dos animais, aves, répteis e plantas em nossa vida. Recordo-me que por volta de 1982 eu realizava com minha mulher e um amigo experiências espirituais em nossa casa, quando morávamos em Santo André. Nessas experiências os animais tinham participação bastante importante, oferecendo energias, auxiliando na captura de criaturas aprisionadas em matas, por ações de seres mal intencionados, enfim cada um tinha um serviço a realizar, tudo coordenado por Seres Espirituais inteligentes que utilizavam tanto nossos talentos como os talentos dos companheiros de tarefa.

Os animais são espíritos, só que numa faixa consciencial diferenciada, com bloqueios de manifestação inteligente por não terem desenvolvido ainda e nem despertado a sua essencialidade. Além disso, os corpos que animam não disponibilizam órgãos e sentidos apropriados para determinadas ações que só o corpo humano possui.

Veja que nosso corpo, por exemplo, quando não devidamente habilitado, deixa de atender a nossas necessidades e expectativas. Sempre que atendo uma pessoa pela primeira vez digo isso. Baseio-me na respiração, no perdão, na amplitude do olhar, no autotoque de amor, técnicas que vão permitir a esta criatura a abertura de canalizações e habilitação de seus órgãos, membros e sentidos para que a ALMA, o ser essencial (que é na realidade você), possa se manifestar.

Há pessoas cuja voz é articulada com medo ou seguindo estritamente os paradigmas (as permissões) dos pais, isto quer dizer que a criatura não consegue expressar o que sente e pensa, ela fala com a voz do pai ou da mãe, ou ainda do marido e algumas, por incrível que possa parecer, com a dos filhos. Esta é uma pessoa inviabilizada na vida, porque não manifesta sua alma, não realiza seus projetos e sonhos, para apenas fazer o que a família quer e deseja. Uma vida inútil. Ah! Wilson, mas meus filhos merecem que eu me anule por eles, dirão algumas mães.

Eu repito as palavras de um grande poeta Libanês, Kalil Gibran: “Os filhos não são nossos, são de Deus, não vem de nós e sim através de nós. E Jesus Cristo, como se pode ler na Bíblia, perguntava: “Quem são meus pais e meus irmãos”?
Essa consciência existencial é importante, porque nos situa na posição de seres espirituais em trânsito na Terra, para realizar caminhos, decisões, projetos e sonhos. Cada um responsável por sua existencialidade. Podemos caminhar junto da família, mas cada um realizando seus passos, compartilhar sem impor, apoiando, mas sem realizar o que o outro tem de fazer. Se você atravessar sempre a ponte em lugar da criatura que tem medo de altura, ela nunca vai aprender a realizar a travessia e nunca vai se desatar do medo.

A águia nos dá um exemplo nesse sentido. Ela “sabe”, por sua natureza, que seu filhote precisa aprender a utilizar as asas para sobreviver. Ama-o, como todo animal e ave amam suas crias. E, destemida, vai até o mais alto penhasco e de lá, com certeza, irradiando muito amor e carinho e confiante em sua natureza (em nós humanos seria a fé em Deus), deixa-o despencar lá de cima. E o filhote, diante daquela situação inusitada (mas também com seu nível de consciência do que tem e precisa fazer para sobreviver) meio sem jeito, abre as pequeninas asas e vai se firmando no ar, até que se equilibra e realiza o seu primeiro vôo. Sem esta experiência, este filhote nunca seria águia.
A cadela, com seu instinto maternal, sabe da sua missão e a cumpre, lambendo todo o sangue que envolve sua cria e com os dentes corta o cordão umbilical, deixando-a andar aos tropeções em sua primeira caminhada. A tartaruga põe seus ovos na praia, onde há as condições adequadas para a procriação e cada filhote seu desvencilha-se do ovo e vai correndo para as águas, onde se protegerão dos predadores. Se a mãe tartaruga ficar ali protegendo e obstruindo a corrida dos filhotes, eles, na praia, fatalmente seriam destruídos.

Com a publicação do artigo anterior onde falo sobre animais, muitos internautas me escreveram. Uns criticando, até duramente, entendendo que eu aceito como correta a imolação dos animais. Não é bem assim. Será imolação uma pessoa ficar o dia todo no sol, tirando lixo nas ruas (coisas que são jogadas deseducadamente, sem a mínima complacência para com a Natureza e para com estes dignos servidores sociais)?
Então eu pergunto a você que me critica: alguma vez na vida você pensou nessas criaturas? E os médicos, que sacrificam a convivência com a família, para estar de plantão nos hospitais, ou ainda os operários das metalúrgicas que passam o dia e às vezes as noites, trabalhando com o pó químico que as máquinas produzem, trazendo para eles dificuldades respiratórios, além do desgaste físico...

Outras pessoas entenderam e até se emocionaram porque passaram a compreender algumas “doenças” que seus animais adquirem, como eles dizem, do nada. Ora, o cachorro que você tem em casa, não está lá simplesmente como uma “lata de lixo” para receber tudo que não presta em você ou que mandam para sua atmosfera espiritual. Ele está vivendo em sua casa como um companheiro, para desenvolver sua experiência de vida animal e aprender com você os rudimentos da vida consciencial. Então, para o próprio desenvolvimento espiritual dele, Deus permite outras funções com as quais também poderá abrir canalizações e realizar tarefas que desenvolverão melhor seus sentidos, ampliando a visão de vida que tem em seu reino, habilitando-se para que, nesse trânsito existencial, ele possa ultrapassar as barreiras da inconsciência e voar para outros e mais amplos caminhos, como ser mais desenvolvido, até atingir a meta de poder animar, sempre como um ser espiritual, outros corpos.

Esse trânsito que o seu cachorro procura realizar, se assemelha ao que você vem realizando, para desenvolver suas “asas” e empreender outros e maiores vôos, porque, na verdade, todos somos seres divinos, realizando as experiências da vida física para modelar membros, órgãos e sentidos, até o dia em que suas mãos saibam acariciar, seus olhos consigam observar sem crítica e julgamento, seu fígado faça a química orgânica sem conter mágoas e raivas que o empobrecem e o bloqueiam.

Então, quando você conseguir transformar seu corpo em um instrumento perfeito para manifestar seus desejos essenciais, isto é, da sua alma, então você estará habilitado para viver em outros mundos, como anjo. E o seu animal doméstico, por certo, poderá estar também transitando para outros reinos e realizando tarefas que o habilitem a estar consciente e humano. Os índios Cheyennes da América do Norte diriam: “Seja simplesmente um ser humano”.


Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   Numerologia  
 
Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp



Wilson Francisco é Terapeuta Holístico, escritor e médium espírita. Desenvolve o Projeto Mutação, um processo em que faz a leitura da alma da criatura e investigação do seu Universo, para facilitar projetos, sonhos e decisões, descobrindo bloqueios, deformidades e medos que são reprogramados energeticamente. Participe do Projeto Mutação confira seus artigos anteriores
Email: wilson153@itelefonica.com.br
Visite o Site do Autor
Publicado em: 08/12/2006 12:27:47

Veja também
Seja paciente consigo, as mudanças requerem tempo para nossa adaptação
Por que Deus não me responde?
O Poder das Decisões
Lidando com as oscilações em nosso caminho
Diga não às vozes em sua cabeça
Por que é tão difícil mudar?


Deixe sua opinião sobre este artigo


© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.
As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo do Site.


Energias para Hoje
quinta-feira, 18 de julho de 2019

energia
I-Ching: 13 – TUNG JEN – COMUNIDADE COM OS HOMENS
A união e a confraternização trazem sucesso. Unindo-se a outros, você poderá realizar coisas importantes.


energia
Runas: Isa
Espere o momento oportuno, planos em suspenso.


18
Numerologia: Compaixão
Diga uma palavra terna, faça uma boa ação, enriqueça a vida dos que estão à sua volta com um gesto de carinho. Compartilhe generosamente seu conhecimento, seja compreensivo e ofereça ajuda.




Horóscopo

Áries   Touro   Gêmeos   Câncer
 
Leão   Vírgem   Libra   Escorpião
 
Sagitário   Capricórnio   Aquário   Peixes





Siga-nos:   Facebook   Twitter   Instagram   Youtube
© Copyright 2000 - 2019 Somos Todos UM - Mapa do Site | Política de Privacidade
Site Parceiro do UOL Universa