Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade

Sobre o Futuro e o Presente

Sobre o Futuro e o Presente Publicado dia 11/24/2003 12:02:24 PM em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

"Aqueles a quem o aprimorado desenvolvimento espiritual brindou com a possibilidade de um vislumbre de futuro, podem - com certeza - compreender minhas palavras. Ou mesmo zombar delas.

Os que não tiveram essa oportunidade também podem fazê-lo. Afinal, são apenas palavras de um humilde instrutor, cujo canal pode, a qualquer momento, e a que pretexto for, ser duramente criticado, ou desacreditado.

Pediram que comentasse hoje sobre os acontecimentos do futuro próximo. Apesar de compreender o porquê de todos vocês estarem sempre tão preocupados em conhecer com antecedência o que o futuro lhes reserva, tenho que ser sincero. Tenho muito pouca vontade de falar sobre os acontecimentos vindouros, visto que agora estou mais preocupado com o que vocês, queridos (discípulos, aprendizes espirituais) chelas(*), estão fazendo com suas vidas, no presente.

É certo que os que podem ouvir-me, ou melhor, ler-me nesse momento, julgam ser os que menos precisam dessas minhas palavras.
Entretanto enganam-se. Cada uma das linhas que escrevo agora é endereçadas a vocês, seres amados, que se esquivam por detrás de seus teclados.

Amo-os. Amo-os incondicionalmente, e não poupo esforços na esperança de vê-los crescer e manifestar seus próprios dons.
Amo-os tanto, que não posso permanecer em silêncio enquanto vocês se demoram a decidir-se, acreditando que terão todo o tempo do mundo para realizar aquilo que precisam começar já.

Como hei de fazê-los compreender que o tempo é uma ilusão, e que uma vida escoa tão depressa, que quando abrirem os olhos já terão perdido muitos (éons: período de tempo correspondente a milhões de anos. (O tempo que leva uma alma para completar um ciclo de manifestação na matéria)) éons(*), apenas aguardando o melhor momento, desperdiçando a oportunidade de empreender a missão a que se dispuseram, quando se precipitaram na matéria, impulsionados pelo desejo de manifestar as divinas qualidades?

Quando perceberão que é mais do que chegada a hora de sair de seus confortáveis casulos, e como borboletas, na luz prodigiosa da manhã, explorar todo o frescor da realidade sempre renovada, porém eterna, que existe em toda a parte ao seu redor?
Não canso de tentar lhes incutir um pouco mais de coragem, de ousadia, de desapego.

Quanto ainda terei de esperar para que escutem sua própria voz interior e simplesmente permitam que ela fale por vocês?

Que quantidade ou qualidade de Luz teremos ainda que irradiar para que seus corações se aqueçam, e vocês abandonem o velho padrão do medo de parecerem fracos, ridículos ou diferentes do que sempre foram?

Que há de errado em permitir que as virtudes divinas se manifestem e se tornem mais poderosas que o ego, cheio de artifícios e imperfeições?
Acaso julgam que serão menos amados por aqueles que os rodeiam?
Eu lhes afirmo que não.
Acaso temem perder aquilo que consideram ser seu mais precioso bem, a brilhante e adequada razão?

Eu lhes digo que nenhum daqueles a quem vocês se julgam firmemente ligados deixará de lhes prestar apoio e consideração. E, se deixarem de fazê-lo, vocês não terão perdido grande coisa.

Mas não é propriamente para cobrir vocês com uma enxurrada de lamúrias que busco contato através deste canal agora.

Estou aqui para dizer que seu futuro depende unicamente do que farão deste momento, este mesmo que estão vivendo agora, enquanto nem percebem a ação do prana entrando e saindo pelos seus pulmões.

Comunico-me para afirmar de que nenhum oráculo poderá prever melhor o que será do amanhã, do que vocês mesmos, cada um de vocês.
Se não estão dispostos a vivenciar no presente aquilo que seu coração já tem ciência que deve ser realizado, de nada valerão previsões ditadas por runas, cálculos cabalísticos, numerológicos ou astrológicos.

Vocês podem imaginar um paralítico, que tendo sido milagrosamente curado por um Grande Mestre como Jesus - por exemplo - e que tendo sido por Ele ordenado a caminhar e andar, continuasse deitado, sem querer se mover?

Afirmo a cada um de vocês que o milagre já foi realizado, no momento mesmo em que estão diante desta tela. O milagre está acontecendo e consiste unicamente no fato de estarem, cada um, dos milhares que me lêem, disponíveis a compartilhar da Grande Aventura que é sentirem-se parte integrante do Universo.

O milagre está ocorrendo quando se tornam conscientes de que as escolhas que fazem no presente determinam tudo o que deverá acontecer no futuro, próximo ou distante, a cada um de vocês e a toda a humanidade.

O Cristo, o Salvador, que todos esperam celebrar em 25 de dezembro, nasce e renasce a cada dia, dentro de cada um de vocês. Este é o milagre diário que todos devíamos sempre celebrar.

O milagre consiste na chama que brilha em cada célula de cada corpo humano.
Na Luz da Divina Presença que flui através de vocês.
Quem quer se transformar num ser iluminado? Quem está disposto a ser um Defensor da Vida, um Emissário da Paz?

Então, amados, basta apenas que vocês aceitem a realidade de que são parte do Incriado Ser Supremo, e que tudo devem fazer para manter acesa, no sagrado altar de seus corações, a chama do Incondicional Amor Divino que, a despeito de toda a desarmonia, insiste em brilhar. Irradiando esse Amor, vivam, um dia de cada vez, plenos de alegria, esperança e Paz.

Eu saúdo a todos e agradeço a oportunidade única de poder me manifestar.
Daquele que jamais haverá de abandonar vocês, em toda circunstância, porque crê que Somos Todos Um",

Romero Salazar
Canalizado por Maria Guida



por Maria Guida


Obrigado por votar

O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

Consulte grátis

Mapa Astral   Tarot   Numerologia  


Sobre o autor
Maria Guida é
colaboradora do Site
desde 2002.

Email: mariaguida@gmail.com
Visite o Site do Autor

Veja também
Vencendo os problemas
Quando vai haver algo de realmente novo em você?



Continue lendo
Quem leva quem?
O ópio do povo
Efeito luz, efeito sombra
Energias negativas não entram nas pessoas por acaso

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa