auravide auravide

Um chamado das pedras


Eu sempre fui encantada com as pedras e já tive sonhos muito bonitos e significativos... e essa história de me tornar mais consciente desses seres especiais começou a mais ou menos 7 anos quando um amigo me chamou para visitar uma igrejinha em uma pequena cidade do interior de Minas... E no caminho ele me falava como essa pequena igreja tinha um significado grande para ele.

Quando chegamos e as únicas criaturas vivas que estavam voando por lá eram umas andorinhas... e eu gostei disso .. não sei porque mas gostei e senti uma energia forte e muito bonita vendo aquelas aves voando naquele espaço sagrado, cercadas de imagens e pinturas antigas.
Eu não tenho religião, simplesmente gosto de sentir o sagrado que existe em tudo.

Essa é uma igrejinha para Santo Antônio e a imagem do santo estava no altar principal, e eu assentada no banco olhando a imagem estava pensando o que tinha ido fazer ali quando meu amigo me chama para ver alguma coisa atrás do altar.

Quando chego o que vejo me surpreende e me encanta ao mesmo tempo.
Uma enorme pedra está ali e me passa uma sensação tão grande de tantas coisas que minha primeira reação foi de susto. Mas, depois, em algum nível eu sentia que aquela pedra tinha uma mensagem muito mais profunda do que eu no momento podia captar.
Eu sentia muito forte que, tanto aquela pedra, as andorinhas, as imagens e pinturas eram uma representação do sagrado.

Quando cheguei em casa, minha mãe, que não sabia onde eu tinha ido, começa a falar comigo, assim do nada, que eu ia me chamar Arabela, e que Ara quer dizer pedra do altar.
Esse parecia um daqueles dias mágicos em que você entra em contato com alguns sinais que depois vão fazendo um sentido maior.

Nesse final de semana, passados uns 7 anos daquele dia em que vi a pedra no altar, em um curso sobre cristais eu entendi através de experiências muito fortes - confirmadas por sinais muito evidentes - que as pedras nos ensinam, nos curam e nos levam a entrar em contato com o divino que está em cada um e em tudo ao mesmo tempo.

E agradeci muito a essas pedras e aos beija-flores e a tudo e a todos que me propiciaram viver tantas experiências maravilhosas nesse fim de semana e me ajudaram a lembrar de tantos aspectos meus dos quais eu já havia me esquecido.




estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Gostou?   Sim   Não  
starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


rubia
Rubia A. Dantés é Designer, cria mandalas e ilustrações em conexão...
Trabalhos individuais e em grupo, com o Sagrado Feminino, o Dom e o Perdão...
Visite o Site do Autor

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.


Veja também

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa