Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade

Um momento de cada vez

Um momento de cada vez
Publicado dia 01/10/2001 13:00:59 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

Uma vez eu li em um livro um exercício pra você aprender a desfrutar realmente de todas as coisas que faz. Esse exercício ensina a quando você comer uma maçã, você realmente comer uma maçã. Consciente de que está só comendo uma maçã, sem fazer outra coisas, um pedaço de cada vez, sentindo o sabor, o cheiro... inteira ali naquele momento.

Nesta época, numa tarde estava sentada na rede na casa de minha irmã enquanto ela preparava ovos de Páscoa para as crianças, e me deu um pouco de chocolate da panela ainda mole e morno.
Então eu me lembrei do livro e resolvi comer aquele chocolate como ensinava no exercício.

O que eu realmente senti foi que nunca havia comido chocolate antes daquele dia, não com aquele sabor maravilhoso. Foi uma sensação tão boa que eu sempre me lembro do gosto daquele chocolate que comi com a intenção de estar só comendo chocolate.

Era tão bom e tinha um perfume que me enchia a alma de alegria; parece brincadeira, mas foi assim mesmo que me senti comendo um pedaço de chocolate um pouco derretido.
Eu eternizei aquele momento de comer chocolate estando inteira nele.

Bom, estou me lembrando disso agora porque estou passando por algo assim em relação à natureza, aos pássaros, as estrelas... estou aprendendo a ver e sentir coisas que estavam o tempo todo disponíveis mas que eu nunca tinha realmente percebido como agora.

Estou aprendendo a estar na natureza, inteira, desfrutando de estar na natureza... percebendo os sons... as “nuances” de luz... as formas... os perfumes e o todo ao mesmo tempo...
E é muito diferente você só “estar” em um lugar e você estar inteira naquele lugar, assim como é muito diferente você comer uma coisa e estar inteira comendo aquela coisa, presente...

O Don Juan dos livros do Castañeda, fala que você eterniza um momento quando você leva a sua totalidade numa mesma direção para sempre, ou alguma coisa parecida com isso.
E eu estou percebendo como tantas vezes fiz coisas sem fazer, comi coisas sem comer, olhei coisas sem enxergar, e como é bom refazer alguns caminhos aprendendo a ver as mesmas coisas com outros olhos, outros sentimentos e sensações.

As mudanças tão necessárias na vida da gente nem sempre precisam se manifestar por mudanças de coisas... de lugares... algumas vezes um mundo mágico está só esperando que mudemos a nossa velha forma de olhar, de sentir e de nos relacionar com todas as coisas... com as pessoas...

Quantas possibilidades de descobrir o novo que está escondido em cada pedaço de maçã ou de chocolate.... em cada pôr do sol... na dança de um beija-flor.... Quanta coisa bonita você pode encontrar agora mesmo ao seu redor se você se permitir experimentar por inteiro um momento de cada vez.

por Rubia A. Dantés

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Obrigado por votar

O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  

Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp

Sobre o autor
Rubia A. Dantés é Designer, cria mandalas e ilustrações em conexão...
Trabalhos individuais e em grupo, com o Sagrado Feminino, o Dom e o Perdão...
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor







Energia do Dia
Responsabilidade. Aguce seu senso de responsabilidade hoje. Conscientize-se do outro mas não assuma responsabilidades desnecessárias, pois os compromissos que assume hoje deverão ser cumpridos até o fim.
Faça sua numerologia

As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.


Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa