Home > Psicologia

Animais como personificações dos conteúdos do inconsciente

por Luís Vasconcellos

Apelido:

Morena legal

Idade:

47

Estado Civil:

 

Sexo:

Feminino

Filhos:

 

Profissão:

publicitária /produtora na área de eventos/feiras

Formação:

superior

 

Descrição do sonho:
Eu estava, no sonho, deitada em minha cama e olhava para a porta do quarto. Daí saiu do buraco da tomada de luz um animalzinho. Vi então que era um esquilo e que o seu rabo era esquisito: era fino, sem pelos, parecendo um galho de árvore seco.
{sentia medo e me vi presa, sem poder me mover }

Ele veio em direção à cama e eu estava enroscada nas cobertas: fiquei muito incomodada com a situação
{o que me incomodou foi a situação de total impotência, de não poder fugir pra lado nenhum }

Daí eu vejo a porta do banheiro e no pendurador de roupa ( que aliás está quebrado há anos: sobrou só um lado do suporte ) vejo uma abelha zunindo, ela devia ter uns 20 cm. Ela ficou ali pairando, batendo asas sem sair do lugar.
{a sensação era ainda de ameaça mas ela não veio pro meu lado nem me atacou de modo algum }


Comunicação do psicólogo para o sonhador:

18/12/2000

O seu sonho se passa no quarto de dormir e este local, assim como a cama, está associado ao sono e, portanto, aos sonhos. Dito de outra forma mais psicológica, este local e este objeto estão associados aos momentos, em sua vida em que ocorrem os contatos com o Inconsciente e seus produtos.
Pois bem, você sonha que está na cama de dormir, portanto estava na posição em que o contato com manifestações inconscientes pode se dar.
As paredes do quarto podem representar também fronteiras ou barreiras limitadoras. Nestas barreiras podem existir algumas perfurações ou furos (passagens inesperadas) e por elas podem entrar "os invasores", ou seja, os conteúdos do inconsciente que são temidos e tomados como ameaçadores pela sua consciência normal. Há um sentimento universal de repugnância pelas baratas e pelos ratos, pois eles costumam invadir nosso limite pessoal (casa/quarto/banheiro) por canos e ralos, aberturas das quais não podemos simplesmente nos livrar, por serem essenciais. Quantas vezes você já viu filmes de ação em que o inimigo (seguro em seu quartel/castelo/base) acaba sendo atingido pela via dos esgotos ou passagens de ar?
Você deve estar em uma fase em que os conteúdos "animais"/instintivos/naturais estejam se esgueirando por onde podem e escapando assim da censura, do controle e dos limites que você costumeiramente impõe a eles (no sonho representados pelas paredes e portas). Esta é uma fase de abertura para a sua vida interior e, nesse sentido, está havendo uma expansão da sua consciência. Só que você infelizmente não entende assim e prefere pensar que está sendo roubada, invadida e que será inapelavelmente prejudicada por isso.
Eles, os animaizinhos (conteúdos do seu inconsciente/instintos) estão agindo por conta própria, de maneira autônoma e esta característica deles faz com que você se sinta invadida e ameaçada. Este é o comportamento dos conteúdos do inconsciente que mais incomodam os que não estão familiarizados com eles. Esta sensação pode estar demonstrando que sua vida consciente é muito desenvolvida, mas que contudo, a sua relação com o seu Inconsciente não é muito boa. Daí o seu desconforto, impotência e sensação de estar presa e sem maneira de fugir. Esta atitude defensiva e de constrangimento, resultando em fuga ao contato, afeta a sua natureza interior. Chama a atenção este rabo (galho de árvore) seco do esquilo, o que significa um processo de morte (no mundo vegetal). Este detalhe do sonho pode estar significando este prejuízo de que estou falando.
É um problema dos mais modernos as pessoas terem uma vida consciente super estimulada e, ao mesmo tempo, uma relação muito pobre com o seu próprio íntimo. Reverter esta situação é uma questão de reverter ou redirecionar o foco da consciência normal e esta tarefa pode ser executada dando mais vazão à sensibilidade, à criatividade e à expressão artística (movimento, dança, espiritualidade, pintura, sonhar). Permitindo-se maiores momentos de interiorização, de meditação e de penetração em seus sentimentos, impulsos e desejos você acaba criando um veículo ou caminho de contato com sua vida íntima, redirecionando o foco da consciência normal que, por hábito e vício de toda uma vida, só soube abrir os seus olhos "para fora", ou seja, para o mundo material.
Você, na sua consciência "costumeira" rejeita estes intrusos e sua atitude é defensiva, sem dar oportunidade a eles (os conteúdos inconscientes) de se manifestarem. Suas tensões e medos prevalecem sobre a sua curiosidade e o seu desejo de fazer descobertas e/ou mudanças.
Esta situação é que tem que mudar. E é isso mesmo que lhe sugiro, uma descontração e uma abertura para o seu mundo interior que está querendo quebrar as barreiras para atingir você, mas está difícil estabelecer um contato efetivo.
Talvez não ocorra à sua mente consciente que não fugir seja mesmo a melhor coisa a fazer...
Vamos ao Banheiro, quando sonhamos com esta área, ela está relacionada a dejetos, ao local onde nos livramos daquilo que não mais nos serve. Ali nos limpamos e nos despedimos daquilo que foi nosso, mas que não mais deve sê-lo (sujeiras do mundo, suores, fezes etc.) Portanto, sonhar com o banheiro pode significar o subconsciente, ou seja, aquela área que já foi consciente mas que, certo dia, em certa fase, deixou de pertencer à nossa consciência normal. Não nos lembramos mais destas coisas, mas elas estão lá, vivas e podem ter força, podem se organizar coletivamente (abelhas são insetos coletivos) e somar suas forças... Sua abelha, no seu sonho, significa um conteúdo do subconsciente que lhe parece ameaçador, e não simpático como o esquilo (mamífero de sangue quente). Ela é grande (20 cm.) e sua força pode ser ameaçadora. Seu desconforto com a abelha é muito maior, pois ela representa algo mais "cabeludo" em você, algo mais sombrio, um conteúdo que você não aceita como seu, de jeito nenhum e do qual gostaria fugir. Felizmente, no sonho, ela só se mostrou, por assim dizer.
Para melhor lhe ajudar eu necessito que você faça algumas associações à imagem do esquilo e à da abelha.

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   Numerologia  
 
Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp


Obrigado por votar
Gostou deste Artigo?   Sim   Não   
Avaliação: 5 | Votos: 1
Atualizado em 19/12/2018 08:34:17

Luís Vasconcellos é Psicólogo e atende
em seu consultório em São Paulo.

Visite seu Site
Email: luisvasconcellos@hotmail.com
Visite o Site do Autor

Veja também
Toques conscienciais para uma amiga triste com a dor da perda
Consciência é vida e vida é consciência
Será que o Reiki pode me ajudar?
Obesidade: como tratar?
Medo da morte
Valorize seu Sorriso


Deixe sua opinião sobre este artigo


© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.
As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo do Site.


Energias para Hoje
quarta-feira, 23 de outubro de 2019

energia
I-Ching: 34 – TA CHUANG – O PODER DO GRANDE
O momento é favorável para tomar atitudes, mas você deve saber usar corretamente o poder de que dispõe. A verdadeira força é a que nunca se afasta do caminho da justiça.


energia
Runas: Perdhro
Ganhos inesperados, revelações agradáveis.


23
Numerologia: Expansão
Bom dia para vendas, propaganda e promoção em qualquer área. Você pode fazer sua própria sorte hoje, permita-se a ousadia e busque vantagens para sua vida. Canalize sabiamente essa energia e atue de modo decisivo.




Horóscopo

Áries   Touro   Gêmeos   Câncer
 
Leão   Vírgem   Libra   Escorpião
 
Sagitário   Capricórnio   Aquário   Peixes





 
© Copyright 2000 - 2019 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa