Home > Psicologia
Como sobreviver a pais narcisistas perversos?

Como sobreviver a pais narcisistas perversos?

por Silvia Malamud


Filhos de pais narcisistas perversos, desde muito cedo são programados para os satisfazerem em suas infinitas demandas a fim de que seus egos sejam enaltecidos. Como regra geral, qualquer expressão que possa ofuscar a imagem de grandiosidade, o palco e o brilho que estes pais tanto perseguem, deve ser exterminada. Neste acordo silencioso fica subliminarmente combinado que os filhos jamais podem parecer que são mais que os pais e em hipótese alguma devem cogitar mostrar terem luz própria sob pena de passarem por toda sorte de retaliação. Como se não bastasse, aqueles que ousam acordar e mesmo os que sem noção do que ocorre ficam à mercê deste tipo de subjugação, sem alternativas, ainda são induzidos a se apresentarem ao mundo como o protótipo da família ideal.

Quando existe alguma clareza sobre o drama no qual estão envolvidos, ao menor sinal de revolta, como força coercitiva, recebem toda sorte de humilhações, desqualificações e inserções de culpas. Uma ditadura dentro de um cárcere que visa recolocá-los na inconsciência dos fatos, mantendo-os a serviço deles.

Em suas artimanhas, tais pais quando revelados, costumeiramente se comportam como vítimas, acusando filhos de serem maus, abusando do papel que têm como genitores, inserindo culpas no intuito de fazê-los recuar em suas percepções. Com isso costumam deitar e rolar em manobras manipulativas como o gaslight, que é um padrão de abuso psicológico no qual as realidades vivenciadas são recontadas de modo totalmente distorcido e onde os fatos importantes são omitidos, desqualificados ou inventados. A intenção desses tipos patológicos de pais é de fazer as vítimas, no caso os filhos, duvidarem de suas memórias, percepção e sanidade para que possam continuar existindo acima de tudo e de todos.

O filho que ousar revelar o que acontece por debaixo das camufladas ações, receberá toda sorte de ataques emocionais. Os pais baterão de frente com a cega certeza de que conseguirão novamente anestesiar suas "crias".

Um dos aspectos mais terríveis desse estado de adoecimento do psiquismo consiste na real indisponibilidade emocional de reconhecerem o mal que fazem aos próprios filhos. Invertem suas responsabilidades jogando pesado quando os acusam de hiperdimensionarem as situações desagradáveis por eles provocadas, tentando diminuir o que fizeram ou falaram. O paradoxo maior ocorre quando visam desqualificar a importância do que fazem, mas em suas falas avisam que estão super magoados com a tamanha proporção que os filhos dão aos acontecidos, muitas vezes fazendo uso de ironia.

Enquanto estes filhos não entenderem que seus pais têm um adoecimento patológico, provavelmente transitarão em meio a sentimentos angustiosos, sempre à espera de um novo ataque, que inevitavelmente virá.

Aprender que pais narcisistas perversos costumam minar toda e qualquer expressão otimista que um filho pode ter perante a vida. Aprender que quando desmascarados em suas "brincadeiras", referências desqualificadoras, ou falas não edificantes, se enfurecerão de forma alucinada e conseguir sair desses cenários difíceis é tarefa árdua que na maioria das vezes necessita de muita terapia para que o autorresgate possa efetivamente acontecer.

Compreender que se pode dar limites quando as pessoas não são legais, que se pode escolher sem medo de ser abandonado, que se está livre para validar quem se é de verdade sem precisar ficar ansioso e nem hiper vigilante com receio de alguma crítica, julgamento, humilhação ou retaliação, vale uma vida. Você não acha?
Abuso emocional?? Não!!
Quanto mais despertos, melhor!







Consulte grátis
     
 
Compartilhe
   



Silvia Malamud é colaboradora do Site desde 2000. Psicóloga Clínica, Terapias Breves, Terapeuta Certificada em EMDR pelo EMDR Institute/EUA e Terapeuta em Brainspotting - David Grand PhD/EUA.
Terapia de Abordagem direta a memórias do inconsciente.
Tel. (11) 99938.3142 - deixar recado.
Autora dos Livros: Sequestradores de almas - Guia de Sobrevivência e Projeto Secreto Universos
Visite seu Site
Email: malamud.silvia@gmail.com
Visite o Site do Autor
Publicado em: 22/03/2018 11:12:22

Veja também
Como aproveitar o trânsito de Júpiter sobre meu Mapa Natal?
O que fortalece a sua autoestima e não lhe deixa ficar num relacionamento abusivo?
Filhos de pais narcisistas perversos e o resgate da identidade
Quando o amor faz o abismo virar céu...
Os deveres do poder público
A Fórmula Mágica da Gratidão


Deixe sua opinião sobre este artigo


© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.
As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo do Site.


Energias para Hoje
segunda-feira, 19 de novembro de 2018

energia
I-Ching: 03 – CHUN – DIFICULDADE INICIAL
O início de todas as coisas é freqüentemente trabalhoso e difícil. Mas basta manter-se paciente e perseverar.


energia
Runas: Sowilo
Seja transparente. Dia excelente , força vital e sucesso.


19
Numerologia: Originalidade
Mudanças ha muito consideradas podem ser bem feitas hoje. Seja diferente e original. Este é o dia para o exercício da individualidade.
Experimente o novo e o ainda não tentado. Mantenha-se independente e decisivo e, sobretudo, tenha coragem de agir de acordo com os seus sonhos.




Horóscopo

Áries   Touro   Gêmeos   Câncer
 
Leão   Vírgem   Libra   Escorpião
 
Sagitário   Capricórnio   Aquário   Peixes




+ Lidos da Semana anterior
1. Previsões para o Brasil em 2019
2. Quais as influências do trânsito de Júpiter em Sagitário?
3. Mais do que no amor, invista no processo...
4. Ser menos ansiosa significa viver um amor mais intenso...
5. Suas escolhas são conscientes?
6. Você está em sintonia com o universo?
7. Perigo: 3 sinais de que um relacionamento é abusivo!
8. Você baseia sua vida no medo?

 
© Copyright 2000 - 2018 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa