Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

O relacionamento sexual na ponta do lápis

por Sergio Scabia
Publicado dia 05/06/2000 22:21:01 em Psicologia

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

Quantas vezes esse aspecto tão importante e que poderia ser verificado com relativa facilidade fica relegado ao completo desconhecimento, sendo que poderia ser equacionado e trabalhado ainda no começo do relacionamento...
De fato existem pessoas com forte energia sexual e outras que estão na polaridade oposta.

O estimulo sexual, além da intensidade variável, depende de 3 fatores dominantes, que são distribuídos em partes iguais entre homens e mulheres. (o numero 3: as 3 dominantes, e o numero 2: os 2 sexos, aparecem juntos aqui outra vez)
Mais uma vez a percepção da perfeição do Criador com as suas criaturas! O que seria das pessoas feias se o Universo não tivesse se preocupado com elas?
Acontece que praticamente um terço da população carrega uma destas características predominantes:

1- A sexualidade afetiva.

Aqui a motivação para o ato sexual se baseia principalmente no afeto, no carinho, no sentimento que uma pessoa sente pela outra. A mola é a ternura, que deve ser correspondida.
Teremos sérios problemas quando um casal de afetivos brigar. Será como se o cristal tivesse se partido.
O trabalho de consertá-lo pode ser longo e penoso.
Predomina nos indivíduos do tipo psicológico Apaixonado, Sentimental e Apático.

2- A sexualidade disponível.

A sexualidade disponível prevalece nos tipos psicológicos Sangüíneos, Coléricos e Nervosos.
As pessoas geralmente vivênciam a sexualidade da forma mais descontraída e natural. Para uma pessoa com essa característica o sexo é considerado como mais uma função biológica natural, igual ao fato de beber, comer, dormir. São livres da necessidade de sentimento amoroso ou de gostar fisicamente/esteticamente do parceiro/a. Um vinho, um licor, uma caipirinha são geralmente suficientes para se desencadear a troca sexual com o parceiro(a).

3- A sexualidade estética.

A sexualidade estética normalmente é encontrada nos tipos psicológicos Apaixonados, Fleumáticos e Amorfos. A motivação é originada por estímulos relacionados com os padrões estéticos do parceiro. (Os padrões podem ser bastante subjetivos). A beleza aqui sim é em geral necessária e essas pessoas normalmente procuram ficar em forma com exercícios e tem dificuldade de se relacionar sexualmente quando a beleza do parceiro/a começa a declinar ou não bate com seu ideal físico.
Essas pessoas, ao ficarem mais velhas e menos atraentes, às vezes simplesmente desistem de se relacionar sexualmente.

Um bom conhecimento da própria sexualidade pode levar a relacionamentos mais conscientes, verdadeiros e realizados.

A Libido - o impulso sexual

Os traços para a avaliação da libido se encontram na zona inferior da escrita, e a letra mais valiosa para determinar o impulso sexual é a letra "g". A letra "L" (minúscula) também fornece importantes detalhes neste aspecto, visto que a sexualidade está relacionada com a fantasia e a imaginação e não somente com o lado lado instintivo e físico.

Podemos classificar a libido também em 3 níveis:
1- Pouco intensificada
2- Normalmente intensificada
3- Muito intensificada

Os aspectos que definem suas características

A Pressão falará de força e materialidade impulso (quanto maior, mais forte);
A Dimensão indica a intensidade e a amplitude do desejo (quanto maior, mais forte);
A Forma mostra se o impulso é terno e suave (Curva na base da laçada) ou áspero e duro (se temos o movimento inferior em angulo ou totalmente reto, terminando bruscamente para baixo).

Queremos aqui lembrar que estamos sobretudo querendo mostrar a beleza das diversidades dos tipos de sexualidade bem com a intensidade do impulso. O estudo desse aspecto é bem mais profundo e complexo e exige estudos demorados.

De uma maneira geral reconhecer a nossa maravilhosa diversidade, que responde a um perfeito projeto superior e tentar compreender que podemos ter parceiros mais compatíveis com nosso tipo, para uma maior harmonia sexual, já é boa parte do problema equacionado.


estamos online

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp

starstarstarstarstar
O artigo recebeu 1 Votos

Gostou?   Sim   Não  



Sobre o autor
sergio
Sergio Scabia é co-fundador do Site Somos Todos UM
Email: [email protected]
Visite o Site do Autor

Veja também
artigo Cuide da sua energia
artigo O Invisível, visível, 2
artigo Quando as Estrelas Descem Para Dançar no Coração do Homem
artigo O poder do desinteresse








horoscopo



As opiniões expressas no artigo são de responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros.

auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa