auravide auravide

A COR DAS CORES

Facebook   E-mail   Whatsapp

As cores são imaginação.

Imaginação é a magia que cria os mundos...

Os mundos somos nós e o Tudo pensando...

E o pensamento não existe porque seria imaginação?

E imaginação é fantasia?

Fantasia...

Ah! A fantasia pode ser o que quiser, e o que somos.

Então, feche os olhos e imagine as cores:

Verde: de olhos fechados passe a mão na grama, (de preferência de manhãzinha), respire bem fundo e encha os pulmões com o cheiro do mato. Esse cheiro pode ser a cor verde que há no mundo...

Azul: se você puder ir a um lugar onde tenha águas calmas e de preferência com temperatura ambiente. Mergulhe de olhos fechados. E com a cabeça para fora da água solte seu corpo. Perceba esse líquido te relaxando, como um sentimento de paz. Essa é a sensação do azul, cor do céu e do planeta em que vivemos. E esse pode ser a cor azul que há no mundo...

Laranja: de olhos fechados, segure e brinque com torrões de serragem. Sinta o aroma e textura da serragem, a esfregue em suas mãos. A serragem pode ser a cor laranja que há no mundo...

Vermelho: procure uma churrasqueira em brasas e sem carne assando. Com muita cautela e de olhos fechados, vá aproximando suas mãos em cima da churrasqueira. Perceba o ardor e como aquece suas mãos e seu corpo. Essa é a cor do sangue, e pode ser a cor vermelha que há no mundo...

Amarelo: de manhãzinha, fique exposto(a) aos primeiros raios do sol. De olhos fechados, deixe essa sensação morninha acariciar sua pele, te enchendo de vida. O sol é amarelo. E ele pode ser a cor amarela que há no mundo...

Rosa: procure um tecido de veludo, indiferente da cor. Feche os olhos e experimente a maciez do pano. Envolva seus braços, as costas de suas mãos e lentamente deixe sua pele absorver essa maciez. Ela pode ser a cor rosa que há no mundo...

Branco: vá até o cômodo mais isolado de sua casa. Feche todas as janelas e portas. Conceba o maior silêncio possível. Concentre-se nesse silêncio. O silêncio pode ser a cor branca que há no mundo...

Preto: feche os olhos, passe uma faixa de pano escuro sobre eles. Concentre-se no que se apresenta a seus olhos. Esse enigma pode ser a cor preta que há no mundo...

Marrom: abra um pote do café em pó. De olhos fechados, inspire bem devagar. A fragrância forte e marcante do café pode representar o marrom que existe no caule das árvores, na terra que cobre as florestas e bosques. Esse aroma pode ser a cor marrom que há no mundo...

Cinza: após queimar totalmente uma folha de papel. Espere esfriar o que se formou. De olhos fechados e com as pontas dos dedos segure o pó. Sinta sua textura sutil. Essa sutileza pode ser a cor cinza que há no mundo...

Muitas são as cores existentes no universo.

Infinita é a capacidade de imaginar.

Se não enxergamos algumas cores é porque nossos sentidos ainda não estão prontos para admirá-las...

Felizes daqueles que sentem as cores, pois não precisam mais da visão para enxergá-las.

Hellen Katiuscia de Sá

Facebook   E-mail   Whatsapp




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa