Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

A Ilha


Facebook   E-mail   Whatsapp

Foi na beira de um abismo que um anjo me contou
Das mil vidas que hoje sou e de um tempo que passou...
Muitas pedras assentadas pelo limo do passado
De onde brotam lírios brancos, que conversam com a certeza.
Em pedaços que se juntam o meu corpo se transforma
Na montanha dos pecados, que me servem de caminhos
Como um leve pôr-de-sol eu agora estou sozinho
Nada resta mais além...




Nesta mata de estrelas, onde pássaros são anjos
Universo escuridão, só há almas que navegam com farol do coração.
Neste canto de outros mundos todas folhas são eternas
Anjos rolam destemidos na cascata do infinito
Como fadas, seres, almas de Alcatrazes, céu e mar.

Cada encontro nesta vida pouco ou nada representa
Uma rosa é uma rosa, não há nada a fazer.
Uma lágrima é talvez, como a calda de um cometa
E o choro das estrelas é o canto de um poeta.

O vazio deste momento é o instante que me mostra.
Olho a terra, beijo o céu e me atiro aos seus encantos
Já não sou o filho amigo, o pai, o amante, a mãe gestante
Não há mente, só vazio. O meu ser é como um fio.

Letra da música Alcatrazes, de Aurio Corrá - Música Visionária
Publicado em:

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Veja também
Eu posso sempre mais
Tudo tem o seu tempo
O amigo de todas as horas
Seu amor me aquece o coração



As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.



horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa