auravide auravide

Acordando para a vida


Muitas vezes, a vida passa rápido demais.
Ontem, éramos crianças e, hoje, já somos adultos cheios de responsabilidades.
Mal o fim de semana chegou e já se foi.
Amanhecemos para um novo dia e já nos encontramos na correria.
Um novo ano chega e termina sem que percebamos.
Os filhos crescem, objetivos são alcançados, sonhos se perdem e novos projetos surgem.
Sim, tudo é rápido demais.
Tão rápido, que a maioria das pessoas nem percebem o verdadeiro significado da palavra viver.
Se preocupam apenas em acumular riquezas, prazeres e poder.
Se perdem na inveja, no orgulho e em conversas mesquinhas.
Fingem não enxergar os que estão caídos em seu caminho, suplicando por ajuda.
Outros, vivem por viver, não querem grandes preocupações, apenas passar pela vida, como se ela fosse uma grande e eterna festa.
Há também, os que se isolam, assumem o papel de vítimas e eternizam o sofrimento.
Porém, Deus jamais abandona um filho seu.
E em inúmeros momentos da vida, faz com que acontecimentos ocorram, como uma forma de resgatarmos do caminho errado que escolhemos.
Assim, uma doença pode chegar, fazendo com que lágrimas sejam derramadas, mas também, trazendo aprendizado e renovação ao espírito.
A falência e a perda do poder, causam imenso desespero, mas também, nos apresentam os verdadeiros valores espirituais.
O amor que termina, nos traz a solidão, mas também, nos leva a reflexão diante das nossas atitudes.
O ente querido que parte, nos leva ao desconsolo, mas também amadurece o nosso espírito e faz com que passemos a valorizar cada instante da vida, assim como as pessoas que estão ao nosso lado.
A traição nos fere duramente, mas também, nos faz enxergar os pequenos gestos de fraternidade, que antes não reconhecíamos.
A calúnia nos envolve ao desespero, mas também, nos faz refletir sobre os caminhos que estamos escolhendo.
O desemprego nos leva ao chão, mas também, faz com que passemos a compreender a necessidade de combater o orgulho que existe dentro de nós.
As obsessões nos paralisam, mas também, nos mostram a necessidade de praticarmos o perdão e o amor.
A rotina nos entristece, mas também, tenta nos mostrar a necessidade de descruzarmos os nosso braços e seguirmos adiante.
O sofrimento muda a nossa vida, mas faz com que o espírito que antes dormia, siga a sua evolução.
E o Pai, a cada dia, irá fazer com que acontecimentos cheguem a nossa porta, buscando nos acordar para a vida.
Porque ainda há muito a ser feito.
E nosso espírito precisa continuar essa jornada. levando na bagagem os verdadeiros valores espirituais que o conduziram ao Pai.
Muitas lições ainda estão por vir.
Mas confiemos, o Pai estará ao nosso lado, nos amparando.
Como sempre esteve...

Sônia Carvalho
soniacarvalho0707@gmail.com
Publicado em:




Comentários



As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa