auravide auravide

As Cartas de Cristo (Carta 6 - Parte 15) – A Verdade da Existência não aceita velhas crenças

Facebook   E-mail   Whatsapp

Eu, o CRISTO, tenho que dizer que até este momento, nenhum dos “santos” nem sequer vislumbrou a realidade da criação e a verdade por trás do comportamento humano, como eu estou apresentando agora para você. Sem dúvida chegou o momento em que deve ser dita a verdade sobre o “pecado” e o comportamento humano, e o que as pessoas estão presentemente fazendo ao mundo e a si mesmas - com a condição de que você tenha abandonado completamente os mitos seculares da doutrina religiosa e esteja agora ansioso, receptivo e de boa vontade, abrindo completamente seu coração às realidades da existência. Se não for assim, então o que tenho a dizer não terá nenhum sentido para você.
Acredite-me, você não pode misturar as suas velhas crenças religiosas com a Verdade da Existência. Se tentar fazê-lo, pode estar seguro de que não estará vendo a Verdade, mas apenas a sua própria adaptação do que pensa que aprendeu com estas páginas.
Se você continua a busca pela Verdade da Existência, mas permanece em um estado de divisão de convicção, pode continuar a buscar, mas com um grande custo para si - despedaçado pela indecisão, pelo medo e por uma contínua incapacidade de perceber o verdadeiro significado do novo ensinamento. Suas percepções e evolução serão parcialmente obscurecidas por “mensagens” originárias do antigo condicionamento de sua mente consciente e subconsciente. Talvez você não perceba a enormidade de tal problema neste momento, porém é um problema enorme porque as suas profundas crenças atuais são a sua verdade atual, sobre a qual você constrói a sua vida. Elas são a sua realidade. Suas convicções e crenças fortemente enraizadas podem ser completamente ilusórias, porém se você crê inteiramente nelas em seu subconsciente, elas se tornam absolutamente reais para você. Mesmo que estas novas ideias que contradizem as suas crenças possam chamar a sua atenção, – a sua consciência estará dividida e trará a você tremendo mal estar e angústia.
Lembre-se: a sua consciência é o tecido com o qual você elabora a sua vida. Este tecido de consciência é a base de cada resposta sua, para cada coisa que ocorre em sua vida mental, emocional e física. Sua consciência é sua realidade. Esta afirmação pode expressar-se de duas maneiras e ambas são a verdade de sua existência.
Sua consciência cria a sua realidade, sem distinção de quais sejam os feitos de sua vida terrena. Quando as pessoas acreditavam que a Terra era plana, tinham medo de aventurarem-se demasiado longe nos oceanos, pois temiam que o barco caísse pelas bordas. As pessoas que acreditavam em uma Terra plana viviam segundo essa crença. Quando Galileu disse que a Terra era redonda, foi considerado um herege, porém sua percepção da “circularidade da terra” permitiu que os marinheiros adquirissem uma nova visão do mundo e empreendessem viagens para descobrir o que havia do outro lado do oceano. Foi necessária uma mudança de suas crenças para tornar isso possível.
Você está em uma situação semelhante com respeito a estas Cartas. Aqueles que as desprezam e as ridicularizam são como as pessoas que acreditavam em uma Terra plana e que tinham medo de cair pelas bordas, se navegassem demasiado longe de seu ambiente conhecido. Seus horizontes são seriamente limitados por suas falsas crenças. Assim, os horizontes daqueles que creem que o mundo é sólido, também são severamente restritos. Dia após dia, lamentam e se afligem pelas desgraças que desabam sobre o mundo, crendo que não existe nenhuma escapatória.
Porém, as pessoas que puderem captar e dar as boas vindas à Verdade da Consciência que atualmente estou apresentando ao mundo serão como aqueles que perceberam que poderiam viajar sem limites pelos oceanos, em todas as direções, com a condição de que tivessem a vontade de empreender tal viagem.
Portanto, seu estado de consciência é o que você deve considerar como mais importante em sua vida... não as suas relações, posses ou posição na vida. Cuide de sua consciência e todas as bênçãos, em todos os aspectos de sua vida, virão a você. Por meio de sua consciência, você se alimenta de amor, harmonia, alegria e beleza interior, até em um beco de um bairro pobre. Com tal consciência, você será removido das ruas do bairro pobre para um ambiente mais compatível com seu estado interior. É assim que se sai de circunstâncias desagradáveis.

Ir para o início do livro
Página anterior
Próxima Página

Se desejar adquirir o livro, clique aqui

094/C6

Facebook   E-mail   Whatsapp




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa