auravide auravide

AVENTURE-SE

Facebook   E-mail   Whatsapp

Não se esqueça da aventura. Não julgue. Se você começar a julgar, você acaba não crescendo, porque não terá olhos para ver o novo. O julgamento perturba a visão do novo. Aventure-se.
Não se feche numa casa aconchegante e segura, porque então terá medo de olhar para fora. Se você abrir a porta, alguma coisa perigosa pode acontecer e perturbar o seu conforto. Mas se você ficar fechado na sua casa, você ficará cego com toda a sua segurança.
Abra os olhos, fique pronto para ver a vida. Se você não está pronto, nada verá, porque terá medo do desconhecido. E se não abrir os olhos ficará rodando em círculos, não verá o novo, não se aventurará.
A vida está cheia de encanto e magia, aí mesmo ao seu lado, mas você não vê porque seus olhos estão fechados. É por isso que você sente tédio.
A cada momento acontece um milagre, só que você não percebe. Uma flor é linda; você repete que é linda, automaticamente, mas não vê que ela é realmente linda. A flor está ali todos os dias, mas não é a mesma, pois cada dia é diferente.
De manhã a flor é diferente, recebe os raios do Sol e ouve o canto dos pássaros, a flor sente a vida pulsando nela. A tarde o Sol está mais fraco, o clima é diferente e a flor mudou, não é a mesma, já não se escutam os pássaros.
A noite está escuro e a flor está morrendo, está triste, não reflete a luz. Não é a mesma flor da manhã. Se você prestar atenção na flor da noite, verá que ela é completamente diferente da flor da manhã. Seu estado de espirito é outro.
Você encontra uma pessoa e repara como ela é bela e encantadora. Com um pouco de tempo você percebe que essa pessoa não é bem aquela que você viu um pouco antes, já nem é tão bela e encantadora como da primeira vez. E nem mesmo causa tanto impacto em você, talvez porque você já se acostumou. E pensa que essa não é a mesma pessoa que você conheceu, porque aquela lhe lembrava alguma coisa.
Nunca se conhece completamente uma flor ou uma pessoa. Tudo é infinito. Tudo é diferente a cada momento, basta abrir os olhos. Nunca se conhece totalmente qualquer coisa.
A sua mente quer conhecer, analisar, classificar para Ter segurança, para ficar numa casa aconchegante, para não enfrentar o desconhecido.
Quando você não conhece uma pessoa ou uma situação, sente-se perdido, não tem domínio sobre essas coisas nem sobre você.
Achando que conhece a pessoa ou uma situação, sente-se mais garantido. Se você conhece seu filho, seu patrão, seu marido ou mulher, você não se preocupa tanto, porque já sabe o que esperar. Mas na verdade você não conhece nenhuma destas pessoas, nem que viva cem anos com elas, pois a cada instante a mesma pessoa é outra pessoa; da mesma forma que a flor da manhã não é a flor da noite.
Deixe-se levar pela aventura, não fique preso em sua casa, permita-se assombrar-se com as coisas e as pessoas. Assombre-se com a vida, pois tudo é novo, tudo surpreende. Não relacione as coisas ou pessoas, nem com o passado nem com o futuro, porque não há nada a comparar, tudo é único: nunca foi antes ou será outra vez. Não perca este momento. Aventure, abra os olhos. Tudo é absolutamente novo...

https://geocities.yahoo.com.br/omundoesoterico/sufi2.htm

Facebook   E-mail   Whatsapp




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa