Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade

Como agem os bons e os maus espíritos


Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp


Os espíritos que viveram neste mundo continuam entre nós. Mas não tenha medo. Para ficar imune ao mal, basta mandar embora os pensamentos negativos.

Eles, os espíritos dos que viveram neste mundo, continuam entre nós. Você pode até duvidar, mas é verdade! Se alguém quiser pesquisar, por experiência própria, posso afirmar que as provas disso estão por toda parte. Desde o início da nossa civilização eles se esforçam para demonstrar sua presença constante ao redor da humanidade terrestre, de todas as formas possíveis.

Tais espíritos influenciam pessoas por meio dos sonhos, o que para eles é fácil. Quando dormimos, nosso espírito vai para a dimensão deles para se refazer e ficar no mesmo nível do deles. De tempos em tempos, eles chamam a atenção, provocando fenômenos físicos, transportando objetos e se materializando fisicamente diante de todos (fatos comprovados por pesquisadores sérios). Tudo para nos dizer que a morte do corpo carnal não é o fim e que somos seres eternos.

Por que, apesar da incredulidade de muitos, eles insistem em continuar agindo assim? Porque eles continuam a fazer parte da nossa humanidade! Eles sabem que estagiar na escola da Terra é fundamental para o próprio progresso. É uma bênção ter a oportunidade de reencarnar aqui. Por isso, eles reconhecem que este planeta os acolhe, fornecendo elementos materiais para a formação do seu corpo de carne (necessário para interagir na matéria), oferecendo todos os elementos para suprir as suas necessidades básicas.

Além disso, sabem que terão de voltar a viver aqui e, assim, se interessam em preservar e proteger o planeta, mantendo uma boa qualidade de vida. Também querem contribuir para que ele tenha melhores condições futuras. Grande parte dos espíritos que agem influenciando as pessoas na Terra tem evolução mediana. Menos generosos, fazem o bem apenas para as pessoas que gostam, não se importando com as demais. Eles têm um senso forte de justiça e se sentem felizes quando um desafeto é punido, mas são capazes de fazer até sacrifícios em favor daqueles que amam.

Essa limitação revela os pontos fracos que ainda carregam, que os torna incapazes de enxergar a verdade que se oculta atrás das aparências. Esses espíritos vivem em dimensões mais próximas do planeta, submetidos a rígidas regras de convivência. Para interferir nos assuntos terrestres, precisam de permissão e acompanhamento. Há ainda os espíritos perturbados, que após a morte do corpo não querem deixar a Terra. Eles recusam qualquer ajuda porque aceitá-la significaria obedecer as regras. São apegados aos bens materiais, às pessoas que dizem amar e tentam manipular os fatos.

Eles ainda perseguem os que julgam inimigos, zombam dos ingênuos que conseguem enganar e acreditam poder se aproveitar, pelo tempo que quiserem, de quem lhes abre espaço. Com o tempo, descobrem algumas verdades a respeito das pessoas, se desiludem, se envolvem em disputas astrais, se juntam a gangues perversas, sofrem e, finalmente, acabam aceitando ajuda.

Vivendo aqui, você está sujeita a todas essas influências. Mas não tenha medo! Aprenda que, para ficar imune ao mal, basta mandar embora todos os pensamentos negativos que brotam em sua cabeça, sem questionar ou avaliar as origens deles. Entenda que o bem só é verdadeiro se beneficia a todos. Que ao valorizar o planeta que lhe deu a chance de estar aqui, cuidando dele com amor, você está fazendo a sua parte. Aprecie suas qualidades, sua bondade e seu esforço em fazer tudo certo. Quanto aos pontos fracos, seja paciente.

Zíbia Gasparetto
https://mdemulher.abril.com.br/bem-estar/colunistas/ZGasparetto/como-agem-bons-maus-espiritos-518142.shtml#coment
Publicado em:




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa