Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

E a chuva cai...


Facebook   E-mail   Whatsapp

Molhando os vidros das janelas...
Causando trânsito...
Mas também purificando o ambiente...

Fazendo com que nos lembremos daqueles tempos que não voltam mais...
Bolo de fubá, cheiro de café fresco, queijo quente, mãe de avental, tranças no cabelo e a única grande preocupação era saber qual seria a próxima brincadeira.

Saudade do tempo em que o tempo não cobrava tantas responsabilidades.
Não havia grandes problemas...
Crises no relacionamento eram resolvidos fazendo as pazes com os dedinhos.

E a chuva cai...

Mostrando-nos que a vida prosseguiu...
Trouxe novos horizontes...
Caminhos esperados...
E outros nem imagináveis...

Dores que marcaram...
Mas alegrias que ficaram eternizadas.
Encontros e desencontros...
E a certeza que a vida é uma imensa viagem...

Cabe a nós vivê-la intensamente desfrutando da primeira classe...
Ou se lamentando presos a escuridão dos porões de bagagem...
Onde a vida irá parar?
Talvez na próxima estação...
Talvez só muito depois...
E a vida marcha...
A nos mostrar o horizonte que pouco a pouco desponta depois das nuvens...

E a chuva cai...

Lavando almas...
Presenteando-nos com doces lembranças.
Parte da nossa existência que ficaram eternizadas...
O sorriso de uma criança...
O primeiro beijo...
A primavera que chega...
E novas esperanças que ressurgem.

E a chuva cai...

Confirmando que nada é eterno.
Tristezas passam...
Assim como, os momentos de alegria...
A vida segue o seu curso...
Cruel em muitos momentos...
Amável em outros...
Imprevisível em cada instante.
Mas sempre valendo muito a pena ser vivida!

E a chuva cai...

Tempestades se formam de repente e nos vemos sem chão...
A dor de uma hora para outra se torna profunda...
O sofrimento passa a acompanhar-nos.
Mas aos poucos, as nuvens se desfazem...
Há um filete de luz que nos pede para mantermos a fé acesa...
E a fé passa a nos acompanhar entre o orvalho da flores e as ervas daninhas que se misturam as plantas do nosso caminho...

E a chuva cai...

A nos mostrar que medos podem ser vencidos.
Questionamentos não podem nos impedir de ir adiante...
Receios ficam para trás quando escolhemos a confiança como companheira de viagem e com ela vamos admirando as paisagens que passam pela nossa vida...

E a chuva cai...

Convidando-nos a recomeçar...
A viajar sempre...
Mesmo que em nossos sentimentos...
A sonhar...
E jamais deixar de sonhar, mesmo quando um sonho for desfeito...
Ainda há outros...
Sempre haverá!

E a chuva cai...

Levando lágrimas...
E nos pedindo para encontrarmos graça em nós mesmos...
Dos nossos erros, das nossas mancadas e manias.
Rir da vida e com ela sair a bailar mesmo nos dias nublados.

E a chuva cai...

Dizendo-nos que tudo se renova...
O arco-íris surge, mas para enxergá-lo precisamos olhar para o alto.
Deixar as mágoas para trás...
Ousar...
Arriscar uma nova estrada...
Investir num novo amor...

E a chuva cai...

Pedindo para abrirmos os corações
Puxarmos conversa com um desconhecido...
E quantas aprendizados encontrar.
Esquecer por um minuto dos problemas...
E perder-se a contemplar a chuva que cai na janela.
Não se preocupar tanto...
E fechar os olhos, abrindo a alma para a espiritualidade.
Banhar-se em novas sensações...
Descobrir outros lugares...
Trilhar novos rumos...
Conhecer o talento que se tem..
E com ele fazer uma aquarela na vida.

E a chuva cai...

Rompendo barreiras...
Levando agonias...
E deixando aquela brisa de ambiente purificado.
A renovação brota...
A harmonia chega...
A paz invade nosso ser...
E a esperança mostra sua soberania.
Novas portas se abrem...
Caminhos nascem...
Outras pedras atrapalham a jornada...
Mas a fé nos dá a certeza de que podemos caminhar...

E a chuva cai...

Convidando-nos a nos amarmos a cada manhã...
Mesmo naquelas em que levantemos com olheiras e descabelados...
Sentir que somos especiais...
Tornarmo-nos encantados com a vida...
Mesmo que em alguns momentos ela esteja mais para um trágico drama...
Mas com a caneta da perseverança e a tinta da confiança, novas páginas são montadas.
O enredo modifica-se
E brilhamos no palco da vida.
Seguir...
Confiando...
Porque podemos reescrever o final...

E a chuva cai...

Mostrando que novos tempos nos aguardam...
Sempre nos aguardam...

Sonia Carvalho
[email protected]
Publicado em:

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo

Por favor, deixe sua opinião



Veja também
veja-mais Perdas
veja-mais Admirem o céu
veja-mais Meu pai
veja-mais A origem do dia dos pais



As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.




horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa