auravide auravide

E Novas Provas surgem...


A cada dia novos acontecimentos nos aguardam...
Alguns, proporcionam imensa paz de espírito...
Outros, aumentam a nossa aflição...
Em quantos instantes, aspiramos por uma resposta que alivie nossas tensões, porém essa não chega, ocasionando mais angústia ao nosso íntimo?
Raciocinar se torna complicado, porque muitos são os pensamentos conturbados que nos envolvem.
Discernir entre o certo e o errado, aos nossos olhos, parece tarefa impossível.

Difícil manter a fé...
Fácil esquecer de que sempre teremos um espírito amigo ao nosso lado trabalhando pela nosso equilíbrio espiritual.
Mas como confiar se nos instantes em que mais nos sentimos indecisos e frágeis não conseguimos ouvi-lo?
Ficamos agitados e crentes de que não mais teremos como atravessar a tempestade que ser formou.

E novas provas surgem...

Transtornos inesperados...
Dificuldades...
Problemas familiares que tanto nos preocupam...
Crises financeiras que tiram nosso sossego...
Tentações que surgem repentinamente...
Ataques diversos...
Conflitos íntimos que nos desestruturam...
Assim fragilizados, como prosseguir confiantes de que podemos suportar as vicissitudes da estrada?
Como aceitar que se novas provas surgem é porque estamos a evoluir e no hoje, capazes de enfrentar novos desafios?

Justamente, falta-nos a firme certeza de que somos capazes de ultrapassar a escuridão que se formou à nossa frente.
E novas provas surgem...

Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei...

Sim, esse é o momento de buscarmos Jesus em nossa vida!
De ao invés de permanecermos a investir nas preocupações, afligindo-nos por ainda não termos encontrado a solução, optarmos por buscar intensificar nossa comunhão com a espiritualidade maior.

E essa sintonia pode ocorrer de inúmeras maneiras:

Uma singela prece, que eleva nosso Espírito envolvendo-o numa cúpula de proteção A prática da caridade, que nos aproxima do sofrimento alheio e gera, mesmo que não percebamos, novas forças para que possamos posteriormente, voltar a enfrentar nossas dificuldades, só que agora mais serenos. A visita a um templo religioso, onde através de uma palestra evangélica, possamos reencontrar os ensinamentos de Jesus e senti-los a renovar nossos sentimentos.

A calma no instante de provação onde fechamos os olhos físicos e com os olhos da alma, enxergamos o Nazareno a socorrer o aflitos e a iluminar os caminhos de todos a quem encontrou. E assim, nos sentimos também envolvidos por esse imenso amor que tanto nos aquece. A percepção do quanto já evoluímos, o quanto de provas já superamos e o quanto fomos amparados, conscientizando-nos de que o auxílio do Alto permanece conosco.

A reflexão contínua sobre as ações que praticamos, aprendendo que o primeiro passo para a regeneração é ter a consciência do que precisa ser mudado. O uso do livre arbítrio cientes da responsabilidade que já detemos em relação às atitudes que realizamos. Buscarmos ajuda de companheiros de caminhada, cujas palavras possam suavizar nossas aflições e nos mostrar aspectos ainda nem percebidos. Confirmando que a Providência Divina atua através dos próprios homens.

Intensificar o Evangelho no Lar, realmente convidando Jesus Cristo a adentrar nossa morada e envolvê-la em sua paz. Habituar-se a praticar, quando possível, o Evangelho nos demais ambientes em que convivemos. Quando tal ação não for possível, optar por uma leitura do Evangelho ou até recordar mentalmente de uma passagem evangélica. O meio não importa, mas sim a sintonia que estabelecemos com a espiritualidade maior que estará a usar desse instante para projetar cortinas fluídicas de purificação e proteção em todo o local.

Quando acreditarmos prestes a sermos vencidos por uma prova, substituir mentalmente a imagem de derrotado que criamos pela visão do Mestre a nossa frente, estendendo suas mãos. Tentados a cultivar a culpa,a revolta ou o medo, respirarmos fundo e nos unirmos em pensamento às Fraternidades do Espaço e essas nos apresentarão novas paisagens mentais. Se novamente adentrarmos a porta larga, entregando-nos ao erro que prejudica o nosso progresso espiritual, não desistirmos, escolhendo abandonar o nosso trabalho de reforma íntima, pelo contrário, recordemo-nos dos inúmeros vultos do Evangelho que também se perderam, muitas vezes, pelo caminho, mas mesmo assim, não se entregaram. Levantaram e prosseguiram! Façamos o mesmo! Perseveremos no bem e continuemos sempre a perseverar.
Esforcemo-nos em trabalhar pela nossa ascensão espiritual.
E novas provas surgem...

Vamos recebê-las não como a dor que nos enfraquece, mas como o remédio para a nossa cura espiritual.
Seja qual for a circunstância, abastecemos nosso Espírito com a fé, jamais com o desespero. Mesmo que ainda não sejamos capazes de assimilar, os benfeitores espirituais permanecem a cooperar conosco.

Façamos a nossa parte: confiemos e sigamos! E se novas provas surgem, paremos, silenciemo-nos e sintamos que bem antes das provas, Jesus surgiu em nossa vida! Provas passam... Jesus permanece! Jesus é Luz do Caminho. Cabe a cada um a decisão de seguir essa Luz.
E independente da escolha, a Luz não se apaga. Jesus permanece eternamente ao nosso lado...

Sônia Carvalho
soniacarvalho0707@gmail.com
Publicado em:




Comentários



As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa