auravide auravide

ENCARE O SEU MEDO

Facebook   E-mail   Whatsapp

Nossos medos são fruto do mundo de ilusões em que vivemos. Quando olhado de frente, o medo deixa de existir.

São tantos os medos que vocês têm de superar para penetrar no estado de consciência unificado. Medos não faltam, mas no fundo é um medo só, o medo da anulação do ego, o medo da perda de identidade conforme o ponto de vista de vocês agora. Vocês não se anulam abrindo-se ao amor de Deus. Vocês não se anulam por servir, por dar o melhor de vocês aos outros. Vocês não se anulam de maneira alguma ao penetrar na luz. Deixem o medo de lado e tentem comprendê-lo como uma simples negação do amor e da unidade com Deus.

Como superar o medo, que é o que querem saber? Enfrentando-o. Tudo o que se opõe a vocês, tudo o que parece intransponível precisa ser enfrentado. Esse é o movimento mais difícil, encarar o medo. Não fujam dele, não o evitem, encarem-no de frente e quando tiverem feito isso, repito, terão dado o passo mais difícil. Quando olharem para ele estarão se abrindo para a ajuda de Deus, porque encará-lo é dizer eu não quero o medo, quero o amor que esse medo me impede de sentir. E vão em frente com fé e receberão toda a ajuda de que precisam.

O mundo tridimensional é tão ilusório. Pensem que os medos de vocês são todos inventados, são todos criados por vocês mesmos e, da mesma forma como são criados, podem ser transcendidos. Medo de que o dinheiro falte, medo de mergulhar num poço escuro, medo do futuro, da mudança, do desconhecido: todos esses medos partem do princípio de que há algo na sua realidade presente de que "eu não quero abrir mão; isso pode até me trazer sofrimento, angústias e desconfortos, mas é o que eu conheço e tenho medo de abrir mão dele." Esse é o seu raciocínio.

Percebam então que a causa do medo é não querer abrir mão de algo. O medo maior, que há por trás de todos os outros, é o medo do desconhecido. Mas, filhos, no conhecido não há crescimento. A vida é movimento e evolução sempre, sempre estarão precisando abrir-se para outras realidades, para outras experiências, e o medo aí só vai limitar e atrasar vocês. Medo paralisa, medo estagna, é a mais limitadora das emoções. Reconheçam o atraso que ele provoca na vida de vocês, disponham-se a enfrentá-los e receberão uma ajuda grandiosa da espiritualidade que lhes apontará o caminho, colocará um tapete vermelho na frente de vocês para que possam seguir, filhos.

Alguns também têm medo de aceitar sua missão espiritual. Têm medo de que será preciso abrir mão de uma série de coisas de que gostam na Terra, de que sua vida mude muito e não gostem do que ela vai se tornar. Nada acontece à revelia do seu coração e da sua vontade. Se isso está se apresentando a vocês, é porque em algum nível de sua consciência multidimensional vocês assim desejam, vocês assim se comprometeram. A mente consciente e concreta de vocês pode não perceber isso agora, pode não aceitar com facilidade, mas nada do que está vindo em sua vida vem sem a sua aceitação, vem sem a sua participação.

Então, reconheçam que há uma escolha sua aí em algum momento, reconheçam que houve a apresentação para o serviço em algum momento de sua vida. Tudo está sendo acelerado e o momento se apresenta, é hora realmente de se alistar no exército da luz. Enfrentem a barreira do medo. Nesse nível de consciência em que fizeram suas escolhas sinceras e devotadas, vocês sabem que tudo o que existe aqui nesse plano é ilusório. É ilusória a necessidade de dinheiro, ou melhor, a falta dele que vocês tanto temem. É ilusório o medo da perda. Vocês não perdem nada, mas são muito acrescentados com tudo o que vier acontecer em suas vidas.

Como enfrentar esse medo é coisa que talvez vocês não saibam fazer, mas desde que se coloquem diante dele, aceitem-no e reconheçam-no, terão feito tudo o que é preciso fazer. Deixe que a espiritualidade se encarregue do resto, de conduzi-los amorosamente pelo caminho. E quando tiverem cruzado o túnel e chegado do outro lado, verão como era ilusório o medo. Dirão a si mesmos, mas era só isso, era isso que me prendia? Mas isso não existe, nunca existiu e eu estava lá, imaginando um bicho papão querendo me pegar. Quando suas crianças acordam assustadas no meio da noite, vocês as pegam no colo e dizem bicho papão não existe. Vão lá atrás da cortina mostrar para elas que não havia bicho nenhum lá, que era tudo fruto da imaginação. É isso que a espiritualidade fará com vocês, filhos, desde que se disponham a encarar o medo.

Não temam. Tenham a certeza do nosso amparo. Já passamos por tudo isso também, já estivemos no lugar de vocês e tivemos muitos bichos papões dentro de armários, por isso podemos guiá-los nessa jornada. Sabemos o que sentem, a dificuldade de transcender o momento, mas é assim mesmo que se cresce e se abandona muitos dos conceitos errôneos que alimentaram por tanto tempo. Tudo o que pedimos é que dêem o primeiro passo, tentem, e serão tão amorosamente amparados que se esquecerão do medo. Tentem, filhos. Eu me despeço.

Autor: Aprica
Canal: Regina Giannetti
www.vialuz.com


Facebook   E-mail   Whatsapp




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa