auravide auravide

ESCUTA-SE TUDO NA BARRIGA DA MÃE

Facebook   E-mail   Whatsapp

Não sabia nada nem procurei ler sobre o xamanismo até participar do Curso de Ativação das 12 Fitas do DNA, um dos segmentos do curso profissionalizante oferecido pelo Xamã australiano Rowland Barkley. Uma das experiências levou-me profundamente a inúmeras vidas anteriores e à contemplação do universo sem limitações.
Ao regressar tive uma crise de riso como nunca imaginei fosse possível e uma felicidade tamanha que quase não cabia no meu ser. Entre outras coisas pude compreender o dolorido processo da reencarnação.
A criança percebe tudo de dentro da barriga da mãe, da respiração dela ao que conversam ao redor e mesmo aos barulhos do meio-ambiente. A sensação é de impotência. Ouvir tudo e não poder participar concordando ou não com o que dizem e fazem é muito dolorido. Sentir as indecisões da mãe com relação à gravidez e ouvir bobagens ditas pelo pai dá uma enorme vontade de desistir de todo o processo. A gente está com a consciência ampliada, embora haja pouco entendimento do processo em si.

O contato com o mundo começa a ser desconfortável e passar pela vagina é a parte mais difícil. São muitas as perguntas que passam pela nossa cabeça nesse momento e ver o mundo é incrível. Todos olhando e lhe tratando como uma coisa é mais hilariante ainda e inocente parecem ser aquelas caras que olham para você, ignorando que você é um viajando do tempo, trazendo na bagagem inúmeras vidas. Tudo parece mais colorido e as formas parecem mais delineadas do que imaginávamos dentro da barriga da mãe.
Depois da experiência passei a imaginar o sofrimento daqueles que nascem de mães solteiras, drogadas, infelizes, despreparadas, doentes e prestes a optarem pelo aborto. Também entendi porque muitos filhos já nascem com raiva dos pais e carregam a rejeição pelo resto da vida com uma cruz pesada nas costas que não sabem de onde veio. Tudo fica preso como uma âncora no mar. Mesmo estando na barriga da mãe a ligação com o pai já existe e não dá para compreender como ele pode ficar ausente como se não houvesse um compromisso preestabelecido entre nós.
Os dias passam como uma eternidade e ao contrário do que todo mundo diz que a barriga é perfeita, não existe ansiedade maior do que a espera de nascer. A única perfeição está no fato de você ver crescer a cada dia o corpo que lhe dará forma.
O meu animal de poder xamânico, o dragão, me ensinaria a compreender com mais clareza a transição entre mundos diferentes. O dragão viaja do espaço às profundezas do mar e transcende a tudo como o ser que nasce em um corpo físico e tem que depois viajar para os mundos da espiritualidade etérea. Não somos parecidos?

A respeito de como você se coloca no mundo depois de nascer, Rowland diz que “olhar para cima faz você lembrar de tristezas” porque “tudo depende da maneira como você direciona os músculos”. No decorrer da vida, “se você deseja colocar sua kundalini”, a energia mais preciosa, “na energia de sua mãe, o problema é seu”. Isto é, sofrer pelo resto da vida porque nasceu de uma mãe despreparada, sofrida, cruel é uma perda de tempo e de vitalidade porque cada um “escolhe a vibração que atuará no seu corpo, nos músculos etc”.
A gente fica nove meses na energia da mãe e isso parece suficiente. O destino de cada um de nós é ser um ser integral, diferente de qualquer outro, sem copiar nada de quem quer que seja e muito menos sem ter que recorrer ao uso de máscaras.
A responsabilidade de quem decide ser pai ou mãe não tem como medir.
A respeito de filhos, o escritor libanês Gibran diz em um dos seus livros que “filhos, melhor não tê-los”. O que na verdade ele quer dizer é que somos seres espirituais de passagem pelo terreno físico da Terra, e que não pertencemos a ninguém a não ser a nós mesmos. Uma vez tê-los é obrigação assumi-los.
Ter filhos deve ser uma das mais nobres missões. Aproveitá-la e torná-la uma experiência feliz, mesmo com todo sofrimento e sacrifício físico que isso requer, é o dever de quem se aventura nesse compromisso.
Ao contrário do que muitos pais pensam dos filhos e muitos filhos pensam dos pais, o compromisso maior é com o conjunto das forças do universo, onde cada um se reveza em papéis de aprendizado infinito. Hoje pai, amanhã filho. Ódios, rancores, disputas e todas os demais ranços humanos são um desperdiçar de energia e tempo, que poderá nunca ser recuperado.

O xamanismo nos ensina sobre a leveza do ser, das vidas, da eternidade, da comunhão com os elementos da natureza e com os animais guardiões. A voz é um instrumento fundamental nessa técnica e da maneira como é usada obtém-se os resultados.
Rowland diz que “se você repete o tom de voz de quem lhe angustia você traz a energia de volta”. Por exemplo, “quando você entra em pânico você reúne as forças energéticas que vibram naquele campo”. “O tom de voz gera a posição dos músculos e daí a quantidade e qualidade da energia que será usada nas imagens criadas. O tom da voz tem efeito na consciência”.
Na minha experiência uterina, até o vento que entrava pela janela da sala era sentido com intensidade. Imagine você, uma gravidez harmoniosa, onde os pais se amam e protegem o bebê, transmitindo segurança, amor, respeito, alegria, vontade de viver e de realizar todos os seus projetos nesta vida!
Nascer é uma grande aventura. Viver a plenitude da vida é o grande mistério. Quais são os segredos? Onde estão as chaves? O que fazer para restaurar a experiência mal sucedida do nascimento? Onde anda meu pai? Que fazer com a minha mãe?
As interrogações seriam infinitas se tudo isso levasse a alguma coisa palpável e definitiva. O que realmente importa é a tomada de consciência do ser universal que cada um de nós é e tentar fazer desta experiência a mais agradável possível.
Ao olhar para trás é possível olhar tudo como se tudo fosse um ganho e não uma perda. Aí talvez esteja a origem das minhas risadas incontroláveis ao voltar para o presente naquela experiência com o Xamã Rowland Barkey. Era o meu espírito eterno que sorria através do meu corpo. Ajé, Ajé, Ajé!

José Joacir dos Santos é jornalista e terapeuta holístico

Aproveite e leia: Resgate de Alma...

Facebook   E-mail   Whatsapp




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa