auravide auravide

INTELIGÊNCIA EMOCIONAL


Para o psicólogo Daniel Goleman, existem cinco habilidades que caracterizam a trajetória de pessoas consideradas emocionalmente inteligentes. Essas capacidades estão ligadas à inteligência interpessoal e à intrapessoal, descritas pelo psicólogo norte-americano Howard Gardner em sua teoria das Inteligências Múltiplas.Confira quais são essas aptidões, de acordo com Goleman.

Autoconsciência — Capacidade de saber o que se está sentindo.
As próprias emoções parecem óbvias para as pessoas, mas não é rara a confusão de sentimentos diferentes, como raiva e frustração. Também comum é se deixar dominar por estados de ânimo confusos: nutrir um mau humor, por exemplo, quando nem se lembra o que levou à chateação.
A noção precisa dos sentimentos permite a tomada correta de decisões.

Lidar com emoções — É administrar o que se sente. Esse autocontrole não significa negar as emoções, mas dar a elas sua devida dimensão, procurando uma maneira positiva de superá-las ou de conviver com elas. É preciso estabelecer uma estratégia para lidar com os sentimentos. Por exemplo: "Estou ansioso para ver os resultados dos meus exames. Como eles só ficam prontos amanhã, vou me ocupar com atividades que me acalmam".

Automotivação — Faculdade de colocar as emoções a serviço de uma meta. Quando conseguimos estabelecer um objetivo, fica mais fácil conter a ansiedade e controlar impulsos que poderiam colocá-lo em risco. O resultado é a persistência.
A capacidade de motivar-se está associada à crença de que, se nos empenharmos, atingiremos resultados. Segundo Goleman, a automotivação é característica dos grandes atletas.

Empatia — Sensibilidade para perceber as emoções do outro e colocar-se no lugar dele. Esse sentimento, básico nas manifestações de solidariedade, relaciona-se com comportamentos de fundo ético. A empatia deixa claro o quanto é doloroso ser injustiçado ou agredido. Assim, as pessoas compreendem que os outros têm sentimentos semelhantes aos seus e se esforçam para não cometer injustiças ou agressões.

Capacidade de se relacionar — Habilidade de lidar com as emoções dos outros de maneira adequada. Em qualquer relacionamento, as pessoas enviam sinais verbais e não verbais que afetam os demais. O controle adequado dessa sinalização permite elevar o grau de bem-estar que se causa aos outros. Essa bagagem humana é básica nos líderes e nas chamadas "estrelas sociais", pessoas que todos consideram encantadoras.

https://novaescola.abril.uol.com.br/ed/110_mar98/html/psicologia.htm
Publicado em:




Comentários



As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.

auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa