Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade

Não desistamos

Não desistamos
Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp


Em muitos momentos da vida, nos sentimos fragilizados diante de um problema, acreditamos ser impossível superá-lo e nos atormentamos com as escolhas errôneas que fizemos.

Porém, sempre seremos conduzidos a uma nova oportunidade de renovação.

No livro "Boa Nova" de Chico Xavier, há um capítulo que relata a passagem da negação de Pedro a Jesus.

O Mestre havia lhe advertido sobre essa negação e afirmado carinhosamente, que "o homem do mundo é mais frágil do que perverso".

E no momento que Pedro nega ao Mestre, este, ao invés de se decepcionar ou reprovar o discípulo, apenas endereçou-lhe um olhar amoroso.

Sim, Jesus sabe das nossas fragilidades e não nos pede o que ainda não somos capazes de compreender, ao invés de nos julgar, estende a Sua mão e nos dá o Seu amor.

Não somos seres perfeitos, caminhamos para isso, mas por enquanto, ainda nos encontramos entre as provas e as expiações.

Ainda iremos cometer muitos erros, mas também, iremos aprender com cada falta cometida, basta que para isso, abramos as portas de nosso coração.

Ao invés de desânimo, perseveremos em nossa reforma íntima, pois só ela nos ajudará a depurar nosso Espírito e seguir os passos do Mestre.

Ao invés de lágrimas pelos vícios ainda não vencidos, continuemos a caminhada, que logo adiante, eles serão superados.

É preciso manter a chama da fé acesa dentro de nosso íntimo, porque é essa fé que irá iluminar o caminho quando tivermos que atravessar as trevas.

Nosso Espírito ainda tem muito a evoluir, por isso, não podemos nos abalar diante das inúmeras fraquezas que ainda possuímos.

O Mestre mesmo crucificado não nos condenou, sabia que não estávamos cientes do que realizávamos, mas que com o tempo, iríamos amadurecer e atingir uma maior compreensão.

Por isso, precisamos continuar a jornada, confiantes que chegaremos sim ao Pai, afinal a espiritualidade maior está conosco e Jesus caminha ao nosso lado.

Lembremos que Pedro se arrependeu do seu ato, chorou, mas depois, enxugou as lágrimas, superou seus receios, combateu suas fragilidades, semeou o amor dentro de si mesmo e por onde andou, manteve a fé acesa e se tornou um dos maiores propagadores do Evangelho do Mestre.

E cada um de nós pode seguir o exemplo de Pedro, basta abrir as portas do coração e seguir em frente.

Somos capazes de combater e derrotar as ervas daninhas que ainda se encontram em nosso terreno íntimo.

Somos capazes de abandonar o caminho dos erros e adentrar pela porta estreita.

Rever nossos atos e modificar o que se faz necessário em nossa vida

Basta que não nos entreguemos ao desânimo e à inércia.

Que ao invés de nos lamentarmos eternamente diante de um desatino, reconheçamos o erro e busquemos pela transformação moral.

Trabalhemos para vencer as nossas fraquezas, a espiritualidade está ao nosso lado nos auxiliando.

Não nos declaremos fracos, endurecidos e vencidos pelo mal. Podemos realizar a nossa reforma íntima e trilhar um novo horizonte.

Jesus nos chamou para sermos Seus cooperadores e podemos exercer essa função, mas para isso, devemos perseverar dia após dia, combatendo os ataques das trevas e principalmente os nossos impulsos negativos, porque são esses pensamentos nocivos que bloqueiam nossa mente, nos envolvendo na dor e permitindo que espíritos inferiores nos afastem da luz divina.

Portanto, não importam as quedas que ainda não conseguimos evitar, mas, sim, jamais deixar de levantar, quantas vezes forem necessárias.

Porque levantando, a Providência Divina nos fortalece para que continuemos e se permanecermos caídos, nossos amigos espirituais não poderão nos auxiliar.

Lutemos a cada instante, tenhamos a perseverança ao nosso lado e não desistamos.

Só assim, iremos crescer espiritualmente e chegarmos até ao Pai...

Sônia Carvalho
[email protected]
Publicado em:




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa