Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 

Natal... O que é isto?


Facebook   E-mail   Whatsapp   chat aura

Que dor é esta que está em minhas entranhas revoltadas?
Que Natal é este que comove entristecendo, roendo o que sou?
Quem inventou isto? Por quê? Com que finalidade?
Como posso ser feliz com esta ilusão que machuca?
Sim, machuca, pois toda falsidade machuca.
Me vejo menino envolto na trama, aceitava mas não era aquilo.
Via o menino Jesus no presépio, aceitava mas não era aquilo.
Sim. Sim havia algo realmente grandioso e encoberto.
Como podia ou pode hoje um decreto ordenar minha felicidade?
O que é isto delegado à parte ocidental deste mundo?
Delegado ao ocidente como se o oriente não existisse?
Aproxima-se o Natal... Você tem que ser feliz e ser grato a Quem te salvou! O que é isto?
Doe-me ver neste comércio vil e interesseiro um pequenino ganhando tanto e outro ganhando nada.
Chora o menino Jesus como chorei e choro? O que é isto?
Chora Maria junto às Mães pobres abandonadas pela trama da salvação com a migalha de um pão velho? O que é realmente isto?
Não aceito esta imposição ardilmente tramada e tão bem armada pela qual até o mais vil dos ditadores a ela se curva.
Quanto ardia em meu peito de menino a vontade escondida de brincar com o menino Jesus. Era o choro que eu chorava sem saber o porquê.
Separaram-me Dele desde pequeno, não me deixaram ser como Ele era.
Me colocam ainda Ele numa cruz e me dizem para ser feliz! O que é isto?
Todas as células de meu corpo se revoltam nesta hipocrisia que se espalha a cada ano,
Como permitir-me ser feliz por decreto dos homens? O que é isto?
Quem são os verdadeiros criadores de Satanás, esta ilusão em que não creio?
Como posso ver a perfeição do recém nascido Jesus e a imperfeição e o pecado em todos os outros? A ira de Deus? O que é isto??
Até certo ponto me impediram de simplesmente falar com o Mestre.
Hoje O vejo como um irmão. Nosso Natal não é feliz por decreto.
Choramos juntos a dor da humanidade esquecida pelos decretos.
A grande voz interior diz que não restará pedra sobre pedra.
Desejo-lhe Feliz Natal, Mestre! Ouço para vocês também queridos irmãos.
Todos os Mestres do ocidente e do oriente dizem Feliz Natal Mestre Jesus.
São Muitos, são Muitas que Te reverenciam no Amor de Tua Realidade.
Humildemente nas vestes que Tu conheces e no pontinho deste Universo Infinito em que me encontro, Tu me vês não à frente más atrás do último.
Sou o que me curvo à tua Magnitude Real, Tenho minhas mãos juntas à frente de meu peito e choro, choro muito para nunca mais chorar o que choro em todos os Natais.

Aos amigos e amigas do STUM
Ivan Ademar Ditscheiner - [email protected]
Publicado em:

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo



Veja também
Seu amor me aquece o coração
A esperança é o sol que aquece as almas
Irei recomeçar
Eu posso sempre mais



As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.





horoscopo



Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa