auravide auravide

O Dom precioso de Larissa

O Dom precioso de Larissa
Facebook   E-mail   Whatsapp

Num belo dia, uma menina chamada Larissa, resolveu passear pela pracinha da esquina da casa de sua avó, onde ela morava com a mãe, pois o pai era separado. Havia na pracinha muitas árvores, uma grama muito verde e cheia de flores, com uma estradinha rodeada de cercas branquinhas, que começava na pracinha, logo depois viriam os bancos de madeira para as pessoas se sentarem.

Era lá onde Larissa sempre ia quando ficava triste, ou quando saia para dar uma volta. Estava sentada em um dos bancos, quando teve uma idéia. Como ela tinha vontade de criar uma história, para que todas as pessoas lessem, foi correndo pra casa.
Chegando lá, sentou em frente ao computador de seu quarto, e lá ficou pensando. A mãe logo percebeu, ao passar pelo corredor, que a filha estava querendo fazer algo, mas não sabia o que era, então curiosa perguntou:

Filha, o que você está fazendo?
- Mãe, eu estava na pracinha, e tive a idéia de bolar uma história, para que todas as pessoas lessem e dessem a sua opinião. Então, estou pensando numa.
Nossa... filha! Que legal, você teve uma ótima idéia. – Respondeu a mãe.
- Brigada! Agora me deixa escrever, se não esta história nunca vai acabar hoje.
Tudo bem, se precisar de mim é só me chamar.
- Tá bom mãe, tchau.

A mãe fechou a porta do quarto e saiu. Passaram horas e horas, e Larissa não saia daquele quarto, estava tão empolgada, que nem viu as horas passar.
Quando anoiteceu, a mãe abriu a porta do quarto e falou:
Larissa, vem jantar.
- Tudo bem mãe, já vou, deixa-me desligar o computador e já desço.
Tá bom, mas não demora, se não esfria.
- Tá.
Larissa terminou de desligar o computador, apagou a luz de seu quarto, fechou a porta, e desceu as escadas. Quando chegou na cozinha, a mãe novamente curiosa perguntou:
Filha, você já acabou a história?
- Sim mãe - acabei, por quê?
Por que eu gostaria de ler, posso?
- Pode, é claro, mas primeiro eu vou criar um Blog e colocar no ar a história, ai depois eu te mostro, ta bom?

Ta, agora vamos jantar.
Larissa novamente sentou-se em frente ao computador, e estava pronta para criar um Blog, para colocar suas histórias. Depois de um tempo, terminou e chamou sua mãe para ver:
Mãe, venha ver a minha história.
- Tá bom filha, já estou indo, espera um pouco.
Passado um tempinho, Larissa ouviu os passos de sua mãe subindo a escada, e a mãe falou:
Larissa, cadê a história?
- Esta aqui mãe, sente e leia.
Depois que a mãe terminou de ler a história, falou:
Filha! Está muito linda! Parabéns...
- Brigada mãe, será que ligo para as minhas amigas para acessarem e lerem?
Liga, será muito bom elas lerem.
- Tá.
Em seguida pegou o telefone, ligou para as amigas e mandou que elas entrassem e contassem pra todos que conheciam.
No dia seguinte, na escola, todos estavam comentando a maravilhosa história que Larissa tinha escrito. Todos passavam por ela, e a elogiavam pela fábula. Ela ficou tão encantada e feliz, pois descobriu que tinha um dom escondido, e continuou a escrever muitas histórias legais, para todos lerem.

Escrito por: Natasha (12 anos)
SOMOS TODOS UM KIDS!

Facebook   E-mail   Whatsapp




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa