Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade

Terapia do Perdão

Terapia do Perdão
Compartilhe
Facebook   E-mail   Whatsapp


1. Perdoar significa vergar sem quebrar, ser suficientemente forte para suportar o grande peso da injúria, mas flexível o bastante para se recuperar. Perdoe!

2. A vida nunca é perfeita, e muitas vezes é injusta. Perdoe as falhas inevitáveis da vida.

3. Perdoe-se: pelo que você lamenta ser e pelo que gostaria de ter feito, por não ser plenamente você mesmo e por ser apenas você mesmo.

4. O perdão dado a si mesmo lava a alma, purificando-a da vergonha e da culpa. Do perdão a si mesmo brota a força de perdoar aos outros.

5. Você tem o direito de se sentir triste, traído, irritado e ressentido quando é magoado. Compreenda, aceite e expresse seus sentimentos. Varrê-los para debaixo do tapete apenas fará com que venham à tona em outro lugar, numa outra ocasião.

6. Aborde as pessoas que o magoaram; diga-lhes como você se sente. Se isso não for possível, ou se for prejudicial a você ou a outra pessoa, fale-lhes em sua imaginação.

7. Perdoar não significa aceitar mais desaforos ou continuar relacionamentos desgastantes. Estabeleça limites para o que é aceitável para você e deixe claros esses limites aos outros. Responsabilize-os por suas ações.

8. A justiça pode justificar atos ofensivos, mas o perdão cura a ofensa. Procure o perdão além da justiça.

9. Às vezes as pessoas o ofendem porque, como você, elas estão aprendendo e se desenvolvendo. Perdoe-lhes por não serem completas; perdoe-lhes por serem humanas.

10. Recusar-se a perdoar é ferir a si mesmo. Vitimado uma vez, não perdoar é manter-se no estado de vítima, é aferrar-se a uma identidade de vítima. Em vez disso, assuma a identidade de alguém que perdoa.

11. Perceba como você se recusa a perdoar. Manter os monstros interiores acuados requer energia. Não desperdice energia assim; use-a para afirmar e abraçar a sua vida.

12. As vítimas são impotentes, estão à mercê do agressor. Mostrando misericórdia para com um agressor, você volta a assumir o controle. Assuma o comando perdoando.

13. Saiba que o perdão é possível mesmo nas circunstâncias mais dolorosas, mesmo com relação a alguém em quem você talvez não confie ou que não respeite mesmo quando alguém parece não merecê-lo. O perdão é um testemunho da bondade que o seu Criador infundiu em você desde o primeiro momento da sua existência.

14. O perdão é a única receita verdadeira para o sofrimento em que você sente em decorrência do comportamento de outra pessoa. A decisão de curar-se cabe a você.

15. Pense no perdão como uma poderosa habilidade de sobrevivência. Ele o ajuda a encontrar o seu caminho por entre a incompreensão, a mágoa, o ressentimento e o ódio.

16. Se você acha difícil perdoar aos seus pais por sua paternidade imperfeita, lembre-se: eles foram plasmados pela paternidade imperfeita que receberam de seus pais, que por sua vez foram plasmados pelos seus, e assim sucessivamente...

17. Deixe de pensar em perdoar uma ofensa. Isso nem sempre é possível, e as vezes talvez nem seja desejável. Decida-se, sim, a avançar, passando do pensamento de querer perdoar ao perdão propriamente dito.

18. Dê condições a que o perdão seja o catalisador de uma reação em cadeia saudável. O perdão esteriliza a ferida, o que possibilita a cura, o que libera energia para o crescimento.

19. Nenhuma relação de amor está livre de causar desgostos. Enfaixe as feridas de amor com o perdão.

20. Nenhuma ofensa é imperdoável, a menos que você assim o queira. Use seu poder com sabedoria.

21. Quando tiver dificuldade de perdoar, lembre-se de um momento em que você queria ser perdoado. Ofereça à pessoa que lhe pede perdão o que você queria receber naquela ocasião.

22. Perdoar requer muita prática. Comece pelas pequenas ofensas e abra caminho para as grandes.

23. Perdoar é um processo de toda uma vida. Perdoe sempre e continue perdoando, mesmo que seja a mesma ofensa.

24. O perdão pode parecer inútil quando você não vê resultados imediatos. Mas a cura e o desenvolvimento são como um bom queijo velho, não como purê de batatas instantâneo. Dê tempo ao perdão.

25. Ninguém pode fazê-lo sentir-se mal. Você tem o poder de escolher entre viver amargurando-se ou viver aperfeiçoando-se. Assuma a responsabilidade por seus sentimentos; reivindique o seu poder.

26. Você não pode mudar alguém para melhor nutrindo ressentimentos. Ressentimentos apenas mudam você, para pior.

27. Pergunte-se se ¨Eu não posso perdoar¨, significa ¨Eu não vou perdoar¨. Então volte o seu coração para o calor do amor de Deus e deixe que esse amor descongele o seu coração.

28. O perdão exige coragem e determinação. Cave fundo e você encontrará a força de que necessita.

29. Permita que o perdão abra a porta para a reconciliação. O maldoso de hoje pode ser o amigo de amanhã.

30. Aceite a possibilidade de reconstruir um relacionamento. Ofensas passadas podem ser removidas e enterradas, e uma vida melhor construída sobre o entulho.

(David W. Schel)

Recebido de Soraya Souza

Publicado em:




As opiniões expressas neste artigo são da responsabilidade do autor. O Site não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo de uso STUM.


Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa