Home > Autoconhecimento

Encontro de almas
por ANA PAULA DE JESUS

Encontro de almas

Um encontro marcado nas estrelas

Duas almas combinam entre si no espaço, num tempo distante, num outro lugar, em uma realidade diferente: um reencontro para o futuro...

Chegando ao destino, não conseguem lembrar do acordo, porém, seus corações reconhecem a sintonia e suspeitam que pode haver ali algo a mais.

O tempo passa, as afinidades aumentam, as coincidências crescem. O desejo aumenta, a paixão floresce e ressurge o amor. Isso não é à toa, nem acontece ao acaso ou é comum como se pudesse ser encontrado por aí todos os dias, porém, acontece!

O encontro de almas afins é predestinado a acontecer, ou seja, embora os personagens não se lembrem, ele já estava agendado para ocorrer. Pode ser lindo, pode ser difícil, a depender das lições que cada um traz em sua bagagem para poder resgatar.

O fato é que aquilo que é seu virá até você de alguma maneira. O pensamento se encarrega de chamar, os desejos indicam a necessidade e tantas outras situações levam você até o seu destino. 

Aí você pode me perguntar: mas e o livre arbítrio? Bem, ele está ai para ser usado, porém, aquilo que precisar cruzar o seu caminho vai cruzar!

Podemos modificar os planos, mudar as rotas, fazer coisas diferentes do que pretendíamos, porém, o que precisa ser feito: será feito! Ainda que noutro momento. Caso você queira mudar a direção do vento, noutro momento irá encontrar aquilo que desviou o olhar algum dia.

Quando existe esse encontro de almas afins elas se reconhecem pelo olhar, pela energia e forma de pensar. O magnetismo e entrosamento são tão grandes, que ambos chegam a estranhar, pois é como se jamais tivessem vivido nada parecido com outras pessoas e de fato não viveram. É impossível reproduzir em outros relacionamentos essa afinidade!

É por isso que a sua ausência deixa um vazio, mas não é o mesmo vazio que sentem as pessoas que estão tristes (não é esse), é diferente. Sabe o motivo? É que apesar do vazio as almas sabem que “possuem” uma a outra.

Então, o termo mais correto para esse “vazio” seria saudade. Elas sentem falta uma da outra, sofrem a ausência, no entanto, existe uma certeza da completude que uma causa na outra, que mesmo distante não estão sós. É complexo, eu sei.

É como se pudesse haver completude e cumplicidade, mesmo distantes.

 Porém, a saudade que fica dói. Mas, é uma saudade que cada alma em separado sabe que pode ser superada quando a conexão se reestabelece, mesmo a distância no tempo ou no espaço.

Esse tipo de ligação quase dispensa as palavras. O pensamento é uma energia facilmente captadas por elas, onde quer que estejam se comunicam.

Pode acontecer, inclusive, uma certa dificuldade na comunicação falada, pois, tamanha a afinidade, que as convenções sociais acabam truncando a comunicação usual. Explico: essas almas já se conhecem há muito tempo, mas, não lembram.

Os usos e costumes ditam regras para declarações de sentimentos em cada época, bem como acontece para firmar compromissos etc. 
Essas almas, que nessa vida acabaram de se reencontrar, não sabem que estão se reencontrando, ou melhor, sabem, porém, não lembram.
Por isso, existe um enorme conflito entre os sentimentos que possuem (que é muito grande, muito intenso), a afinidade e cumplicidade que tem um com o outro e as chamadas “normas ou padrões sociais” (o protocolo "certo" para cada situação).

Espera-se que as coisas tenham um tempo certo na sociedade, mas essas almas acabam sentindo coisas que parecem “fora de tempo”, como se fosse rápido demais, intenso demais etc.

Ocorre, no entanto, que para elas é só uma continuação daquilo que já existia noutro lugar, muito além disso tudo que conhece atualmente e daquilo que lembram.

Assim, o encontro de almas é marcado nas estrelas. Se você marcou um desses encontros ou reencontros saberá quando estiver diante de sua alma afim. Ainda que brigue com sua razão tentando entender a lógica disso, no seu íntimo saberá quando estiver diante dela, tenha certeza: você saberá!
Texto Revisado


Consulte grátis
     
 
Compartilhe
   


Autor: ANA PAULA DE JESUS   
Escritora e Poeta, Advogada, Psicóloga, Mediadora/Conciliadora e A.T. (acompanhante terapêutica). 
E-mail: apj.adv@gmail.com
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Publicado em 04/10/2019

Veja também
Como diminuir a carência e a solidão
Vamos malhar o Judas?
Para separar é preciso mais amor do que para casar!
Velha-moça - Menina feliz!
Ou você muda ou o mundo irá mudá-lo
Desesperança!

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.



Energias para Hoje
terça-feira, 23 de abril de 2019

energia
I-Ching: 34 – TA CHUANG – O PODER DO GRANDE
O momento é favorável para tomar atitudes, mas você deve saber usar corretamente o poder de que dispõe. A verdadeira força é a que nunca se afasta do caminho da justiça.


energia
Runas: Perdhro
Ganhos inesperados, revelações agradáveis.


23
Numerologia: Expansão
Bom dia para vendas, propaganda e promoção em qualquer área. Você pode fazer sua própria sorte hoje, permita-se a ousadia e busque vantagens para sua vida. Canalize sabiamente essa energia e atue de modo decisivo.




Horóscopo

Áries   Touro   Gêmeos   Câncer
 
Leão   Vírgem   Libra   Escorpião
 
Sagitário   Capricórnio   Aquário   Peixes




+ Lidos da Semana anterior
1. Suas barreiras são reais ou imaginárias?
2. Está na hora de tomar uma atitude!
3. Você faz de tudo pelo outro e não é valorizada nem desejada como gostaria?
4. Quando você vai começar a falar?
5. A intuição nos conecta com Deus
6. Aprendendo a não-ação
7. Liberte-se das influências
8. Canção-Krishna de Alma Para Alma

 
© Copyright 2000 - 2019 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa