Menu

Aprenda a usar o poder da mente

Atualizado dia 5/23/2024 3:38:49 PM em Almas Gêmeas
por Nadya Prado


Facebook   E-mail   Whatsapp

Se você acredita que uma doença pode lhe derrubar, você a fortalece. Do mesmo modo, a crença de que alguma pessoa possa atingir seu bem-estar, prejudicando-o, torna essa pessoa tão poderosa que essa ilusão alimentada, passa a ser verdade em sua vida.
Damos e tiramos o poder de pessoas, acontecimentos, objetos...
Então, se soubermos escolher com inteligência a que e a quem damos poder, teremos a possibilidade de transformação de nossa vida.
Tudo depende de nosso sistema de crenças. Pense em alguém que considera ter muita influência sobre você e sua vida. Pode ser uma influência positiva ou negativa.
Se pensou em alguém que lhe faz sofrer ou lhe faz bem, perceba o quanto você dá poder a essa pessoa.
Na realidade, não é a pessoa que tem por si só a capacidade de lhe infundir tanta influência, mas a crença que sua mente traz e fortalece como verdade.

Como sabemos, somos responsáveis por nossas escolhas e a vida é o reflexo delas. Escolhemos nossas crenças. Nesse sentido, podemos classificá-las como um sistema que utilizamos, assim como um software, que nos fornece interpretações de nós, dos outros, de situações.
Essa necessidade de acreditar ou não em algo é uma qualidade do ego que precisa de um mapa para se mover no território da vida.
Nada de errado nisso. O problema é que falta flexibilidade para mudar de posição quando necessário. Ser mais estratégico para reconhecer suas falhas e mudar seus caminhos.
Falta um tanto de inteligência espacial para que possamos sair das dificuldades com mais ampla consciência de situações ruins que podem ser revertidas em algo melhor.

E podemos dar poder não apenas às coisas da matéria como também as influências espirituais. Por que acreditaria no poder dos maus espíritos, de magia negra e olho gordo? Que bem iria fazer essa crença?
Com certeza, não traria nenhum benefício e me colocaria sob essas influências. Sintonizamos o que fortalecemos.
Eu estaria dando poder para que tais foças me dominassem e me manipulassem. Entraria facilmente na vibração do “inimigo”.
Talvez você esteja dando poder a alguém de sua família, um cônjuge um namorado. Muitos que vivenciam uma relação difícil creem na impossibilidade de mudar a situação conflituosa, porque dão poder exagerado ao outro. Não conseguem ver uma luz no final do túnel.
Ficam na expectativa frustrante de que qualquer mudança deve partir do outro.

Às vezes, ouço em consultório reclamações contundentes sobre mães manipuladoras, críticas, que não se importam com o filho, que o desvalorizam. Vejo verdadeiras “bruxas” segundo as descrições que recebo. Tamanha carência afetiva que faz da mãe uma poderosa malvada.
Não duvido que haja alguma verdade nesse sentimento de abandono, porém, é justo que vejamos os dois lados da moeda.
Ou então, alguém que se apaixonou, dedicou-se ao parceiro e não foi correspondido. Isso é dar poder ao outro e se colocar como vítima.
Fica mais fácil quando entendemos que os sentimentos são nossos e de mais ninguém. Nutrimos com as nossas crenças, eles nos pertencem.
A crença é sempre uma visão fragmentada, ela não é capaz de ser ampla e irrestrita.
Uma mãe malvada, também, vista por outro ângulo, é uma pessoa comum, que já foi criança, cresceu e provavelmente já se sentiu abandonada. É uma mulher, um ser humano. Porém, pela própria natureza dos laços maternos, é muito complicado para um filho reconhecer que está dando poder exagerado à mãe e à influência que ela exerce sobre sua vida.
Uma relação amorosa em que somos tomados pela surpresa de uma traição, um adeus, ou outra atitude do parceiro que nos atinge profundamente, só acontece porque nos anulamos.
As doenças também nos atacam quando se apoderam de nós. É uma questão de frequência vibratória que faz o sistema autoimune acreditar em nossa fraqueza, vulnerabilidade e medo, sob a imposição da mente.

Pense num limão agora... A salivação aumenta de imediato!
Quanto poder nós temos para criar nossa realidade.
Deixamos de crer no autopoder.
Sim, comece a dar poder a si mesmo!
É necessária uma grande dose de consciência. Para tanto, o caminho é expandi-la, sair da mesmice do ego. Ver lá de fora o que acontece aqui dentro.
Reconhecer o poder que temos em nossa mente para sermos felizes ou nos entregarmos ao sofrimento.

Em um conto budista, três homens questionaram Buddha sobre a existência de Deus e para cada um, ele respondeu conforme suas crenças. Para o primeiro que era ateu respondeu que sim, Deus existe. Para o segundo que acreditava em Deus, respondeu que não, desafiando suas crenças. Para o último que apenas lhe pediu uma orientação sobre a existência de Deus, ele se manteve em silêncio.
A verdade dos dois primeiros era relativa, enquanto o terceiro homem teve sua resposta em seu vazio mental, desapegado de crenças.

Prática para adquirir Poder

Visualize em sua aura um campo luminoso de energia, que de seu corpo se expande além dele.
Pense e visualize uma pessoa ou situação difícil que esteja lhe fazendo sofrer.
Faça com que sua aura vá crescendo, expandindo-se até empurrar a pessoa ou situação que está lhe incomodando.
Aos poucos, perceba que a pessoa ou situação vai se dissolvendo, perdendo força e sumindo.
Sinta-se grande tanto quanto a sua aura iluminada, sinta-se com muito poder!
Seja Amor!

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 84


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Conteúdo desenvolvido por: Nadya Prado   
Psicoterapeuta Transpessoal Técnica Naturopata, com extensão em Psicopatologias Psicanalíticas e Psicossomática Contemporânea., estudiosa dos estados alterados da consciência e transtornos psicológicos, inclusive mediunidade transreligiosa. Atendimentos online no skype Informações e agendamento envie email para [email protected]
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Almas Gêmeas clicando aqui.
Deixe seus comentários:



Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


Siga-nos:
                 




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 


Siga-nos:
                 


© Copyright 2000-2024 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa