Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

As vozes que você ouve

por Adriana Garibaldi
As vozes que você ouve

Publicado dia 2/8/2020 em Almas Gêmeas

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Se você for capaz de prestar atenção às vozes dentro da sua cabeça, seguramente concordaria comigo que não se trata somente de uma, mas de várias, uma multidão delas aí dentro. Não porque você está a ponto de experimentar um surto psicótico, mas porque existe em todos nos múltiplos egos ou identidades que no transcurso de nossas vidas vem exercendo sua influência sobre nós.

Quem são esses autores e roteiristas aos que damos ouvidos, permitindo-lhes dirijam nossas ações e respostas automáticas? Pais, mães, professores, familiares, amigos, todos eles trazendo diferentes mensagens, insuflando-nos crenças, ideias conceitos ou preconceitos a respeito de tudo, principalmente a respeito de nos, dos outros ou da forma de nos relacionar com eles.

Nosso campo mental é qual um grande condomínio onde habitam um amontoado de gente, agindo em resposta a seus próprios egos na luta por defender seus espaços.

Sem dúvida nos surpreenderíamos ao atentar que a maior parte das nossas ideias não são realmente nossas, no entanto,  bem capazes de dirigir as escolhas que fazemos.

Se formos hábeis em silenciar essas vozes, mesmo por um curto espaço de tempo, poderíamos catalogar cada uma delas e descobrir a sua origem, passando um pente fino para descartar muita coisa inútil e desnecessária de lá.

Convenhamos, vivemos num mundo de ideias, a maioria delas problemáticas, personalidades incapazes de cuidar convenientemente das suas próprias vidas.
Que poderia existir no mundo capaz de nos brindar uma direção correta?  Um caminho confiável no qual nos espelhar, se  quase a totalidade do entorno encontra-se doente, sofrendo de um mesmo mal, o medo, a falta de direção e de propósito.
Presos numa gaiola de preconceitos adquiridos que atravancam nosso movimento, paralisando-nos, com a sensação de sermos inábeis em conseguir aquilo que desejamos.

Quem deixa-se fluir confiante pelas águas da vida, ganhando fé em si mesmo, pode sem dúvida cometer  alguns enganos, mas nunca terá a sensação dolorosa de não ter tentado, feito da sua maneira, embarcando sem medo nas suas metas, mesmo com o risco de cometer alguns erros.

Você está aí a esperar? Tem medo de quê? ... Das vozes na sua cabeça? Garanto-lhe, elas são em realidade inofensivas, a não ser que você lhes de poder.

Faça uma lista, ainda hoje, de cada uma das crenças que o limitam e tente reconhecer a identidade por trás de cada uma delas.

O que herdamos de nosso passado, teve muita coisa boa também, conserve essas ideias boas numa caixinha especial, como joias raras que o ajudem , fortalecendo-lhe o caráter em tempos de incertezas.

Com o resto, no entanto, com as vozes do medo, da pouca valia, da limitação ou da culpa, faça diferente, silencie-as, e se despeça delas.

Saiba que a voz de sua alma é sempre benigna, benevolente, amiga, ela pode se mostrar rigorosa, algumas vezes, mas nunca destrutiva ou estúpida.

Pense nisso e se disponha à mudança a partir de você.

 

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 2

Sobre o Autor: Adriana Garibaldi   
Confira minha página no Facebook
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Você tem realmente esse tal Livre Arbítrio?
artigo Contrato com a morte
artigo Estesia
artigo A mudança deve ser interna

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa