auravide auravide

O sucesso é maravilhoso, mas cuidado com a autossabotagem


Facebook   E-mail   Whatsapp

Meu trabalho nos últimos dois anos tem sido em cima de um treinamento terapêutico que eu chamei de Jornada da Deusa. É um treinamento em 10 sessões, onde exploramos aspectos de 15 deusas – arquétipos femininos internos – e como fazemos para ter uma vida equilibrada e realizar os nossos sonhos. Fiz todo o processo comigo mesma, em dois anos – isso se não contar os 18 anteriores de autodesenvolvimento – e hoje eu estou colhendo os frutos disso.
Não, ainda não é o auge. Ainda tenho coisas que estão na lista dos meus desejos, ainda tenho muitas metas. Eliminar mais um pouco de peso e melhorar a saúde, me casar novamente, ter uma liberdade financeira maior. Mas hoje eu sinto que a minha vida, depois de muitos percalços, chegou a um equilíbrio bom, interessante. E fico muito feliz com isso.

Mas preciso dizer que isso me gerou ansiedade. Ansiedade mesmo, real, beirando a autossabotagem. De alguns meses para cá me vi abandonando, um a um, meus novos bons hábitos e ficando doente muitas vezes, impedindo algumas coisas de acontecer. Sim, temos uma pandemia acontecendo e isso não melhora as coisas, mas senti que a ansiedade – outrora controlada – estava voltando.

Sentei comigo mesma para ver o que estava acontecendo e percebi essas sabotagens. E percebi que um dos meus lados não queria ficar ali, no sucesso – embora não seja ainda o sucesso desejado. A questão era a vítima interna, que estava tentando me levar de volta para o poço.

Com o sucesso vem responsabilidades. E muitas. Muitas reuniões, pessoas que trabalham para você e dependem do seu salário. Um montão de clientes – às vezes aflitos – com milhares de energias diferentes. E isso é difícil.

Difícil não ser a coitada da vez. Difícil ser cobrada – e com razão. Ninguém cobra a coitadinha cuja vida não funciona, mas o prego que se destaca, esse sim é atacado. E isso, muitas vezes, me levou a me questionar e chegou a me derrubar na vida.

Não dessa vez, bebê. Agora estou vacinada e já entendo o que acontece. Tudo bem que isso me levou uns 4 quilos a mais e crises de ansiedade, mas eu entendi. Entendi que nesse lugar para onde estou indo não existem ganhos secundários. Ninguém vai demonstrar compaixão e, pelo contrário, vai pedir a sua ajuda. E sim, você também vai continuar pedindo, mas ainda assim será diferente.

Ninguém faz exigências de pessoas ignorantes. Se eu não sei algo, ninguém vai me perguntar ou exigir que eu saiba sobre aquilo. Mas quando você estudou e se destacou, aí a coisa muda. E não é fácil se adaptar a um mundo onde existem pessoas milhões de vezes mais bem-sucedidas lhe dizendo que ainda tem chão pela frente, ao mesmo tempo que tem gente falando para você parar ou que ficou esnobe ou – como ouvi outro dia – virou uma cobra comercial.

É engraçado. Mas o sucesso ainda incomoda. E não deveria. Não tem como você fazer sucesso se não passar a admirar o sucesso do outro. Senão cai na armadilha da autossabotagem. Eu estou bem, mas acordo todo os dias com projetos e ideias novas. Estou ainda caminhando, mas já consigo ver o quanto eu caminhei. E sei que esse reconhecimento não é de ninguém, senão de mim mesma.

Sigo em frente. Ainda cheia de coisas para fazer. Mas como é bom parar para comemorar um pouco. Quero agradecer, aliás, quem lê meus textos aqui há mais de 20 anos ou em todos os outros sites em que eu escrevo. Ou que me acompanha no Instagram @andreapavlo e curte as lives de tarô. Ou que faz um mapa, uma mandala terapêutica ou um treinamento comigo. Todos são parte disso. E sou muito, muito grata. E pronta para os próximos 20 anos!
Texto Revisado



 

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 3


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Conteúdo desenvolvido por: Andrea Pavlo   
Psicoterapeuta, taróloga e numeróloga, comecei minhas explorações sobre espiritualidade e autoconhecimento aos 11 anos. Estudei psicologia, publicidade, artes, coaching e várias outras áreas que passam pelo desenvolvimento humano, usando várias técnicas para ajudar as mulheres a se amarem e alcançarem uma vida de deusa.
E-mail: contato@andreapavlo.com | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Almas Gêmeas clicando aqui.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa