auravide auravide

Aprendendo a observar a mente


Facebook   E-mail   Whatsapp

Durante a minha recente visita ao Parque Torres del Paine, eu vi rebanhos de lhamas que pastavam no habitat natural. Uma coisa que achei particularmente fascinante foi que em cada um dos rebanhos, o macho dominante atua como uma "sentinela". A sentinela coloca-se no topo para testemunhar constantemente a sua terra, atento à onças-pardas, o único predador natural desse animal. Quando uma onça é vista, a sentinela lança um barulho afiado para alertar o rebanho e instar a fuga.

Foi a calma e a presença da sentinela que me chamou a atenção: uma metáfora notável do amor-consciência testemunhando o intelecto. Do mesmo jeito que ela fica monitorando o redor, assistindo impassível até mesmo os menores movimentos do mundo, o sussurro do vento, os condores, pequenos mamíferos em movimento, o amor-consciência observa o movimento da mente, o fluxo incessante de pensamento.

A sentinela atua somente quando vê o perigo, assim como o amor-consciência que age apenas em relação às coisas realmente importantes; - todas as preocupações sobre o passado e o futuro, ansiedades sobre a percepção dos outros, ansiedades mundanas da vida - não são coisas que percebe. Esta é a sabedoria da natureza: não está presa nas dificuldades ou preocupações, ela somente engata quando é realmente necessário, e depois volta para a calma.

É claro que às vezes temos decisões a tomar, questões familiares a serem discutidas ou eventos inesperados. Mas, como a sentinela, o amor-consciência usa sua energia sabiamente somente quando deve agir ou decidir. Em outras situações, o amor-consciência habita no momento presente, em silêncio, em vez de desperdiçar sua energia, considerando as possibilidades e temendo um futuro que nem sequer existe.

É claro que temos que responder quando “a onça” se apresenta em nossas vidas modernas e ocupadas, mas na maioria dos casos, os medos e preocupações são inventados pelo intelecto e não constituem uma ameaça real.

Para a maioria das pessoas, os pensamentos têm um poder incrível. Qualquer pensamento simples, geralmente relacionado a algum evento futuro improvável pode gerar ansiedade, preocupação, paranoia ou estresse. A adrenalina é disparada através da corrente sanguínea, criando tensão no sistema nervoso.

Quando estamos perdidos na cabeça, não conseguimos discernir entre a realidade ou não, entre o essencial e irrelevante; Nos protegemos contra ameaças que nem sequer existem.

Comecemos a desenvolver as habilidades da silenciosa sentinela, vivendo ancorados no aqui e agora, respondendo às exigências do nosso mundo de forma consciente e espontânea, sempre presente nas profundezas do nosso ser.

Até a próxima!

*Tire umas férias do ser, participe com Isha dos retiros especiais de uma semana no Centro Internacional para a Paz no Uruguai clicando aqui

Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 6


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Isha Judd   
Isha é mestra espiritual reconhecida internacionalmente como embaixadora da paz. Criou um Sistema para a expansão da consciência que permite a auto-cura do corpo, da mente e das emoções. Site oficial www.ishajudd.com
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Autoajuda clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa