auravide auravide

Desligando o instinto de briga


Facebook   E-mail   Whatsapp

Muitas vezes no dia a dia, caímos na armadilha de brigar com nossas circunstâncias imediatas. Nos encontramos em situações inconvenientes que não podemos mudar e elas nos enfiam numa tempestade mental de agitação e amargura. Podemos chamar essa tendência de "luta contra o instinto". Ela se ativa, por exemplo, quando estamos naquela fila eterna no aeroporto preocupado em perder o voo, ou quando a luz vai embora e perdemos a metade do dia de trabalho, ou quando descobrimos que o nosso cão comeu a carne que íamos dar aos hóspedes etc.. Em vez de brigar inutilmente contra a realidade, podemos responder de forma diferente: podemos ativar a nossa capacidade de testemunhar e usar tais experiências como oportunidades para aumentar a nossa consciência.

Tem gente que briga duas vezes por dia, cinco dias por semana - indo para o trabalho no trânsito. No entanto, os engarrafamentos são uma excelente oportunidade para transformar aquele incômodo num exercício de aceitação, o que vai nos permitir cultivar a consciência.

Nas cidades grandes, as rotas de volta para casa do trabalho que normalmente levam quinze minutos, viram duas horas, fazendo que qualquer correlação entre o tempo e a distância seja dissolvida. Às vezes ninguém se mexe por muitos minutos. Os motoristas já sabem o que os espera, pois a mesma coisa acontece todos os dias. No entanto, muitos deles passam buzinando, rangendo os dentes e segurando o volante com enorme pressão para combater uma realidade inevitável. Ficam tensos por causa de outras coisas que deveriam estar fazendo, quando é evidente que a única coisa que podem fazer é avançar no tráfego lento para encontrar a saída.

Quando começamos a cultivar o amor-consciência, percebemos que esses momentos devem ser apreciados. Descobrimos que podemos optar por deixar ir, rendendo-se a essa situação e transformá-la numa oportunidade para estar com nós mesmos. Podemos transformar o que parece ser um desconforto inevitável numa experiência relaxante, agradável e meditativa que nos tranquiliza e nos conecta com nosso interior.

Quantas vezes sua cabeça evita a realidade, no lugar de se render e abraçar o que poderia ser um momento maravilhoso e pacífico? Da próxima vez que você estiver preso no trânsito, ao invés de lutar contra aquilo que não pode ser alterado, use o tempo para ir dentro de você: desligue o rádio, desligue o telefone, feche os olhos por um momento e preste atenção ao seu coração, ancore-se dentro de você. Deste jeito, você entra em seu ser, rendendo-se à realidade externa. O caminho para casa ou qualquer atividade que o tire da sua paz deixarão de ser desperdiçados para se tornar num tempo para fortalecer sua testemunha interior.

Até a próxima!

*Tire umas férias do ser, participe com Isha dos retiros especiais de uma semana no Centro Internacional para a Paz no Uruguai clicando aqui

Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 4


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Isha Judd   
Isha é mestra espiritual reconhecida internacionalmente como embaixadora da paz. Criou um Sistema para a expansão da consciência que permite a auto-cura do corpo, da mente e das emoções. Site oficial www.ishajudd.com
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Autoajuda clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa