Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Melhore a sua vida afetiva

por Adriana Mantana

Publicado dia 20/4/2020 em Autoajuda

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Você sente que a sua vida afetiva é pesada e conflitante? Sente ansiedade e insegurança na maioria das vezes? Sente medo de ser abandonada e tem ciúmes? Bom, se você respondeu sim para alguma pergunta que lhe fiz, fique comigo até o final porque acredito que este texto poderá contribuir com você e com a sua vida a dois. 

Além disso, no final do texto, vou sugerir alguns caminhos para você, que está cansada e deseja melhorar a sua vida afetiva.

 

Antes de entrar no texto propriamente dito, gostaria de esclarecer que não tenho a intenção de esgotar o conteúdo sobre o tema, pois além de vasto ele é complexo. Portanto, seria necessário um tempo maior para isto, o que não contempla neste espaço que é curto e mais limitado. Gostaria de pedir para não levar nada para o lado pessoal, como eu disse meu intuito aqui é contribuir com você de alguma forma.

 

Agora, sim, vamos ao assunto.

 

Discussões infindáveis de relação não funcionam (acredito que você já sabe disto). Sabe, aquele tipo de assunto que nunca acaba, você faz uma DR hoje e na semana que vem você novamente se vê com a mesma questão em pauta?

 

Isto acontece de forma recorrente porque a situação realmente não foi resolvida, pois tudo aquilo que é resolvido, existe um ponto final naquele tema ou questão específica.

 

Sabe aquele dia que ele olhou, falou ou fez determinada coisa e você odiou até a uma fibra do seu ser? É disto que estou falando, tenho certeza de que já falaram sobre isto várias vezes, inclusive, novas brigas saíram daí por conta da repetição do assunto. Provavelmente, ele até disse: até quando vamos ficar falando disso? Claro que estou sendo elegante aqui com você, pois na vida diária, muitas vezes as brigas se tornam acaloradas e palavras de baixo calão são proferidas um contra o outro (o que causa um maior distanciamento).
 

Em alguns casos, a falta de habilidade de colocar um ponto final no assunto (curar a questão dentro de você), causa o término da relação. Porque a DR passa para a briga constante, vira raiva e a falta de perspectiva de melhorar o relacionamento. Isto consequentemente acaba gerando o rompimento em alguns casos.

 

Fora que a constante discussão de relação acaba desgastando o relacionamento, ou seja, aquela chama vai diminuindo até acabar.

 

Não discuta a relação (nome de um livro), ao invés disso vá na fonte, naquilo que realmente pode melhorar a sua vida a dois. Sabe onde está a fonte? Dentro de você, não está no outro.
 

Antes de você ficar brava comigo, gostaria de ressaltar que a relação tem mão dupla. E o que falei desde o início é que discutir não funciona, porque se funcionasse você nem estaria aqui lendo este texto, não é verdade?!

 

Se você já sabe que ficar brigando e discutindo não funciona, onde você realmente tem poder? Acertou se disse: “Tenho poder sobre o que penso e sinto”.
 

Nas relações afetivas, a tendência é jogar em cima do outro a culpa por tudo.
 

Funciona assim: Ele joga a culpa em você e você joga a culpa nele.

 

Portanto, existe um pingue-pongue infinito, até um dos jogadores se cansar e sair do jogo.
 

Daí você pode me dizer: “Sim, isto mesmo Adriana, vida que segue”.
 

Eu te respondo: “Errado, pois você não resolveu e nem melhorou a sua vida afetiva, só está empurrando com a barriga (vulgarmente falando)”.

 

Sabe aquele velho ditado: “Quando um não quer, dois não brigam”.

 

Este ditado é muito real e prático, você só não consegue aplicar isto porque existem questões dentro de você que precisam ser trabalhadas.

Sabe aquela mágoa, ressentimento e raiva que você tem do seu ex e que acaba descontando no atual? Pois é...
 

Não adianta querer consertar algo em um minuto se a questão é mais profunda e delicada.
 

O que vejo nos meus atendimentos é que existe um acúmulo de frustração e mágoa. Sabe aquela panela da ceia de Natal? Se você ignorar a sujeira e deixar ela em um canto, qual a probabilidade dela ser limpa sozinha? Acertou se pensou em 0%.
 

Então, o que te leva a crer que com as suas questões internas isto pode ser feito?

 

Agora, imagine, você tem suas questões internas e seu parceiro tem as dele. No entanto, a única que você consegue ter alguma ação efetiva é sobre as suas.
 

E, detalhe, quando você olha, limpa e se cura, o outro sente isto em você e tem outra reação. E, consequentemente, o relacionamento melhora.
Como eu disse, eu atendo várias mulheres nesta situação e o que elas me dizem no final do tratamento é o seguinte: “Ele mudou e está outro na relação”. Isto só foi possível porque limparam a mágoa, raiva e ressentimento dentro delas.
 

E sabe o que eu sempre digo já no final do processo terapêutico delas?

 

“Você que mudou, ele só acompanhou o novo passo da dança”.
 

Porque uma relação a dois é uma dança, quando um entra no ritmo, o outro acaba acompanhando. Isto torna uma relação ainda mais significativa e duradoura.
 

Como eu tinha falado no início do texto, vou deixar alguns caminhos aqui, caso queira percorrer algum deles e melhorar a sua vida afetiva, será um prazer te conhecer e falar diretamente com você.

 

Caminho 01: Eu fiz uma meditação de centramento e meditação no meu canal do YouTube, caso queira praticar basta CLICAR AQUI aproveite e se inscreva no canal.

 

Caminho 02: Se você deseja um passo a passo estruturado para melhorar a sua vida a dois, além das reflexões que deixei aqui no texto para você CLIQUE AQUI

 

Caminho 03: Caso não consiga sozinha, está cansada de tentar métodos sem acompanhamento profissional e deseja agendar uma sessão de terapia individual comigo CLIQUE AQUI

 

Cuide-se com mais amor!

 

Abraços,

 

Adriana Mantana

Texto Revisado
 


Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 19

Sobre o Autor: Adriana Mantana   
Bióloga, Terapeuta Integral, Consteladora, Renascedora, Terapeuta ThetaHealer®, Terapeuta de Barras de Access™, Floral de Bach, Radiestesista, Operadora de Mesa Quântica Radiônica, Cromoterapia, PNL, Mestre em Reiki Usui, Hooponopono, Cristaloterapeuta, Giver Deeksha, Terapeuta de Integração Quântica do Ser® e Ativista Quântica. CRTH 4103
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Cuide da sua energia
artigo O Invisível, visível, 2
artigo Quando as Estrelas Descem Para Dançar no Coração do Homem
artigo O poder do desinteresse

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.








horoscopo



auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa