Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Não subestime a sua vida afetiva, ela pode te destruir ou te elevar

por Adriana Mantana

Publicado dia 6/4/2020 em Autoajuda

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Se você é uma pessoa que já teve o seu coração partido, machucado, humilhado e ferido, fique comigo até o final, vou lhe mostrar que a vida afetiva pode elevá-lo ou destrui-lo. Fazendo com que muitas vezes você não tenha força, atitude ou até mesmo vontade de fazer algo em sua vida.

Antes disto, já vou alertar para não levar nada para o lado pessoal. Estou aqui com o intuito único e exclusivo de contribuir com você. Lembrando que eu não tenho a pretensão de esgotar o tema aqui neste texto, pois este assunto é muito amplo. Portanto, trarei alguns pontos para despertar em você o senso crítico e de autoanálise.
Tudo começa com o fato de você se encantar e colocar todas as suas fichas no outro. Ou seja, você delega a sua felicidade e o seu coração nas mãos dele. O fato é que isto na imensa maioria das vezes não dá certo.

Mas eu não a culpo, afinal, você não aprendeu quando era criança a importância do relacionamento afetivo. Você absorveu conceitos e percepções sobre a vida a dois, observando a vida afetiva dos seus pais. Minar as forças, isto é o que uma vida afetiva desestruturada faz com você.
E se você é como 85% das pessoas, você veio de um lar desestruturado, portanto, infelizmente lamento informar que o seu modelo mental de relacionamento afetivo, está baseado no fracasso.
Como eu disse e vou reforçar, não leve para o lado pessoal. Estes dados são baseados nos meus atendimentos e em pesquisas que faço estudando e analisando os diversos cenários.
Pesquise o percentual (%) de divórcios para você ter uma leve noção do que estou querendo dizer neste texto. Isto para não aprofundar em maiores dores como violência doméstica, alcoolismo, morte e traições. Além de outros fatores causais, a vida afetiva tem números significativos em relação a crimes passionais, mais acredito que você já sabe disto.
Então, dentro de você existe uma imagem mental arraigada sobre:
  •  O que você acha dos homens.
  •  Como seu pai tratava a sua mãe.
  •  Se você se acha merecedora de amar e também ser amada.
  •  Qual foi o seu modelo afetivo na infância.
Saiba que isto são somente moldes, não tem nada a ver com você. Mas o que você viu e sentiu na infância, infelizmente, ainda estão dentro de você.
Portanto, a vida a dois pode elevá-lo(a) porque se você estiver bem na área afetiva, o céu não é o limite, pois você terá ânimo, foco e vontade de crescer, trabalhar e prosperar.
 
O contrário não é verdadeiro, se você não está bem nesta área, não tem motivação para fazer nada na vida e fica com aquela sensação de vida parada. Ou seja, frustrada por não avançar, porque uma vida afetiva mal resolvida suga suas forças. E literalmente se você não cuidar para resolver isto ela o destrói.
 
Eu pessoalmente já atendi várias mulheres em situações de dor profunda e grandes dificuldades por conta da área afetiva. E notei, na prática, o quanto esta área é fundamental para o crescimento em todas as outras.
 
Pensando em contribuir com você, quero convidar para ouvir uma meditação que gravei no meu canal, que a Meditação de limpeza e centramento. Ela vai lhe dar maior clareza mental, para você tomar as suas próprias decisões. Caso queira ouvir CLIQUE AQUI aproveite e se inscreva no canal, vai ser maravilhoso ver você por lá.
 
Caso queira exercícios focados para trabalhar a sua vida afetiva, eu gravei 8 vídeos-aula sobre este tema. Inclusive, com sugestões de filmes e livros de aprofundamento. Se você tem interesse em trabalhar com estes exercícios, que eu preparei baseado nos atendimentos que já fiz e em minha própria vida CLIQUE AQUI
 
Agora, se você já não aguenta mais ficar frustrada por conta de sua vida afetiva, se está triste, decepcionada, com raiva, magoada e quer resolver isto com o meu acompanhamento através de sessões online CLIQUE AQUI para ver a possibilidade de agendamento.
 
Cuide-se com amor!
Você merece mais.
Abraços
Adriana Mantana
 
Texto Revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 13

Sobre o Autor: Adriana Mantana   
Bióloga, Terapeuta Integral, Consteladora, Renascedora, Terapeuta ThetaHealer®, Terapeuta de Barras de Access™, Floral de Bach, Radiestesista, Operadora de Mesa Quântica Radiônica, Cromoterapia, PNL, Mestre em Reiki Usui, Hooponopono, Cristaloterapeuta, Giver Deeksha, Terapeuta de Integração Quântica do Ser® e Ativista Quântica. CRTH 4103
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Cuide da sua energia
artigo O Invisível, visível, 2
artigo Quando as Estrelas Descem Para Dançar no Coração do Homem
artigo O poder do desinteresse

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.








horoscopo



auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa