auravide auravide

Seu relacionamento, sua cura


Facebook   E-mail   Whatsapp

O seu relacionamento pode curar você. Sei que é uma afirmação audaciosa, mas ela é verdadeira. Fique comigo até o final que vai entender exatamente como o seu relacionamento pode curar você e a sua vida.

Antes de entrar no texto propriamente dito, gostaria de te pedir para não levar nada para o lado pessoal no sentido negativo. Meu intuito é de colaborar com você de alguma forma, através do meu trabalho e estou falando isto, pois vou falar sobre um aspecto na psicologia que é a sombra psicológica através na projeção. E muitas vezes percebo que existe uma grande barreira quando eu toco neste assunto. No entanto, gostaria de frisar que, mesmo não sendo confortável, trata-se de um caminho da autocura com profundidade.

Nem tudo são flores em uma vida de casal, tenho certeza de que você nota isto na prática do seu dia a dia.

Afinal, o outro vem de uma determinada criação, tem suas próprias crenças, traumas, bloqueios e vivências, em alguns casos difíceis na infância.

E com você acontece o mesmo. Ah, antes que eu me esqueça, eu abri um novo grupo no WhatsApp chamado Amor Próprio, se você quiser ouvir um áudio de segunda a sexta feira, de no máximo 2 minutos gratuitamente (Terapia na Prática) CLIQUE AQUI Agora continue comigo.

O ser humano anseia por um “complemento”, pois existem alguns fatores psíquicos fragmentados, por isto existe esta busca ansiosa e frequente por um parceiro afetivo.

Um dia você quis se relacionar, você pode até não se recordar ao certo quando foi exatamente o momento que isto aconteceu. O fato foi que houve um despertar afetivo.

Normalmente isto acontece na pré-adolescência, no entanto, isto apresenta variações para mais ou para menos.

Quando você quis se relacionar, algo em você se transformou, como uma crisálida que sai do casulo.

Um marco tanto para você, quanto para o seu futuro parceiro.

Não pense que uma vida afetiva não requer atenção e cuidados; como uma planta isto requer um trabalho diário. E muitas vezes isto gera cansaço e fadiga emocional.

O que noto nos meus atendimentos em consultório é que a imensa maioria das pessoas não cultiva com profundidade a sua vida a dois, pode ser por cansaço, mágoa ou até mesmo vingança. Em alguns casos, só uma pessoa faz tudo e a outra parte nada, ou quase nada.

No início de uma relação, a paixão é vívida, intensa e existe muita alegria no ar.

Isto porque existe aquela sensação de complemento que eu citei acima.

Com o passar do tempo, no entanto, esta paixão acaba e aí começa uma possível cura se você estiver aberta para isto.

Quando digo que o seu relacionamento afetivo pode curar você, quero dizer que ao se relacionar, todos os seus traumas, dificuldades, angústias e bloqueios são ressaltados pelo outro.

Não quer dizer que ele ou ela estão adivinhando e cutucando suas feridas exatamente para te machucar. Isto acontece na maioria das vezes de forma inconsciente.

Não vou me ater aos casos em que a pessoa sabe que está ferindo a outra e faz isto de forma consciente, ou seja, de propósito. Isto é um assunto para outro artigo.

Voltando para a situação em que o seu parceiro faz isto de forma inconsciente, ou seja, não premeditado.

Enquanto escrevo, note o que você sente em seu corpo, se você permitir algo poderá ser alterado de forma positiva para você, com a leitura deste texto.

A pergunta que eu te faço é a seguinte: O que te incomoda no seu parceiro? Como se sente na imensa maioria das vezes perto do seu parceiro?

A sua cura ou autocura começa no momento em que você reconhece que tem dentro de você, aquilo que você rejeita no outro (projeção). Ou seja, se te irrita e te machuca, pare, pois isto de alguma forma está arquivado em sua psique.

Isto pode ter correlação da forma que você foi tratada na infância, ou até mesmo durante a sua gestação (as sensações e pensamentos que a sua mãe teve quando estava grávida de você).

Vou te dar dois exemplos para ficar mais fácil.

Ele faz alguma coisa e você se sente machucada, pois sente que não tem importância para ele. Ou ele faz alguma coisa e você sente insegurança e ansiedade.

Se você ao sentir este desconforto for a fundo nesta ferida, vai descobrir que este sentimento pode inclusive nem ser seu e sim da sua mãe, ou de outra pessoa de sua família.

Pode descobrir também que você teve um contágio psíquico de sua mãe, enquanto ainda estava no ventre dela.

Todas as informações estão dentro de você. No entanto, para acessar, primeiro, você precisa estar disposta ir mais fundo na ferida, quando ela vier à tona. Segundo, silenciar a mente para “ouvir” e perceber o seu inconsciente quando ele vier à tona. E terceiro, integrar suas partes fragmentadas e feridas.

Quando você conseguir fazer isto, você consegue a sua autocura.

Consequentemente, passa a ter outra qualidade de vida e isto valida o que eu disse acima, que o seu relacionamento é a sua cura.

Pois ele é um canal que te dá acesso direto às suas dores escondidas e “perdidas” no tempo.

Trata-se de um método libertador.

Eu atendo em consultório já faz bastante tempo e ministro formações e Workshops em todo o Brasil. Ajudo várias mulheres que estão machucadas e desejam uma cura, para elas e para a relação afetiva.

Então, se fizer sentido para você vou começar uma nova turma de acompanhamento, que dá inclusive direito a uma sessão individual de terapia comigo, mais o acesso de um ano no Portal Integração onde tem conteúdo de aprofundamento, exercícios Terapêuticos Guiados, pdf’s e vídeo aula. Caso queira fazer parte desta nova Turma do Programa Meu Relacionamento, Minha Cura CLIQUE AQUI

Caso queira fazer parte do Portal Integração sem participar do Programa, pode fazer parte de forma Avulsa. Nele, como eu disse, existem vários exercícios Terapêuticos, leitura terapêutica, pdf’s e vídeo aula. E todas as semanas alimento o Portal com conteúdo novo (vídeos ou textos exclusivos). Para fazer parte CLIQUE AQUI

Além disso, se quiser trabalhar o seu equilíbrio e serenidade, gravei uma Meditação de Centramento e Limpeza no meu canal do YouTube, caso queira ouvir CLIQUE AQUI aproveite e se inscreva no canal, vou adorar te ver por lá também.

Cuide-se com amor!

Instagram CLIQUE AQUI

Abraços.

Adriana Mantana

Texto Revisado

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Conteúdo desenvolvido por: Adriana Mantana   
Bióloga, Terapeuta Integral, Consteladora, Renascedora, Terapeuta ThetaHealer®, Terapeuta de Barras de AccessT, Floral de Bach, Radiestesista, Operadora de Mesa Quântica Radiônica, Cromoterapia, PNL, Mestre em Reiki Usui, Hooponopono, Cristaloterapeuta, Giver Deeksha, Terapeuta de Integração Quântica do Ser® e Ativista Quântica. CRTH 4103
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Autoajuda clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa